segunda-feira, 22 de outubro de 2012

O legado de Sá Pinto

"PB, não esquecer uma coisa.
Posicionamento pode depender da capacidade de encaixe de um jogador, mas uma percentagem maior dependerá mais da forma como o treinador transmite a informação, ou falta dela. Na defesa do SCP nem só Rojo faz isso, todos os outros centrais também o fazem. Isso indica algo." Escrevia assim o Jorge D. do blog Centro de Jogo, num post em que se criticava Rojo pelas suas constantes e habituais falhas posicionais. 

Não se enganou. Colectivamente a ex equipa de Sá Pinto é muito possivelmente a pior no momento defensivo do jogo de toda a Liga portuguesa. Há não muito, quando comparávamos as loucuras de Jesus com a recente loucura de Sá Pinto (corredor central despovoado), referimos que pelo menos as equipas de Jesus sabiam o que fazer no campo. Podiam defender com poucos, mas estavam preparadas para o fazer. Este Sporting não tem um mínimo de coordenação colectiva defensiva. Ninguém se liga a ninguém, ninguém dá as melhores respostas posicionais a cada situação nova. Sem bola é uma equipa à deriva no campo. Os erros individuais sucedem-se e é difícil separá-los da ausência de trabalho colectivo.

Depois de vários insucessos, talvez seja fácil condenar o Sol e as estrelas. Todavia, o grande problema do Sporting é hoje, o mesmo de há muito tempo. Ausência de competência na equipa técnica. Alguém que tenha um mínimo conhecimento do jogo e que saiba transportá-lo para o campo. E é mais do que óbvio que nenhuma destas condições esteve reunida nos últimos anos. 

Não parece tolerável nos dias que correm, com tanta informação disponível haver uma equipa tão desorganizada sem bola como a que Sá Pinto deixou. 







31 comentários:

Mike Portugal disse...

A verdadeira pergunta que eu te ponho é esta: isto foi um problema de Sá Pinto ou da equipa técnica de Sá Pinto?
Sei que a pergunta pode parecer parva, porque Sá Pinto é o "boss" da equipa técnica, mas até que ponto se ele tivesse outros "recursos" à sua disposição, não conseguiria fazer um trabalho melhor?

PB disse...

Como é óbvio é do Sá Pinto. Ele é que era o treinador. Ele é que tem de trabalhar a equipa colectivamente. Ou é só dar o nome e ganhar o dinheiro, só pq é o Sá Pinto?

Ricardo Galeiras disse...

Pagaste de ponta o homem. Mas olha que há um Castelo no meio disso que deve ter muita culpa!

PB disse...

nem vou pegar, pq qd pegar... rasgo-o todo, para além da merda toda q fez que é visivel no campo ao fdsemana. As coisas já n estavam boas, mas c ele regrediram-se anos e anos e anos (já falamos sobre isso... :) )


O Castelo ou outros adjuntos não têm responsabilidade nenhuma. ELe é que era o treinador... Isto está mt para além de uma questão de treinar bem ou mal, é simplesmente de nem de "boca dão a táctica".

Para uma equipa ser tão péssima, chego a pensar q era à aula de Ed.F do antigamente. 11 para cada lado, coletes, joguem. E nem informação era passada.

Mike Portugal disse...

Sim, mas a minha questão é mais no sentido de: se vier outro treinador mas lá ficar o resto da equipa técnica, será que os mesmos erros se vão ver?

PB disse...

Se for um bom treinador, não. Alias nem precisa de ser um bom treinador. O Paulo Sérgio dava 100 a 0 a isto.

Eu n acredito sequer que o Sá Pinto planeasse os treinos. Aparecia lá...é q nc vi nada tão grave em termos tácticos nos últimos 5,6 anos

Mike Portugal disse...

Desculpa insistir no assunto, mas como percebo muito pouco deste assunto, gostava que me esclarecesses um ponto. Tirei esta listagem da antiga equipa técnica:

Sá Pinto(Treinador)
Hugo Porfírio(Treinador Adjunto)
Jorge Castelo(Treinador Adjunto)
Nélson(Treinador Guarda Redes)
Márcio Sampaio(Preparador Físico)
Tiago Moutinho(Preparador Físico)

Tirando o Nelson, cujo o seu papel é óbvio, qual deve ser exatamente o papel de cada um dos outros no treino?

PB disse...

Mike, é o papel que o Sá Pinto definir. ELe é q define tudo. Se o Sá Pinto quiser eles apanham os pinos e já chega.

Só terem (2) preparador(es) físico(s) já explica mta coisa da visão do treino e do futebol do Sá Pinto...

PLF disse...

PB,

O Tiago Moutinho era o adjunto principal.

PB disse...

Não sabia...o meu comentário foi no seguimento do comentário anterior que o apontava como preparador físico. Nem faço ideia do que o Sá Pinto definiu para cada um deles. Só eles e os jogadores saberão.

Mike Portugal disse...

Eu de facto não percebo puto disto. lol
Eu pensava que 2 preparadores físicos e 2 adjuntos eram demasiado para uma equipa de 26 jogadores.

PB disse...

Geralmente não é preciso tanta gente... digo eu. Eu se liderasse uma equipa técnica não quereria tanta gente. Mas suponho que mais é melhor que menos... se há dinheiro para pagar a todos...

Mike Portugal disse...

Obrigado.
Então neste caso eu proponho uma nova ficha técnica para o SCP:

Treinador - PB
Adjunto - Jorge D. (Centro de Jogo)
Adjunto - PLF
Adjunto - Nuno (Entre 10)

LOL

PB disse...

Disse o Seara (do benfica...) q amanhã já há treinador...

PB disse...

Qt à tua equipa técnica, não sei se resultava. Eu não abdicaria das minhas coisas. Acho que não poderia ter adjuntos que quisessem ser dominantes :)

Pedro disse...

O que mudou daqui?

http://lateral-esquerdo.blogspot.com/2012/03/matias-pereirinha-e-izmailov-em.html

http://lateral-esquerdo.blogspot.com/2012/04/os-parabens-sa-pinto.html

http://lateral-esquerdo.blogspot.com/2012/04/justo-ainda-que-curto.html

O Matias e o Polga?

hertz disse...

Realmente, vendo estas imagens até custa a acreditar tanto amadorismo. Na última imagem, que é o lance do 3º golo, aquele posicionamento ridículo do Xandão(?) é que está a pôr o jogador do Moreirense em jogo.
Com o Sá Pinto, os jogadores andavam à deriva. Ele pensava que bastava os jogadores jogarem com garra.
Quanto ao novo treinador, vi num jornal qualquer que a saída do Duque e do Freitas permitia a vinda do Scolari. Anda lá uma confusão naquele clube.

PB disse...

Pedro, o q mudou em termos defensivos ai foi essencialmente o defender sp com 10 atras da linha da bola. Q é algo q n se faz contra 90 por cento dos adversários.

PB disse...

mas tb é obvio q o polga c todas as suas limitações sabe mais disto que os centrais todos q têm jogado este ano juntos.

JMM disse...

O post em causa revela um problema muito mais extenso.

(i) um modelo de jogo em que os centrais encostam às alas e os laterais sobem no terreno. Até foram comprados centrais que jogam também na ala.

A minha questão com isto é evidentemente não entender a virtude de ter 8 jogadores para lá do meio campo sem linha de passe para o central sair a jogar. A subida dos laterais é comum mas, como os médios não descem, os centrais não raras vezes são obrigados a "passar" longo. Mais, Xandão. Como se pode verificar o ponto (i) com um central com este perfil?

(ii) Falta de mobilidade dos Médios centro. Invariavelmente Elias, Schaars ou qq outro são incapazes de descer. Juntam-se num mesmo local sem dar linhas de passe ao colega.

Assim como são incapazes de "controlar" o meio campo em posse de bola. Quando recebem não raras vezes o fazem completamente cercados e não raras vezes passam para trás novamente.

Depois seria, a meu ver, lógico que o passe fosse feito mais perto do adversário de modo a o "tirar" do lance e dar mais espaço ao colega. Contudo isso não é feito, largam a bola ou para trás ou depois de um afastamento do adversário que lhe permite continuar a acompanhar a jogada.

Facilmente se ilustra este ponto com Prajnic. O croata, naquele lance em que isola Wolfswinkel o faz porque parte para cima do adversário possibilitando o movimento do ponta de lança. OS demais médios do Sporting são incapazes de fazer esse tipo de movimento.

(iii) Laterais não parecem ter os movimentos treinados. Parecem estar "agarrados" à necessidade de cruzar constantemente para a área onde, invariavelmente, está um PL contra 4 defesas. Quando Insua contraria a tendência e vai para o meio com a bola controlada a equipa cria mais perigo do que a bombear (normalmente mal, demasiado longo) para a área.



(vi) Capel não consegue desequilibrar sem ser em velocidade. Não tem técnica para finta no um para um, por isso corre. E corre quer seja para a linha quer para o meio num movimento que quase sempre acaba em perda de bola ou passe para trás.

Entendo as virtudes de um Capel em jogos contra equipas que jogam subidas no terreno. Agora contra equipas que jogam sempre atrás do meio campo, qual a virtude de um Capel?

Como ponto de comparação usem Viola com a sua força e Carrilo com a sua técnica. São capazes de criar mais desequilíbrios pois têm outras armas, armas que um extremo no SCP precisa.

(v) PL: Wolfswinkel. É difícil ser Wolfswinkel, um PL com um excelente registo de golos mas que joga demasiado sozinho. É um problema que resulta dos pontos anteriores: como os outros não desequilibram obrigam o PL a estar sozinho contra 3 ou 4 jogadores adversários.

Ao contrário do que leio, não me parece um problema do 4-3-3 resolvido com um 4-4-2. Parece-me que não havendo desequilíbrios até num 4-1-5 Wolfswinkel estaria sozinho


Foram apenas alguns pontos. Entendam que não percebo nada da vertente técnica e tácita do futebol. O que digo acima é reflexo do que vejo em Alvalade e na televisão. São os olhos de um adepto, apenas isso. E os olhos do adepto podem "dizer" asneiras, contudo seja ou não asneira é , efectivamente, o que vejo.

Pedro disse...

"Só terem (2) preparador(es) físico(s) já explica mta coisa da visão do treino e do futebol do Sá Pinto..."

Podes falar mais disto?

PB disse...

andam a correr e aos saltos em vez de andarem a jogar à bola :)

Mas, ao contrário de mta gente, acho o trab físico bem importante e se os jogadores são profissionais, exigia-o. Mas, não nesses termos. Não feito no relvado nem por preparadores físicos.

No.Worries disse...

Quase que dá vontade de fazer a pergunta que muitos fizeram há uns meses: será Sá Pinto o Guardiola do scp?!? LOL, se calhar até é melhor que o Guardiola...
Mas aqui não podemos esquecer um pequeno pormenor: o legado do Sá Pinto não pode ser dissociado da herança do Domingos. E concordo com o que foi dito: o paulo sérgio com as condições que esses dois tiveram fazia maravilhas!

Centro de Jogo disse...

PB,

Sabes bem que nunca iria ser teu adjunto! ahaha brincadeira!

Outra coisa, este Ghilas, irmão de um que jogou há uns anos no Guimarães é jogador para outros "andamentos"!

A dinamica dos DC do SCP é uma coisa que não existe. Manifesta-se apenas em torno de uma ideia individual, em que cada um tenta resolver um problema sem pensar no que os outros fazem. Eu continuo com a minha, Rojo com um bom Treinador faz-se um grande jogador.

Mesmo não treinando era fácil resolver alguns problemas desta equipa e bem sei que vou "chover no molhado". André Martins, Pereirinha, Izmailov, Pranjic e Adrin terão que jogar em simultaneo! Mesmo que sem bola a interpretação e o demasiado espaço entre sectores (muito por causa da acção dos DC) fosse horrivel, com bola seria tudo diferente.

Quanto ao trabalho fisico basta pensar um pouco. Durante um jogo de futebol esse "trabalho" também está presente, apenas está representado em função do que o cerebro lhe pede e não em função do que o corpo consegue!

Abraço, Jorge D.

Centro de Jogo disse...

PB,

Sabes bem que nunca iria ser teu adjunto! ahaha brincadeira!

Outra coisa, este Ghilas, irmão de um que jogou há uns anos no Guimarães é jogador para outros "andamentos"!

A dinamica dos DC do SCP é uma coisa que não existe. Manifesta-se apenas em torno de uma ideia individual, em que cada um tenta resolver um problema sem pensar no que os outros fazem. Eu continuo com a minha, Rojo com um bom Treinador faz-se um grande jogador.

Mesmo não treinando era fácil resolver alguns problemas desta equipa e bem sei que vou "chover no molhado". André Martins, Pereirinha, Izmailov, Pranjic e Adrin terão que jogar em simultaneo! Mesmo que sem bola a interpretação e o demasiado espaço entre sectores (muito por causa da acção dos DC) fosse horrivel, com bola seria tudo diferente.

Quanto ao trabalho fisico basta pensar um pouco. Durante um jogo de futebol esse "trabalho" também está presente, apenas está representado em função do que o cerebro lhe pede e não em função do que o corpo consegue!

Abraço, Jorge D.

Jorge disse...

PB:

Sera que podes explicar em mais detalhe o aspecto da preparacao fisica?

Obrigado.

PB disse...

Não, não vinhas. 2 milhões por época só para ti!

PB disse...

mas só tinhas direito a carregar os pinos

Centro de Jogo disse...

Por esse valor até a relva cortava depois de os carregar! lol

Jorge D.

Anónimo disse...

Caro PB,

Quando falas do pranjic, metes um elucidativo "claro". Achas que me podes dar melhor a tua opinião sobre o croata? seria boa opção para que lugares? Confesso que lhe vejo mais critério no passe do que a qs todos os jogadores...

Abraço

Anónimo disse...

PB, desculpa mas tambem tives te má impressao do domingos no sporting? é que no braga fez um excelente trabalho.