sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Rasga Jesus

"Atualmente, acho que o lado esquerdo é o nosso corredor mais forte defensivamente. Melgarejo nunca seria um avançado excelente, com nível para jogar no Benfica" Jorge Jesus.

Há que concordar com a primeira frase. Sobre a segunda, há que acreditar. Jesus trabalha diariamente com o atleta, e é natural que lhe saiba predizer a qualidade e potencial. Todavia, depois do "para o campeonato ainda vão dando", só faltava mais uma do género. 

Quando privilegiava a segurança defensiva, toda a sua sapiência táctica era mais do que justificação para permanecer no cargo. Hoje, que deixou de fazer a diferença no factor de rendimento que justificava a sua permanência, é verdadeiramente misterioso como se vai mantendo como treinador do SL Benfica. É criminosa a forma como gere o grupo. Não há bom senso e muito menos sensibilidade. Deve ser enorme o esforço que os seus atletas despendem para o aturar.

P.S. - E se percebe que o corredor direito está menos forte que o esquerdo porque não o corrige?

23 comentários:

JMM disse...

Parece-me que o próprio Jesus já esta despreocupado com o que diz em conferencia de imprensa.

Com o porto a jogar como está a jogar é de crer que Jesus não será treinador do Benfica na próxima época. O clube está farto e, em parte, parece-me que Jesus também.

Acredito que na ultima metade da época começaremos a ver rumores associando o treinador ora a Alvalade ora ao Dragão. ´

O mais provável é acabar num deles.

Marco disse...

Eu quando li o comentário do Jesus pensei precisamente no que referes na nota final. Se ele já viu, o mesmo que nós que Maxi defende mal, porque raio não há trabalho especifico? será o Maxi é burro e não aprende o que o Melga aprendeu em "meia dúzia" de treinos? se assim é, não serve para o SLB

Anselmo Damásio disse...

Um casmurro incompetente com um salário milionário que anda a gozar com os Benfiquistas.

POC disse...

Gente imbecil cansa-me. No meu Clube enoja-me.

hertz disse...

Isso é só para ele mais uma vez se gabar e dizer "ah e tal transformei um médio extremo num grande LE". Mas eu cá continuo a achar que perdemos um extremo excelente para ganhar-mos um LE razoável. O Melga vai cumprindo mas aquele flanco ficou com pouca profundidade. O Melga ficou tão agarrado às tarefas de defender que agora raramente ataca e quando o faz parece algo preso. Se melhorar esse aspecto do ataque então acho que poderemos ter um excelente LE.
Mas as palavras do JJ sem dúvida que já enervam. Sempre a deitar os jogadores abaixo e a reclamar para si os louros.
Sabes porque é que ele se vai mantendo? Porque acaba contrato no final da época e o LFV não o quer despedir para não ter de lhe pagar a indemnização. Mas já deu para ver que o LFV não está nada inclinado para renovar com ele, mesmo que seja campeão.
Para o ano o vitinho vai para um clube qualquer do campeonato grego, ou outro, e o JJ vai para o Porto.

.D10S disse...

Que vá, que vá. Sei que depois o tempo (e os resultados) me poderão calar mas... já tou farto desta personagem. Nunca vi um treinador que tratasse pior os seus jogadores. Inacreditável!

http://benficacompaixao.blogspot.pt/

Mike Portugal disse...

Epa, espero que o Jesus não venha para Alvalade. Não suporto as brejeirices do homem.

Almeida disse...

Touché PB

Tsubasa disse...

Para mim Jesus não difere muito de LF Vieira. Prometem, fazem umas coisas porreiras, mas no fundo o seu rendimento é baixo e estão agarrados ao lugar. E ainda disparam em todas as direcções (menos um contra o outro, pudera!), sem medir as consequências.

Jesus já veio a público (tal como LFV) falar da aposta na formação e nos jogadores portugueses, quando parece que é um sacrifício meter um que seja em campo!

Em termos de postura (não de resultados, claro) Quique Flores dava 15-0 a Jesus!

E o Porto? Já merecia um post à classe de James, ao faro de Jackson e a este conjunto que passeia até ao título, again!

josé carlos disse...

PB, para quando um post em relação à organização colectiva do Porto?

Abraço.

masterzen disse...

Tsubasa,

Espero que se ganhares o titulo não o faças a conta de uma arbitragem como a que sofremos o ano passado em Coimbra e que não te isoles na liderança com um golo fora de jogo como o do Maicon na luz.
Não dignifica a excelente equipa que tens e muito menos o campeonato.

DC disse...

PB, qual a tua opinião sobre o Jackson? Eu estou impressionadíssimo!

GBC disse...

O Jesus é pode ser bastante bom ou apenas bom - acho que na realidade não o achas menos que isso PB; estás simplesmente desiludido porque ele já foi muito bom, e pôs o Benfica a jogar como muito poucas equipas em Portugal jogaram na(s) última(s) década(s), o que é diferente.

Mas é o melhor treinador que o Vieira poderá escolher. Não há, no mercado, muitos mais indicados para o Benfica que ele. E a probabilidade de, existindo, ser escolhido por quem manda no futebol do Benfica, é muito pouca (eu arriscaria o nenhuma).

Isto para dizer: o Benfica, se não renovar com o Jesus, vai muito provavelmente piorar.

Que o Jesus tenha defeitos, e que esses defeitos tenham sido (bastante) acentuados nos últimos tempos... tudo bem. Que não deve continuar é outra coisa.

Lembras-te do Benfica pré-Jesus, PB? Apesar de - salvo erro - já o teres comparado ao Quique Flores, achas que tinham verdadeiramente assim tantas semelhanças (mais que diferenças), achas que a situação agora é igual à que era há alguns (poucos) anos? E se não o é, deve-se maioritariamente a quem?

Não esquecendo também o muito fraco trabalho do Benfica no mercado de transferências (talvez muito influenciado por Jesus... mas aí a culpa é de quem lhe deu esse poder). Jesus ganhou um extremo de grande nível (tinha alguns não tão bons, mas bastante bons), um avançado de bastante bom nível (tinha alguns não tão bons, mas bastante bons) - e perdeu para isso a sua âncora defensiva (posicionalmente e a nível de coberturas defensivas, não acho que tenha par no Benfica... seja em que posição for), ficando só com Matic, e o seu médio que mais garantias actualmente lhe dava - para ficar com um Martins fisicamente com muitos problemas e com... André Gomes.

Vitor Pereira tem Fernando, Moutinho, Lucho, Defour e James (joga melhor mais à frente, mas acho que também joga bem ali, porque é muito bom jogador e isso é por si suficiente para ter rendimento). Jesus tem muito menos opções. E a nível de jogadores de topo (que mudam jogos) a diferença também não é grande - e, a haver, pende positivamente para Vítor Pereira.

Faz sentido exigir mais a Jesus que aquilo que está a fazer este ano? Faz. Provavelmente. Haverão outros capazes de fazer mais? Talvez - mas muito poucos. E desses muito poucos, quantos garantiriam desde logo maior capacidade de sucesso? E quantos teriam probabilidades de serem escolhidos por esta estrutura de futebol (que escolheu Camacho, Koeman, Fernando Santos, Quique Flores...)?

Vasco disse...

Dava 15-0, é verdade. Mas se retórica fosse desse pontos, quem estaria sentado no MAIOR seria o Almeida Santos ou o Álvaro Cunhal. Quique teve "chatices" com alguns jogadores, com JJ ainda não aconteceu(que se saiba) aliás quando saem do clube ainda o elogiam...
Eu gosto de JJ, precisa apenas de uma estrutura forte. Alguém duvida que no FCP ganharia tudo e mais alguma coisa?

PB disse...

conseguem-me links p sacar os jogos do Porto? prometo q se os arranjar, dou o meu melhor

PB disse...

GBC, no twitter foi td um bocado às 3 pancadas, aqui vai a opinião que deixei noutro espaço sobre o trabalho fisico

"Eu não vi os treinos, nem sei como funcionava a equipa técnica, portanto o que vou fazer em seguida é especular um bocadinho.

A partir do momento do momento em que a equipa técnica tem alguém unicamente preparado com a preparação física da equipa no relvado, pelas ideias que EU DEFENDO, está logo tudo errado.

Eu não concebo num treino, dar 15 ou 20 ou 25' ao preparador físico para elevar a condição física e depois entrar eu, ou antes disso, entrar eu com o trabalho técnico/táctico.

Que capacidades físicas precisam os jogadores no jogo? Das mesmas que se treina se... jogarem no treino!

É isto que o Mourinho faz.

De que me adianta correr muito se isso é um esforço totalmente diferente do do jogo de futebol? Um maratonista não aguentaria nunca nem 60' de um jogo de futebol.

Depois dos primeiros 10 encontrões, 5 quedas, 7 sprints e travagens e 20 mudanças de direcção estava morto.

Então como é que levo os meus atletas à fadiga com o mesmo tipo de esforço que há no jogo? JOGANDO!

É isto que o Mourinho faz.

Entrar o preparador físico não só retira tempo de treino que podia ser muito proveitoso para evoluir colectivamente a equipa, como os ganhos físicos são descontextualizados.

Se o meu treino dura 1h45m e os meus jogadores passam a maior parte do treino a jogar (seja lá o nº de jogadores que foram contra o nº q for) num espaço de jogo correspondente ao que vão encontrar na competição, então não vão estar fisicamente muito mais preparados para jogar do que se andarem a correr feitos parvos sem qualquer ganho tecnico/táctico...?e lá está, pouco ganho físico tb.


Já o trabalho de força, sou um grande defensor. Mas,não no campo. No ginásio (não com máquinas q servem para mt pouco), orientados por Personal Trainers competentes. Há quem até consiga avaliar desequilibrios musculares, e predizer exactamente o que deve ser desenvolvido, e claro que se sabe a melhor forma de desenvolver. Mas, nunca retirar trabalho de campo!"

PedroF disse...

Vercauteren: «Temos de trabalhar como queremos jogar»

Um bom indício.

Anónimo disse...

aqui tens PB
http://www.cmportugal.com/index.php?showtopic=145760

PB disse...

PedroF, acho q isso era uma referência à intensidade do treino...

Tsubasa disse...

masterzen eu não sou adepto do FC Porto, o que não me impede de ver o bom futebol que estão a jogar...

PB, a saída de Hulk tirou um jogador de valor individual para aumentar o valor colectivo da equipa?

Jesus não criou atritos com os jogadores? Pois, o Rúben Amorim foi para Braga por vontade própria e disse que não voltava ao Benfica com Jesus lá porque o obrigaram... De certeza.
E dizer: "para o campeonato vão dando", de jogadores que provavelmente foi ele que escolheu... (sei que, a conversa veio na sequência de estes jogadores estarem em crescimento).

Ricardette disse...

A questão é arranjar um treinador que consiga orientar a equipa, gerir os jogadores e enfrentar os proenças, xistras, olegários, etc, do futebol português. E se eu te pedir uma sugestão para treinar o Benfica em vez do Jesus de certeza que tens dificuldade em arranjar um nome.
P.S.- Se começares a fazer posts sobre o azuis corruptos pura e simplesmente deixo de cá vir.

Anónimo disse...

Burro de merda, nao comemos todos a palha que nos dao. Passa-te ao caralho que nao fazes falta.

JoãoMPN disse...

Este cabrao julga se maior que o Benfica! rua com ele... nao consegue motivar ninguem este animal!