quarta-feira, 3 de abril de 2013

Ignorando estatutos e hierarquias, eis o melhor médio português


"Alguns de vós, e bem, recordaram as parecenças com João Moutinho.

Comparando-os. Perceba que é uma tarefa quase hercúlea. Comparar o melhor médio português, com o melhor médio português, dará seguramente azo a diferentes opiniões e interpretações.

Com Moutinho eu ia para a guerra. É o jogador perfeito. Com bola, sem bola. Cem por cento fiável. Sabemos que jamais nos falhará. Sabemos que aquele esforço extra para garantir uma qualquer cobertura será feito. Com onze Moutinhos, sei que tudo o que idealizar estará no campo, assim eu o saiba transmitir. Com onze Moutinhos sei que se as minhas ideias forem boas, vencerei, porque tudo será feito "by the book". Sem bola ocupará o espaço como eu pretendo. Com bola sairá tudo tal como treinámos. Quase mecânico, diria. Com Moutinho iria até ao fim.

Mas, o João que é o melhor médio português, não me ensinará nada. Interroga-me, eu respondo. Trocamos ideias e no relvado confirmaremos que se eu tiver qualidade para lhe solicitar o que lhe devo solicitar, juntos iremos no bom caminho.

O André, que é o melhor médio português é diferente. Não me falhará defensivamente. É inteligente e sabe perfeitamente ocupar o espaço. Sem bola o seu comportamento será tal e qual eu pretendo. Mas com bola é diferente. Acredito que na maioria das vezes consiga ver e executar o que pretendo. Outras, tomará decisões diferentes das minhas. Daquelas para as quais por vezes o tento formatar. Todavia, não me zango com ele. Nunca. No final percebo sempre que o caminho que escolheu era melhor que o que eu próprio idealizei. Interrogo-o, mas o André não tem respostas. Não sabe porque temporizou, porque conduziu na direcção da oposição apenas para os atrair à bola para em seguida rodá-la por outro lado. Não sabe. As coisas saem com a naturalidade dos predestinados. Com o André eu aprendo. Há opções menos óbvias mas mais interessantes que as que me surgem na mente.

Quando o Moutinho marcar um auto golo, penso na pouca sorte que teve. Colocou mal o pé na bola. Acontece a todos e se há quem não mereça ter tal azar é o João. O André é diferente. Porque vê mais além, no dia em que introduzir a bola na sua própria baliza, interrogar-me-ei. Porque o fez? O que o levou a tal? Será que crê que a equipa precisava de sofrer um golo para espevitar?

O que os separa? Criatividade."

Texto recuperado de Maio de 2012 depois de relembrado aqui.

33 comentários:

Mike Portugal disse...

Será o melhor médio Português sim senhor, assim apostem nele e se trabalharem um pouco mais a sua musculatura que ainda está algo débil em comparação com o resto dos colegas.

Schmeichel disse...

Que saudades tinha de ver este miúdo a jogar. De apreciar a sua classe a cada movimento, cada toque na bola. A primeira parte então foi simplesmente deliciosa. Para mim não é coincidência que aqueles que eu considero os melhores 45 minutos do Sporting esta época (erros defensivos à parte) ocorreram no seu regresso à titularidade.

Está agora a voltar mas é pena sentir que perdeu um ano da sua carreira. Valeu a pena a espera, no entanto.

Sábado lá estarei para o rever, a justificar o bilhete por si só.

Miguel Nunes disse...

Mike, qt mt precisa de resistência. Mas isso só a obterá jogando cada vez mais tempo em cada jogo. O treino dificilmente terá a mm intensidade de 90' de jogo.

Miguel Nunes disse...

ahh e faltou concluir que resistÊncia n tem nada a ver com os músculos grandes ou pequenos.

Anónimo disse...

A que se deveu a ausencia do André Martins todo este tempo? Problemas fisicos? Opçao dos treinadores? ou algo mais?

É daqueles jogadores que dá vontade de ver um jogo para o ver tocar na bola.

Curioso para ver se na próxima jornada teremos o rojo na esquerda e um meio campo com rinaudo-andre martins-adrien e dier a central!

luis disse...

Enfim, AM é um talento daqueles que se entendem logo na sua primeira aparição.

Não entendo como há gente que não percebe a qualidade que ali está.

Desde que o vi a jogar que defendo a sua contratação, para mais numa fase em que não era sequer convocado.

Agora, aparentemente, "descobriram-no" e muito dificilmente voltará a sentar.

Cantinho do Morais disse...

O que tu foste dizer...

Para mim basta recordar a 1ª mão com o Bilbao ou a 2ª mão em Kharkiv para validar o título de melhor médio português.

Mas prepara-te para a guerra, porque vão chegar aqueles que não conseguem ver futebol além dos próprios clubes.

Mike Portugal disse...

Sim, eu sei, mas nem era da resistência que eu queria falar, pois isso só mesmo com jogos em cima. Já o vi ao "vivo e a cores" mesmo ao meu lado e acho mesmo que ele precisa ainda de trabalhar a sua musculatura global.

Pedro disse...

Gosto de exageros quando são defendidos desta forma :"Será que crê que a equipa precisava de sofrer um golo para espevitar?"

LOL

Muito bom ó Miguel, muito bom.

PEDRO F disse...

Tudo Certo falta acrescentar uma coisa: André Martins para ser considerado o melhor médio Português para ir á seleçao precisa antes de mais sair do clube e da equipa onde está senão vai-se perder para sempre como tantos e tantos outros que estiveram naquele clube, depois precisa de 2 anos de Jesus. Se isso acontecer rapidamente será titularissimo da equipa Portuguesa de o médio mais cobiçado por essa Europa fora. Se Jesus fez o que fez com Ramires, Witsel, Javi, Matic imaginem com a perola André Martins.

Vitor Santos disse...

Totalmente de acordo com o post é um senhor jogador que tem tudo neste momento para ser ele e mais 10 . Com ele em campo todos se mexem pois sabem que dali vai sair um passe de rutura, uma desmarcação perfeita umas tabelas aqueles pés tem olhos :-)

Edson Arantes do Nascimento disse...

Fez um excelente jogo e gosto das suas qualidades mas neste momento ser o melhor médio português é fácil...

Terá, no entanto, de mostrar muito mais e jogar muito mais vezes para cumprir totalmente com o que está escrito no texto.

O potencial para ser muito mas muito melhor que o Moutinho (por exemplo) está todo lá - mas o Moutinho com a idade dele devia ter uns 200 jogos nas pernas.

Acho que este blogue, de vez em quando, é atacado pela doença lagarta quando em 98 por cento das outras opiniões a objectividade é quase irrepreensível. Faz parte.

(O Jesualdo, entretanto, tem-se dedicado a limitar o crescimento do Eric Dier sem que se entenda muito bem a lógica deste pensamento. Aquele Rojo já é o pior central dos campeonatos profissionais e arrisco dizer que o Jorge Mendes está em vias de perder a preponderância que tem. De certeza que o empresário do argentino vai ser a next big thing das negociatas...)

Miguel Nunes disse...

Ai Mike, és a minha maior causa perdida. O A.Martins só precisaria dessa musculatura para ser o Mr Universo ou para praticar powerlifting. Para jogar futebol n lhe vejo limitação nenhuma.

PedroF, é certo que se sair do Sporting poderá encontrar um contexto que "puxe" mt mais por ele, até pq os próximos anos adivinham-se complicados em termos de luta pelo 1o lugar. Mas mm ficando já é o melhor. Qt ao precisar de ir à selecção para ser considerado o melhor, lá está, é uma questão de hierarquias e estatutos. Eu nc fui por ai. Serve isto para dizer que ele é fenomenal mm nc lá ter ido, como serve para dizer que o Rojo não vale a ponta de um cigarro usado, mm tendo n sei qtas internacionalizações por uma das melhores selecções do Mundo.

Edson, doença lagarta é giro. Mas só aparece qd valorizo o Sporting, ne? :) Esta época em cada 20 textos do Sporting só me tem aparecido em 1...

Pedro, é uma forma de dizer que o AM é um daqueles jogadores que vê mais além.

PM disse...

Obrigado Miguel Nunes!

Delicioso o passe para o primeiro golo e abertura que dá na jogada do segundo.

André Martins é um jogador brutal, no meio campo do Sporting ele, para mim, é o único indiscutível. A redondinha agradece.

Edson Arantes do Nascimento disse...

A tua doença lagarta aparece em grande estilo, sim, quando analisas os jogadores formados no Sporting. O que não tem nada de mal! Este é só mais um exemplo.

Como já te disse noutras vezes os textos são um bocado exagerados. É a minha interpretação. E digo isto à vontade porque desde o início da época, por exemplo, foste logo baixando o pau no Sá Pinto, no Rojo e noutros que tais. Do Sporting!

Mas não te esqueças que venho aqui todos os dias, mais do que uma vez, há muito muito muito tempo... Com todo o gosto, aliás.

E o que eu já aprendi aqui é superior a clubites, glórias e tragédias desportivas.

Blessing Lumueno disse...

O que os separa? "Nada"... Têm de jogar os dois...

Miguel Nunes disse...

LOL Edson, é verdade que é o Sporting que forma os melhores. Isso n é doença, é um facto!

Ahh e gosto sp de te ter por aqui. Até pego na selecção brasileira por isso, e pelo Karlos tb.

Qualquer dia viro-me p o brasileirão qd começar

ricnog disse...

Que jeitaço dava este no Benfica.........qual andré gomes.....:S

Como benfiquista, é dar o Kardec e ir buscar o Martins....oferta do carlos (martins) tb.... ;)

Jorge disse...

A academia do Sporting e uma fabrica de talentos, em vez de explorar o mercado indiano (?) deveria vir para estes lados (EUA), ha aqui dinheiro e muito talento desaproveitado.

Jorge disse...

O Sporting deveria dar uns milhoes pelo Jorge Jesus ou outro treinador que soubesse lancar os talentos da academia.
Com dois ou tres anos como seniores com um bom treinador renderiam ao Sporting muito dinheiro e possivelmente titulos.

Anónimo disse...

intensidade...

moutinho devia ja ter 200 jogos na liga qcom a idade do MArtins.

Moutinho é aquilo 90 minutos 70 jogos por epoca se for preciso...

Martins é mais dificil explicar... as vezes nao parece ele..

sobre a intensidade e regularidade uma vez perguntaram ao Mourinho no Chelsea porque tinha contratado o Paulo Ferreira por um camiao de notas quando nem era assim tão especial, e ele respondeu, pode nao ser o melhor do mundo mas se tiver de jogar 70 jogos sei que jogatrá bem em todos...

Anónimo disse...

"LOL Edson, é verdade que é o Sporting que forma os melhores. Isso n é doença, é um facto!"

Tem formado bons jogadores, mas pra muitos sportinguistas qq merda que saia de lá parece que é a ultima coca-cola no deserto, depois choram com as suas carreiras medíocres, continuem a pensar assim e depois não se admirem de terem sido campeões 2x nos últimos 30 anos...

Este André Martins vai ser mais um Rosado, Caiado, A Santos etc, depois não digam que não avisei.

Joel disse...

Anónimo..o facto de um jogador nao dar certo nao significa que nao seja um cravo, nem o contrario é necessariamente verdade...

Pedro Simões disse...

Gosto do miúdo e é um médio criativo, que é aquilo que a selecção precisa como de pão para a boca, embora ache que temos mais médios criativos mas penso que Paulo Bento estará agarrado á dupla Moutinho-Meireles que não acrescenta quase nada ao futebol ofensivo de Portugal.

Mas para este André chegar à selecção terá de somar uns jogos valente no Sporting, consecutivos porque ter talento não é condição única para ser jogador de selecção... Ainda falta ao André aquilo em que Moutinho é muito bom... A consistência de jogo durante uma época e, para já, nesse aspecto o André é um incógnita...

h_raki disse...

O Jorge em 2 comentarios resumiu (e bem) grande parte da soluçao necessaria pro meu clube. acrescento apenas http://www.lateral-esquerdo.blogspot.pt/2013/04/sudamericano-1a-fase-quintero-associado.html esta =)

mais um belo trabalho de quem sabe analisar!

Saudaçoes Leoninas e Desportivas

Bruno disse...

Agora uma coisa sem importância mas curiosa, últimos camisola nº28 saídos da formação do nosso Sporting:
Cristiano Ronaldo
João Moutinho
André Martins

Rocky Balboa disse...

O Rui Gregório no Belenenses colocava o AM a extremo esquerdo. Coitado q a jogar numa equipa sem referencias se perdeu e acabou dispensado em Dezembro. Foi ter ao Pinhal Novo p recuperar o prazer de jogar futebol orientado pelo Paulo Fonseca. Claramente o melhor médio português dos próximos anos. Possa a nossa selecção ir a tempo de o juntar a Moutinho. um jogador super interessantes e na minha opiniao seleccionável e o André leão. Com a cultura a pre compreensão que tem do jogo, com o que aprendeu com o Paulo Fonseca, dava muito mais a selecção q Veloso e Meireles juntos. Podem dizer que o nosso campeonato e de baixo nível. Mas quantos azeris e israelitas jogariam nos 8 primeiros d nosso campeonato. Nao joga na zona de criação, mas a qualidade de ligação e os equilibrismo q oferece a equipa merecem outros palcos, a começar pla selecção

Anónimo disse...

O Paulo Bento não precisa que ele faça jogos pelo Sporting, muito pelo contrário. Reconhecendo a sua qualidade, chamadas à selecção iriam fazer com que no clube começassem a perceber que tipo de jogador tinham nas mãos.

Abraço
Sérgio

Joel disse...

Rocky, quanto a Azeris não sei..mas a Israelitas sei:

Dudu Aouate
Ben Haim, Gershon
Beram Kayal, Nathko,Golasa,Rafaelov,Melikson
Benayoun, Hemed, Ben Basat, Assulin,Zahavi, Vermuth, Schechter, Barda, Eliran Atar.

Portanto, daria 17. 17 Israelitas jogariam nos 8 primeiros do nosso campeonato.

Anónimo disse...

miguel,
achas que o sporting podia conjugar no meio campo adrien com andré martins? se sim, em que esquema?
obrigado

Miguel Nunes disse...

sim, acho q dá para os conjugar, e em qq sistema. 433,442 classico, 442 losango.

João Duarte disse...

Ok, tem talento. E muito.

Mas não tem corpo. Oh génios barcelonistas, quantos km correm Messi, Iniesta ou Xavi por jogo e em dezenas e dezenas de jogo por época. Quem exclama que não é preciso ser um atleta não percebe um corno da poda.

Segunda duvida. A mentalidade. Não sei se tem mentalidade competitiva para ser um campeão.

Como ja tenho dito noutros sitios, tenho muita pena que o Benfica não lhe tenha deitado mão, mas também ainda tenho muitas dúvidas sobre o real valor do miudo.

Miguel Nunes disse...

sem dúvida q é preciso ser um atleta. Não precisa é de ser um atleta de powerlifting. O MEssi, o xavi e o Iniesta é só músculos por todo o lado. Parecem 3 porteiros de discoteca!