quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Artur

Depois de sozinho ter oferecido mais de metade dos pontos perdidos pelo SL Benfica na temporada passada e contribuído fortemente para a vitória vimaranense na Taça, tornando-se uma espécie de besta negra numa época que poderia ser brilhante, o brasileiro é agora opção na Liga Europa. 

Fica a sensação de que ainda ser opção é uma questão de gestão de balneário. O que se estranha. Afinal Jesus nunca teve problemas em comprar guerras. É uma opção aberrante a do treinador do SL Benfica. Não terá desculpa quando agora que tem uma alternativa bastante superior, se vir eliminado por um dos mais do que frequentes erros individuais do seu jogador.

17 comentários:

hertz disse...

Também não percebo esta insistência no Artur. O JJ que a cada erro de um jogador no jogo não perdoa e deixa-os logo com as orelhas a arder, vai dando minutos ao Artur que é só o jogador que custou 2 competições na época passada. Só pode ser mesmo por alguma questão relacionada com o balneário pois não é pela performance desportiva de certeza.
Ainda agora no jogo contra o PAOK ia custando o empate na eliminatória. Veremos se ainda vai enterrar na 2ª parte.

Anónimo disse...

Já ia enterrando na primeira parte...

Vasco disse...

Não falas das defesas à Preudhomme e das milhões de vezes que nos salvou pontos, mesmo na época passada...

Zdamen disse...

Penso terá mais a ver com a gestão do próprio Oblak e do desgaste psicológico demasiado intenso num período demasiado curto.
Afinal e contas, não era suposto já ser titular nesta altura...

masterzen disse...


Maldini,

Acabaste de evidenciar como JJ não domina todas as variáveis que estão ao seu dispor. Essa ideia é defendida aqui por escribas e muitos adeptos do blog.

Com Simeone isto não se passava, e Simeone está muito longe de ser um mestre da táctica. Ser competente tácticamente é talvez o elemento mais importante mas está longe de ser tudo.

Ps: A comparação de Simeone com Jorge Jesus pode parecer descabida mas estou apenas a comparar um treinador que ganha menos do que o mestre da táctica ( que este ano aprendeu a colocar mais apoios no corredor central ao portador da bola em vez de ter dois jogadores agarrados a linha em cada lado do campo).

Grande post,

MasterZen

Fábio disse...

Não se entende esta opção... é fraco demais! Alem disso, nesta altura o Oblak precisa de jogar, quanto mais melhor. Ainda para mais em jogos europeus! Se queria dar oportunidade a alguém, que fosse ao Paulo Lopes

Roberto Baggio disse...

Masterzen,

Quando o Maldini, eu, ou outro, dizem, "naquilo que o treinador controla", estamos a falar da organização colectiva.

el bandido disse...

eu nao percebo esta vossa teimosia de o campeonato no ano passado ter ido com o galheiro por erros individuais. e verdade que artur enterrou, mas no porto houve situaçoes analogas (recordo-me assim de pelo menos 4 pontos que voaram em penaltys). Jesus perdeu o campeonato por incompetencia sua, o empate com o estoril pode-se aceitar (frnago + expulsao carlos martins) mas a derrota no dragao foi completamente merecida e voces melhor que ninguem sabem isso. O porto nao fez um grande jogo, alias ate teve felicidade na forma como marcou o segundo, mas jesus, que se apregoa adepto da nota artistica desvirtuou isso tudo, e fartou-se de dar sinais de insegurança a equipa como colocar andre almeida em detrimento do melgarejo (nao digo que o andre nao seja melhor tacticamente mas isso foi fazer a equipa estar ainda mais atras) ou meter o roderick (LOL), como se por ter mais um "central" significasse defender melhor..

posto isto, referir que acho o jesus um grande treinador, so acho incoerente dizer que nao ganhou por erros individuais.
Um abraço para voces

Baresi disse...

Fui mais uma vez à Luz, e queria só deixar 3 linhas sobre 3 jogadores:

1. André Gomes - É capaz de ser o dextro com melhor pé esquerdo em Portugal. Quase ambidextro, como L.Aguiar, ex-Braga. Parece algo lento, mas sempre o foi e não é aos 20 anos que vai-se tornar mais rápido. Há vários casos de grandes jogadores que não eram necessariamente rápidos, bem pelo contrário.
Gostei bem mais de o ver na Grécia a partir da direita para o centro, para dar equilíbrio à equipa, do que hoje. Quando tem muita gente à volta dele, em 10 jogadas, consegue safar-se em 7. Para alguém com mais de 1,90m, não é nada mau. O problema são as outras 3 bolas que perde.
Estava a pensar, se até o Di Maria anda a tornar-se num interior direito bastante competente, porque não meter André Gomes a partir do lado direito do meio-campo, abrindo espaço para o lateral subir, equilibrando o meio campo (a 3) e não desequilibrando, quando ele o faz a 2?

2. Djuricic. Dizia-me um amigo meu que ele não joga na sua posição. Eu digo-lhe: o futebol é dinâmico, o campo é igual aqui ou na China. Fui daqueles que vi uns vídeos do moço antes de ele assinar pelo Benfica. Saltou-me logo à vista a quantidade de espaço que ele tinha para fintar um/2 jogadores e definir bem a jogada. E pensei, que se ele viesse jogar assim para cá, iria ter problemas, porque em Portugal, o ataque do Benfica é o mais inflacionado do país, em termo de jogadores por metro quadrado. Jogadores adversários, subentenda-se. Percebo a sua insatisfação porque as coisas não lhe saem como na Holanda.
Quando perceber que é mais fácil fazer parte do carrossel, trocando a bola com os seus colegas, pondo a sua técnica aos serviço do colectivo aí as coisas vão começar a correr-lhe melhor. Quanto mais tarde tiver a noção disso, pior vai ser para ele.

3.R Amorim- O Benfica em 90% dos seus ataques, opta por um inicio de construção a 3. Com o português a 6, essa percentagem desce a pique. Ele faz questão de ir buscar a bola às botas dos centrais, ir entregá-la num outro companheiro qualquer.
Além da equipa perder largura com essa opção, ele e A.Gomes andavam a pisar os mesmos terrenos o jogo todo. Para ser visto, para se ver? Não sei.
Passes errados, ou a queimar, foram á catadupa. Levar a bola no pé, perdi a conta. Não gosto muito do Fejsa, mas no meio das suas limitações, dá 10 a zero ao Amorim.
Para o que JJ quer: receber a bola, virar o flanco ao jogo rapidamente, colocando no lateral do lado oposto de onde vem a bola.

Juntando estes 3 jogadores hoje, e até à expulsão, foi "só" o pior jogo em termos atacantes/construção que o meio-campo do Benfica fez esta época.

Roberto Baggio disse...

Cardozo nao esteve bem. N lances em que devia dar profundidade, porque um colega estava a conduzir contra a linha defensiva. Se Rodrigo tem jogado...

Edson Arantes do Nascimento disse...

Esta decisão do Artur é completamente anacrónica! Ele fez grandes jogos no Benfica e eu esforço-me por não me esquecer disso mas está completamente fora de forma em todos os momentos do jogo.

O miúdo Oblak é muito melhor e tem um potencial incrível.

ricnog disse...

Artur é sem duvida, na minha opinião, o pior guarda redes que o Benfica teve desde o predhomme. Que ele fez defesas, claro que fez, defesas vistosas e cheias de vida....mas se formos aos distritais também os gr de la as fazem, nem por isso são grandes guarda redes. A parte pior é que artur, nunca tinha feito nenhuma época a titular em clube nenhum, com 30 anos, é de suspeitar.....é brasileiro ;) ta tudo dito....!!puxa imenso o saco e detesto jogadores assim.
Artur está a jogar na liga Europa, porque está é secundária para jj e ele tem que fazer jogos....para não estragar o balneário....!!aposto que seja isso!

Já tinha falado isto do Artur, mas ninguém me ouvia....sempre achei o elo mais fraco. Teve foi sempre o apoio de todos, não sei bem porque....!!teve a estabilidade que nem o Quim teve no Benfica.

André Gomes tem qualidade, isso é inegável, mas parece aquela qualidade de júnior, para os seniores.....chegam aos mais velhinhos e ele sente uma dificuldade enorme. Lembro de em fenerbache ter feito um jogo ridículo, escondendo se constantemente atrás dos adversários para não ter bola, isso é inacreditável e impensável em um miúdo que se queira assumir. Prejudicou o aimar em todos os seus movimentos.

Ruben amorim é um senhor jogador.... Lateral, a médio, a central, onde lhe colocarem a jogar. Tem uma inteligência a jogar fora do comum.,.tem qualidade técnica (rececpao e passe) e se não tivesse tido sempre tantas lesões, poderia ser dos jogadores que todos os benfiquistas adoravam.....na 1 época do Benfica, não era titular, porque jogou a 3 posições diferentes....mas foi quase sempre titular durante a época, ora maxi, ora Ramires, ora javi, ora aimar.....eles iam falhando jogos e ele jogava sempre....!

Pedro disse...

Não concordo mas percebo a opção de JJ.

Artur é um gr de total confiança de JJ e, teimoso como é, não gosta de dar o flanco. Já o fez com Roberto e com Emerson por exemplo.

Para JJ Artur é titular e como tal não pode ficar parado no banco.

Edson Arantes do Nascimento disse...

Ricnog a primeira época do Ruben foi com o Kikas Flores. Ele jogou grande parte da época como médio-direito (do outro lado estava José Antonio Reyes com Katso e Carlos Martins no meio).

E jogou bem! É um jogador bastante inteligente e por isso jogaria com qualidade até a guarda-redes. Concordo contigo.

Tiago Beça disse...

O JJ é teimoso como tudo. Roberto, e Emerson são os melhores exemplos.

O Artur já deu o que tinha a dar. É agradecer-lhe o trabalho que desenvolveu e no final da época deixá-lo ir à sua vida.

zorg disse...

O Artur foi titular exactamente pela mesma razão que o Cardozo, o Sálvio, o André Gomes e o Djuricic foram titulares. São jogadores que contam como opções válidas para o treinador, apesar de não serem titulares neste momento e, por isso, o JJ quis dar-lhes minutos, para estarem na melhor forma possível se e quando forem chamados para jogos a sério, leia-se, jogos do campeonato nacional.

Não há aqui nenhum anacronismo, nenhuma teimosia e nem sequer é difícil de perceber.

Andrea Pirlo disse...

Quero falar de 2 jogadores.

Djuricic - Gostei dele ontem, eu tenho uma péssima memória, por isso não posso dizer com certezas, mas acho q foi o melhor jogo q ele fez pelo Benfica, isto na minha opinião claro. Decidiu melhor q nos jogos anteriores. Pecou por alguns erros técnicos, mas as boas decisões tiveram lá.

Rubén Amorim - Não gostei, como o Baresi disse, desceu para ir buscar demasiadas vezes, desnecessariamente, fazendo o q o central podia ter feito, a construção falhou muito ontem, e este foi um dos motivos.