quarta-feira, 19 de março de 2014

Brendan Rodgers, o líder da equipa sensação da Premier League

"Para ter sucesso, é preciso ter ideias definidas para que os jogadores as possam assimilar. O dinheiro não compra isso. Alguns clubes gastam mil milhões (libras) e isso não lhes garante nada. Vamos ao mercador para contratar jogadores de topo mas isso não é tudo. O dinheiro é bom e vamos ser competitivos no mercado mas o que é importante é ter uma visão da forma como queremos ver o clube crescer. Trata-se de treinar, gerir homens, lidar com pessoas, ter um bom staff, encontrar uma causa para que os jogadores possam lutar por ela. É isso que temos feito" Brendan Rodgers

Hoje mais do que nunca onze craques não fazem uma equipa. Mas uma equipa pode fazer onze craques.

No Posse de Bola, pode ver-se um pouco do que é o Liverpool de Rodgers.

26 comentários:

Joao Rodrigues disse...

Melhor treinador da Premier, este ano?

O Bandido disse...

Finalmente um treinador britânico com futuro, um que não vive agarrado a um futebol obsoleto.

João disse...

Este é inglês, mas é bom treinador.

Roberto Baggio disse...

É da Irlanda do Norte

Jorge Carolo disse...

Bom trabalho que este treinador está a realizar.

Não é fundamental ter os melhores jogadores, mas sim ter as melhores ideias...

Cumprimentos

Interior-Direito disse...


http://espanol.mcfc.com/citytv/Match-highlights/2014/March/City-u19s-v-Benfica-UEFA-Youth-League-highlights-and-reaction

bom resumo: o Benfica foi duas vezes à frente e o Graça defendeu tudo.

Roberto Baggio disse...

Jorge,

Acho que o treinador do Benfica (juniores) está a confirmar que ainda está como se pensava.

emanuel melo disse...

baggio, o que achas do treinador do benfica de juniores? e da equipa em si, achas que há algum jogador que possa vir fazer a parte do plantel do benfica, a longo prazo? Pessoalmente, esta parece me uma das equipas mais fracas de juniores dos ultimos anos.. á exceção do guedes e do guzzo, não vejo muitos jogadores que possam vir a ser mais valias para o benfica.

Gonçalo Matos disse...

Maldini,

Escrevi um comment à pouco mas não sei se enviei.. Não achas que o Liverpool com maior qualidade individual na defesa, seria o principal candidato ao titulo este ano? Principalmente ao nivel dos flancos.

Jorge Carolo disse...

Vou ver o resumo. Já comento.

Mas prevejo pelo teu comentário que seja mais do mesmo...

Enfim, vê lá se consegues arranjar trabalho nos juniores do Benfica, num tirinho estavas no lugar do Hélder... Se bem que ser treinador de uma equipa B é muito ingrato. Eheheh

Unknown disse...

Minha nossa que o City tem lá dois "putos" que com duas passadas lá ultrapassavam os nossos.

Jorge Carolo disse...

Estive a ver o resumo e se bem que não dá para se ter uma ideia muito clara do que foi o jogo, acho que o Man. City foi muito superior e causou muitos problemas à equipa portuguesa.

Impressionante como alguns jogadores conseguiam ir por ali fora sem que houvessem uma estrutura defensiva para os travar!!

Onde estavam as coberturas??

Onde está a contenção???

Que desorganização...Aquele corredor central metia medo...

Enfim parace que a sorte bafejou o Benfica...

Julgo que o Tralhao não tem unhas para esta guitarra...
Pena porque a equipa tem alguns jogadores interessantes...

Era o JJ ver ao vivo esta equipa para pedir ao Vieira para despedir este tipo!

Que opinião tiveste Baggio?

emanuel melo disse...

estive a ver o resumo agora.. e o graça faz um jogo absurdamente extraordinário, é incrivel a quantidade de defesas que é obrigado a fazer..

António Sousa disse...

Mas o treinador de juniores do SLB não foi campeão na época passada? É mau? E a equipa de juniores do SLB não está entre as 4 melhores da europa? É mau? Bem, não é propriamente a pseudo-super-mega-hiper escola de formação de Alcochete, mas não me parece mal...

RB disse...

Sobre os juniores do Benfica.

Revelam imensa qualidade individual em todas as posições. Tem o melhor conjunto de jogadores para a linha defensiva. A qualidade inidividual abunda. Nao sei se trocaria os extremos do Benfica pelos do Sporting. Penso que o Gonçalo é muito mais jogador que o Matheus, em todas as dimensões do jogo.
Além disso temos que considerar os catanados. O Benfica será a equipa com mais catanados este ano. Nao sei se as outras equipas que tem defrontado na champions também recorrem a esse tipo de jogador, mas em muitos momentos fazem a diferença. Ontem o 2 golo foi de um veterano.
Colectivamente o jogo e pouco evoluído. Defensivamente sao incapazes de pressionar a 1a fase de construcao adversaria, Ausência de contenções, muitas entradas de primeira ao portador, com coberturas muito afastadas ( o Estrela e perito nisso) e péssimo controlo da profundidade. Talvez devessem ver vídeos dos seniores. Fundamental no momento defensivo é o Guzzo pela forma como equilíbria a equipa em cobertura a linha media. Ofensivamente, nao sao muito dados a circulação, embora o façam mais que a maioria das equipas do campeonato de juniores (que nao circulam sequer), com os alas em apoio frontal, para depois evoluírem em combinações por corredor lateral. Nao Priveligiam construção por corredor central. Muita dependência das individualidades para construir. Na generalidade é uma equipa com processos rudimentares. Ainda assim é bem melhor que o Sporting do José Lima (pessimo colectivamente) e equivalente ao Porto do Capucho. Há equipas melhor trabalhadas no Nacional de juniores.
O sucesso na champions advém da muita qualidade individual e de algum grau de organização colectiva que, nao sendo boa, e melhor que aquela que tem defrontado na Europa.

Miguel Pinto disse...

É verdade, António Sousa, os jogadores às vezes fazem milagres...

Amoroso disse...

No início da época duvidava da pouca profundidade que o plantel poderia ter e assim compremeter os objectivos planeados que inicialmente passavam pelo regresso na próxima época às competições da UEFA. Contudo este "SR" conseguiu fazer várias metamorfoses à equipa e esta mostrou-se na grande maioria dos jogos super competitiva com uma identidade bastante característica, ao apresentar um futebol ofensivo, com transições ofensivas rápidas e tendo em Sturridge + Suarez os grandes focos no ataque mas sempre com os "fieis escudeiros" Coutinho e Sterling por perto. As baixas ao longo da época têm sido constantes mas a equipa mantêm sempre a mesma identidade apesar da mudança dos interpretes e curiosamente do sistema de jogo que já conheceu umas 4 variantes este ano:
Supensão de Suares - Sturridge sozinho na frente num claro GR:4:1:4:1;
Suarez volta e faz dupla com Sturridge num GR:3:5:2 que espantou imensa gente por estes lados devido às transições ofensivas letais que realizavam;
Desde então já estiveram KO Gerrard, Coutinho e recentemente Lucas Leiva e o sistema foi sempre variando. OK ... o Sistema de Jogo não é explicativo de todo o sucesso que a equipa apresenta mas num país cuja cultura futebolística dos media e muitos treinadores, ainda gira à base do sistema que é escolhido, faz muita moça na cabeça dos adversários estas alterações constantes. Fiquei fã. Pela dinâmica e organização que a equipa apresente (precisa de melhorar imenso a organização defensiva para a próxima época) e acima de tudo pela coragem de executar estas metamorfoses todas e entrar em campo jogando com 11 mas num sistema que se adapta às características desses mesmos 11.

PS: ainda têm que receber City e Chelsea ... atenção !!!

Edson Arantes do Nascimento disse...

E, em três ou quatro linhas, está tudo explicado. Nem é preciso ver mais nada. Quando li estas declarações já sabia que vinha post. É óbvio. Este camarada vai chegar longe, sobretudo se conseguir ir melhorando as deficiências que ainda apresenta (sobretudo na transição e organização defensiva).

pitons na boca disse...

Não dava um griséu espalmado por este Brendan Rodgers, quando foi escolhido pelo meu adorado Liverpool. E não é que me enganei redondamente? Que magnifico trabalho está a fazer.

Pedro disse...

"catanados" ?

Anónimo disse...

"Gatos", pedro.

Leandros Limas

Andrea Pirlo disse...

catanados são atletas que dizem ter 14 anos, mas tem 17, basicamente é isto.

Gonçalo Matos disse...

Espreitem onde esteve o Brendan entre 2006 e 2008 e está aí parte da explicação para a sua qualidade.

João disse...

Watford? Explica lá :p

Gonçalo Matos disse...

Ele passou pelo Chelsea de Mourinho. Há algumas declarações do Rogers sobre o special.

"Provavelmente não estaria aqui se não fosse por ele. Deu-me auto-estima e confiança, preparando-me de forma excelente para aquilo que sou hoje. Fui um felizardo por trabalhar com alguém daquele calibre durante três anos. Aprendi muito com ele"

Gonçalo Matos disse...

Fez parte do Chelsea do Mourinho! Há algumas declarações do Rogers sobre essa altura.

"Provavelmente não estaria aqui se não fosse por ele. Deu-me auto-estima e confiança, preparando-me de forma excelente para aquilo que sou hoje. Fui um felizardo por trabalhar com alguém daquele calibre durante três anos. Aprendi muito com ele"