domingo, 27 de abril de 2014

Benfica elimina FC Porto no Dragão, com segundas linhas e com 10 durante uma hora de jogo.

A perfeição em organização defensiva há-de ser algo muito próximo ao que Jesus construiu no Benfica. Linhas próximas, baixas e excelentes trocas posicionais. Espaços sempre controlados e o obrigar do adversário a jogar sempre por fora.

O que era o Benfica antes e o que é com Jesus. 41 vitórias em 51 jogos na presente época não nos dizem que o treinador do Benfica é super competente. É antes por ser competente que a percentagem de vitórias do Benfica cresceu aproximadamente 20% comparativamente com todos os treinadores que o antecederam nas últimas décadas. 

A maior qualidade do Benfica, independentemente de algumas mais valias é e sempre foi desde que Jorge Jesus pegou no leme, táctica e colectiva. É o seu modelo de jogo que potencia ao máximo as qualidades dos seus jogadores. A forma como os onze se movimentam em "uníssono" é um trabalho bem visível e que não é passível de ser encontrado em mais de uma ou duas dezenas de equipas no Mundo. Pena ter chegado tarde a um clube grande. Merecia ter um projecto internacional virado para uma conquista europeia de grande nomeada. Ainda que ter retirado o Benfica da letargia que viveu durante décadas não seja algo sem importância.

P.S. - Se continua a apurar-se para tantas finais arrisca-se a que continuem a apelidá-lo de mau treinador.

P.S. II - Fraquíssima a segunda parte do FC Porto. A perda de James tem sido irreparável. Ele que jogando como 10 no modelo de Vitor Pereira desmontava jogos e sistemas.

58 comentários:

Anónimo disse...

O luis castro hoje teve tomates para tirar aquele pastelao do Quaresma. Viram bem a reacçao dele ?! Como se estivesse acima do clube! Ele que apanhasse o Vitor Pereira pela frente que lhe acabavam logo os tiques todos! O mais grave era que os adeptos se iriam virar contra um treinador que fizesse isso ao Quaresma. Mas quem teve coragem de sentar o James ate ele aprender enquanto era vilipendiado por adeptos e comentadeiros, merece todo o respeito do mundo.

Gil Von Doellinger disse...

A última vez que vi uma equipa portuguesa jogar tão bem futebol era Mourinho treinador do Porto. Incrível o nível que este Benfica atingiu com Jesus ao leme. Apesar de que hoje o Porto teve mais que uma oportunidade de resolver o jogo e de obrigar o Benfica a expor-se mais ao adversário. Tivesse estado Jackson ao seu nível e tudo poderia ter sido diferente.

DC disse...

Sim, mas na primeira parte o Benfica esteve bastante exposto e não leva 3 ou 4 porque Jackson não quer. Também não são tudo rosas.

O Porto está morto e enterrado. O Benfica podia vir com os júniores que ia dar ao mesmo. Agora, o que o Benfica fez hoje, sinceramente, não me impressionou. Foi autocarro o jogo todo com uma única saída para o ataque do Enzo, que nasceu duma perda de bola estúpida do Porto.
E, acho eu, que a expulsão foi a melhor coisa que aconteceu ao Benfica, porque a partir daí passou a ter um central a sério em campo. Antes disso esteve muito mal e como já disse, não sofreu golos apenas por acaso. Há 3 lances na cara do Oblak e 1 até com Oblak já batido e baliza aberta.

Benfiquista Tripeiro disse...

São as mesmas rosas do ano passado, quando sofremos dois golos injustamente nos descontos. Se, se, se, se!

Anónimo disse...

Este jogo foi um excelente exercício de organização defensiva em inferioridade numérica, se bem que a equipa que quando a defesa ganha bola ter um objectivo seria mais específico para o jogo não? :P

Fora de brincadeira, é um regalo ver esta máquina encarnada a mexer defensivamente. Quintero em algumas ocasiões lá foi sendo capaz de furar aqui e ali, mas as sucessivas coberturas que se foram formando iam acabando por ganhar.

Fiquei decepcionadissimo com Cavaleiro, belo pulmão, mas limitadissimo com bola. André Almeida tá feito um mostro. E a classe de Enzo assim que entra a equipa muda logo comportamento com bola, muito mais posse, mais objectividade, aquele lance em que conduz, conduz, conduz e solta no momento certo para o Cavaleiro, que mais uma vez se perde com bola.

Abraço,
Sérgio

DC disse...

Sofreram no Dragão aos 92min depois de 90min em bloco baixo, a abdicar de ter bola e de controlar o jogo. Isso não é azar, é expôr-se.

Hoje tiveram a sorte do jogo nos primeiros 30 minutos. Depois da expulsão e com Garay sim, não mereceram sofrer nenhum golo. Até lá estiveram mal.

Anónimo disse...

Volto a perguntar: para quando um texto sobre a extraordinária equipa do Atletico de Madrid?!

El_Tigre disse...

Na minha opinião o Ivan Cavaleiro deu hoje uma excelente prova de que cresceu como jogador, se é verdade que em termos atacantes não existiu, em termos defensivos o homem andava por todo o lado.

Para mim desilusão foi o Andre Gomes, melhor que contra a juve onde errou passes atrás de passes em zonas proibidas, mas hoje demasiado visivel a sua falta de intensidade, mas provavelmente estará a "pagar" a factura de não ter minutos durante a época e de repente aparece 3 jogos consecutivos a titular.

Concordo que o André Almeida está um sr jogador, é que seja em que posição jogue vê-lo jogar mal ou comprometer é coisa que nunca vi!

Anónimo disse...

El_Tigre estás por cá? :D

Eu tenho que concordar com o DC... Mas o problema está nos níveis anímicos do Porto também, porque não é normal não estar 3 ou 4 zero no fim da primeira parte. Dito isto, é claro que era a equipa C do Benfica, e que estariam bem relaxados, porque o este ano o Benfica foi muito melhor que o Porto, por mérito, mas muito vincadamente por demérito do Porto.

Parabéns mais uma vez.
Cumprimentos´
António Teixeira

FranciscoB disse...

A diferença só pode estar no Treinador...

Neste Blog tem-se como certo que num onze ideal entre os jogadores do porto e do benfica 8 são do porto... no jogo de hoje deviam ser 11 do porto...

GC disse...

E a melhor parte é que vê-se muito portista a colocar a direcção em causa e a pedir a demissão, com excepção do Pinto da Costa... O plantel é praticamente o mesmo (em Setembro as diferenças importantes eram as saídas de James e Moutinho para as entradas de Quintero e Herrera), a estrutura é a mesma, só o treinador é que era diferente. O que mais é preciso acontecer para que os portistas reconheçam o valor do VP?

António Teixeira disse...

GC fosse o problema o Vitor Peireira...

Anónimo disse...

Embora considere que o Jesus é excelente a trabalhar a organização defensiva da sua equipa, hoje foram tudo menos excelentes nesse momento do jogo quando se encontravam com 11 jogadores.

Roberto Baggio disse...

"Volto a perguntar: para quando um texto sobre a extraordinária equipa do Atletico de Madrid?!"

Faz tu um :)
Cumps

Anónimo disse...

Parte do problema é claramente o Vitor Pereira. Outros há, e outros ainda foram acumulando em bola de neve depois disso, mas o treinador até me parece o principal. Bastou ver o primeiro jogo do campeonato em Setúbal, o Porto sofreu mais oportunidades de golo adversário que em 5 ou 6 jogos com VP...

GAMARRA disse...

entredez.blogspot.com
Diz coisas boas, mas às vezes é mais radical que o Ginola.

Unknown disse...

DC, vai ver as oportunidades do SLB e do FCP no jogo do título do ano passado e diz lá quem abdicou de "jogar". O mérito do posse de bola também foi do FCP apesar de tudo, e por acaso o golo do Kelvin surge num contra-ataque. O problema foi que estava o Roderick quando podia estar um Amorin e claro, o Kelvin sacar o maior momento desportivo que haverá de ter na carreira.

DC disse...

GC, se foi a direcção a não segurar o VP é a direcção que tem culpa.
E não me venham falar de salários das Arábias. Custava mais dar 4M ou 5M ao VP, se fosse preciso, ou ser corrido da Champions com 1 vitória? Ou ver o Otamendi sair por metade do que vale?
Quem é bom como ele merece bem mais que 25000€ por mês.

Del piero disse...

jesus e um genio por nao jogar durante 90 mins. mourinho e um atentado ao futebol. deve ser fodido ter palas vermelhas

Ace-XXI disse...

JJ merece todos os elogios que colocaste no post mas sinceramente hoje esteve longe de ser o jogo ideal para tantos elogios. Na primeira parte o Benfica foi completamente dominado e na 2 parte nunca passou do meio campo...

É verdade que o jogo de hoje é fortemente limitado pelo da época de 5f mas acho que o Benfica podia ter feito bem melhor e apesar do resultado positivo a sua exibição não merece grandes elogios.

Paolo Maldini disse...

N vi a 1a parte do jogo. Vi a 2a toda e vi depois o resumo, c mts lances de perigo p o FCP na 1a parte. MAs, corrijam-me se estiver errado pq o resumo nem sp é totalmente claro, qs todos os lances (ou todos) de eminente golo do FCP surgem em situações de recuperações altas (na transição defensiva do Benfica, em zonas onde o Benfica n perde geralmente a bola...). E surgem por graves erros individuais.

Del Piero, o Jesus enquanto tem 11x11 não joga só num momento do jogo. Nunca o fez.

Anónimo disse...

E seria possivel este Atletico com um futebol menos transpirado, obter resultados semelhantes? Sim, dao muita cacetada, sim ganham muitos jogos por manterem sempre os niveis de concentração e motivação no máximo e não por uma evidente superioridade. Mas, estão prestes a ganhar a Liga Espanhola e ainda com chances de chegar à final da Champions. Para uma equipa destas, isso é simplesmente épico! E como não existe uma unica formula para o sucesso, créditos a Simeone.

Del piero disse...

ai nao maldini? entao volta a ver o jogo no draagao ano passado, sim o dos 92'...

Aza Delta disse...

Se o Jesus foi tão criticado por perder finais em lances de bola parada, ou por erros individuais de jogadores, também merece ser elogiado por ganhar jogos em penalties, e afins.


O Benfica está preparado para jogar em qualquer situação de jogo, bem ou mal, com as armas que tem. E isso deve-se ao Jesus.

Mais do que uma obsessão com o sucesso do clube (que como adepto obviamente que tenho), ha que ver o mérito do trabalho do treinador enquanto tal, e nisso dou crédito ao blog por ajudar a reforçar esse aspecto.

saudações.

Anónimo disse...

Só vem confirmar que o único adversário do Benfica este ano no campeonato foi o próprio Benfica, senão veja-se a trapalhada contra a Juventus. Uma época a falar das finais e festa rija a 3 dias de um dos jogos mais importantes da época? 2ª parte com vários jogadores de rastos e com Jesus a entregar mais uma vez o meio-campo até à correcção com as entradas de Cavaleiro e Lima. O medo de receber o caneco no Dragão ainda vai fazer passar um mau bocado em Turim.

Harry Potter disse...

Nem era preciso o jogo de ontem paqra porvar isto, mas penso que se o Benfica jogasse com duas equipas neste campeonato ficava nos dois primeiros lugares, tal é a diferença de qualidade para o resto. Então para este poto, se quiserem o Benfica começa a jogar com eles logo com 10 jogadores. Ridículos... e uma das poucas coisas em que vocês não acertam nas vossas opiniões é que o porto tem os melhores pontas de lança da liga. Nem perto disso.

Rui Dias disse...

Meu caro "até lá" durou 30 minutos....depois disso pareciam o arrentela a jogar contra o Benfica! A bola parecia ter picos! O porto este ano não joga um caracol e como têm tv para ver os jogos do Benfica entram em campo já a tremer....

Rui Dias disse...

Esse momento durou 30 minutos! Depois disso....e mesmo nos pênaltis só houve uma equipa com estratégia de jogo!

Rui Dias disse...

Em qual dos jogos Mourinho teve que jogar com menos um jogador? Madrid? Liverpool? Ele há com cada uma....

António Teixeira disse...

Maldini foi quase tudo situações dessas, especialmente porque o herrera enquanto há pulmão é bom no pressing (ainda que seja um mau pressing), e há um último lance em que o Quaresma fixa dois e solta no Alex Sandro que vem a dar profundidade que foi salvo erro em O.Ofensiva. De sublinhar que o Varela conseguiu algumas vezes entrar no bloco e a linha defensiva estava descoordenada e demasiado subida nessas situações.

Prosinecki disse...

Dos muitos erros do porto esta época, destaco um: entrada de quaresma e a saída de Lucho. O individual em detrimento do colectivo. Quando assim é, o resultado está à vista.

Pedro Simões disse...

Parece que há aqui malta que anda a esquecer um grande pormaior deste jogo... o Benfica jogou com as segundas linhas, no dragão, numa meia final e reduzido a 10 durante 1 hora de hoje e o resultado foi a eliminação do FC POrto da Taça da Liga. Falam nos golos falhados do Jackson... Ora porra, por essa lógica de ideias o Benfica tinha limpo todas as competições o ano passado...

Rafael Antunes disse...

Apresentar o jogo de ontem e o jogo dos 92' como prova de que JJ tal como Mourinho também joga só um momento do jogo é um exercício complicado!!!

No jogo dos 92', é 11x11, e o argumento do Maldini até pode ficar por terra, mas tem que se lhe acrescentar as características do jogo em questão...

1- Benfica joga fora, em vantagem com empate , num campo em que é muito provável perder(pelo peso emocional de jogar no Dragão, pela superioridade do modelo adversário, pela necessidade de não perder).
2- O Benfica começa a ganhar.
3- O Porto empata, mas continua atrás, e sem conseguir ocasiões claras de golo.

Estes são pontos que pesam na abordagem ao jogo... Abdica-se da org. ofensiva, joga-se na org. defensiva (em que o Benfica é competentíssimo) e contra-ataque (em que o Benfica é competentíssimo)...

Isto para dizer que, JJ nestes dois jogos opta por jogar apenas um momento, não por convicção, mas mais por força das circunstâncias...

Mourinho, tem dado sinais de que as suas convicções mudaram...

Cumprimentos




Paolo Maldini disse...

No jogo do golo do Kelvin, o FCP faz o golo numa transição ao min 92. Isto pq o Benfica coloca sp (como colocou ai) mta gente à frente da linha da bola. É esse o seu jogar. Depois de um jogo resolvido aos 92 num contra-ataque... qd o empate chegava ao Benfica, vir dizer esse disparate...

Anónimo disse...

Ao tempo que um Porto normal tinha corrido com o rei da táctica esta época, cujo maior adversário que conheceu foi mesmo o Benfica de início de época, antes dos empurrões da praxe. E a cereja em cima do bolo 2013/14 foi mesmo antecipar os festejos para a fase mais determinante da época. Habituados que estamos a ver todos os grandes clubes por toda a Europa ainda a fazerem de tudo para manterem os jogadores “o mais focados possível” nos títulos mais importantes.

Resumindo e concluindo, duas anedotas, direcção e treinador e foram tantas nos últimos cinco anos. Num dos campeonatos portugueses com menos história, ao menos davam o gosto aos adeptos de levantarem o troféu no mesmo sítio onde o treinador "caiu" na época passada.

Anónimo disse...

para mim este jogo evidenciou n a excelente organização defensiva (que é verdadade!) do benfica mas acima de tudo a péssima organização ofensiva do porto. a verdade é que a equipa enquanto equipa n cria nada! zero! Tirando 2 ou 3 combinações entre quaresma e herrera/alex sandro e 2 ou 3 passes de rutura a isolar o jackson foi uma miséria... e quase tudo na primeira parte quando o benfica tinha 11... bastou ao benfica baixar um bocado o autocarro e n conseguiram fazer nada... daí que a estratégia de bola no quaresma e fé em deus com todos os defeitos numa equipa tão miserável a atacar acaba por ser compreensivel...

António Teixeira disse...

Uma coisa também é certa, e apesar do excelente trabalho do Benfica esta época a todos os níveis e de ser um justíssimo campeão, há que ter em conta que este Porto foi mesmo muito fraco. Não é como, por exemplo, na época do AVB, em que o Benfica não sendo tão forte quanto agora, não era nada fraco. Este Porto é mesmo mau... Agora, isto não retira mérito nenhum ao Benfica porque fez realmente um campeonato muito bom, foi superior aos adversários directos, etc, mas só para sublinhar que a concorrência puxa sempre, por exemplo no ano passado acho que puxavam um pelo outro porque eram muito competentes, este ano foi só o Benfica mesmo. Baggio achas que o Herrera dá jogador? O que dizer do Quintero? Eu acho que tenta sempre dar profundidade e a equipa precisa disso, mas jogaria melhor no vértice e não como interior, mas a nível de criatividade é muito bom e muito forte na zona de criação (especialmente na zona frontal), basta ver que em 5 minutos cria mais que o Porto em 5 jogos, estarei certo?
Pena também que os laterais estejam absolutamente de rastos...

Cumprimentos

Del piero disse...

nada a ver maldini, nao foi por ter perdido o jogo que o referi, referi porque tu, com as tuas palas, nao es capaz de apontar os defeitos do jj. nesse jogo benfica nao jogou. por exemplo lançamentos atras do meio campo eram feitos na direcçao do matic que mandava charuto pa frente.. perderam o jogo porque fizeram por isso. atençao q nao defendo o mourinho, antes pelo contrario. o que critico e o vosso endeusamento ao jj, que vos impede de admitir certas coisas... aconselho a veres outra vez o jogo de ontem antes da expulsao tb ja agora, a meu ver a expulsao ate foi "boa" para o benfica porque em virtude disso entrou o garay...

Anónimo disse...

o herrera não dá nada, o melhor era vende-lo depois do mundial e nunca mais o ver de perto... para mim é (a par do fonseca) a cara desta época -- o quê fazer com um médio que não sabe jogar os passes mais simples?! basta ver o jogo de óntem, sai o Defour e nunca mais fizemos rodar a bola na zona onde deve de rodar. isso é que doi, entra o Quintero mas não pode fazer nada porque simplesmente não há aí jogador nenhum com quem trocar a bola...

Baresi disse...

Ultimas duas épocas 79 jogos em Portugal, 4 derrotas.
Dragão duas vezes, final da taça de Portugal, Marítimo.

O mais impressionante é que 8 jogadores titulares de ontem vieram a custo 0, ou próximo, para o Benfica. Alguns da cantera.
A competência tem um nome. Jorge Jesus.

Baresi disse...

Luís Castro não precisou de muito tempo com o grupo para perceber que jogadores como Carlos Eduardo, Licá, Josué pouco ou nada acrescentam numa equipa com os pergaminhos do FCP. Podem ser usados para contratar outros jogadores, servindo de moedas de troca, mas pouco mais.

O plantel do FCP está mal feito, tem défice de qualidade em quase todas as posições (acho que só Fernando, Jackson e Mangala são de uma qualidade superior, como já tinha dito aqui), e com a venda desses 2/3 jogadores para equilibrar as contas (e não reforçar a equipa) a tendência é a diferença para o Benfica aumentar na próxima época.

Será que o histerismo do "Quaresma na selecção já" ainda se mantém?

Anónimo disse...

Já chegámos aos custos zero no Benfica e ainda há quem pense que isto é só alguma coisa irracional como o endeusamento.

Pedro Lucas disse...

Todo o mérito para Jorge Jesus, sem dúvida, mas convenhamos que contra este porto, eu arrisco a dizer que JJ só precisava de 2 meses de trabalho com a equipa B do SLB para ir ao dragão empatar. Obviamente que para mim, que apenas vi o porto jogar nos confrontos contra o SLB, é uma surpresa imensa ver que carlos deco eduardo é um espantoso suplente não utilizado, que o motor josué não assinou pelo SLB, não por ódio ao clube, mas porque não tinha lá lugar e que licá é apenas mais um que faz a carreira com um golo em fora de jogo ao SLB. No meio disto tudo, fica a sensação que o novo mourinho, que montou um porto que nos ia comer a todos de cebolada, afinal pouco melhor é do que o baltemar de brito.

Abraços.

PS - porto perde uma época inteira porque decidiu agradecer ao paços de ferreira e ao estoril, o favor (não literal, atenção) do final de época passado.

Anónimo disse...

O plantel do FCP está mal feito, tem défice de qualidade em quase todas as posições (acho que só Fernando, Jackson e Mangala são de uma qualidade superior, como já tinha dito aqui),

Os laterais podem andar com a cabeça no ar, mas são do melhorzinho que há por cá

Helder disse...

Josué tem bastante potencial. Defour é bastante competente. Ghilas idem.

Anónimo disse...

Um jogador "Competente", "Potencial" etc são nomes que não se coadunam com o passado do FCP.
O Porto precisa de jogadores para o presente.
Precisa de jogadores com qualidade vindos da equipaB, que saibam o que é a mística do FCP, para irem entrando na equipa principal.
Precisa de jogadores internacionais indiscutíveis, jogadores com provas dadas de forma a ajudarem os mais novos.

O treinador que vier, além de ter de lidar com uma falta de qualidade gritante no plantel, e uma equipa sem fio de jogo, terá pouco ou nenhum tempo para (re)construir a equipa (e com pouco poder financeiro, como já foi dito).
E com o Benfica fortissimo, e o SCP com uma equipa estabilizada, tempo é algo que o próximo treinador poderá não ter.

Parece-me que dos treinadores que estam disponíveis nesta altura no mercad , apenas Vitor Pereira parece dar garantias de alguma qualidade para levar esta equipa a "bom Porto", porque conhece a casa, e o seu trabalho é reconhecido.
Agora, ir buscar novamente VP seria admitir um erro...

PdC estará para isso?

(i): Danilo e Alex Sandro são bons jogadores, mas regrediram claramente esta época. O valor pelos quais foram adquiridos (18M e 11M€ respectivamente) faz com que seja muito difícil rentabiliza-los numa possível venda. Não há uma alternativa de qualidade no plantel para quando algum está ausente, e acho que grande parte desta (má) época dos 2 brasileiros se explica pela falta de concorrência no plantel.

Rodrigo Paulo

Anónimo disse...

Maldini,
falta-te muito para o Jesus te convidar para um cargozito?

Estás a trabalhar bem :)

El_Tigre disse...

Meus caros não vejo o plantel do porto assim tão diminuido face ao passado. Na minha opinião, grande parte do problema são jogadores com a cabeça noutro sitio, alias este filme viu se por exemplo no ano apos o Benfica de Jesus ser campeao com um jogador indiscutivel como era o David Luiz que quiz sair acabou por nao sair logo fez pessimos jogos e depois e vendido para o chelsea. No porto diria que Jackson, Mangala e até mesmo Fernando no final da epoca passada já estariam a pensar noutros voos até porque este é ano de mundial e queriam equipa com mais visibilidade!

Que vos parece?

António Teixeira disse...

Bom post do Rodrigo Paulo, vai de encontro em muito ao que penso.

Anónimo disse...

Estão aqui a falar em custos zero? Jogadores que deram craques? No Benfica? o Clube que investiu ainda mais no plantel para tentar chegar à final da Lc? Sejam sérios para serem levados a sério! Já agora quem seriam tais pérolas? Candeias? Pizzi? Os empréstimos não contam como custo zero! Enumerem lá essas pérolas! Sulejmanji? O Jesus teve condições que mais nenhum treinador teve! A grande prova de fogo será se for para o estrangeiro! A ver se não é mais um Wenger! Um bom treinador com o melhor plantel da Liga Portuguesa! Relembro palavras de LFV! Vejam o artigo do Publico sobre o fairplay financeiro!

DC disse...

Porra, como é possível o Benfica jogar com André Gomes, Amorim, Cavaleiro, Almeida, Jardel, Vitória, Sulejmani e este pessoal vir falar da qualidade do plantel do Porto.
O Tozé da equipa B do Porto é melhor que qualquer médio que jogou no Dragão!
A qualidade do Benfica está no banco e a falta dela no Porto também. O Porto tem plantel, não tem é quem o saiba usar. Como é possível não marcar a este Benfica, perder contra Estoril, Marítimo ou Guimarães e alguns continuarem a insistir na qualidade do plantel????

Paolo Maldini disse...

anónimo das 21.14, já ando a trabalha nele há tantos anos (ainda antes da chegada ao Benfica) e ainda nao cheguei à sua equipa técnica...

DC, óbvio! Mas do Amorim gosto mt.

Anónimo disse...

consigo pescar em varios dos comentarios muitas verdades quanto ao porto.

jogadores com a caeça noutro lado... todo o quarteto defensivo titular, mais o fernando.

mas tb é verdade o descrescimo de qualidade pura. moutinho por josué? james por licá? é facil culpar o fonseca (e aqui regresso aos jogadores com a cabeça noutro lado...)

o porto precisa de investir no plantel e como o tempo é de vacas algo magras, tera que vender muito e bem para isso. fernando, mangala, defour, jackson + dinheiro do iturbe dao mais de 90 milhoes. precisam de um ponta de lança de alto nivel, um central de alto nivel, um trinco e um oito de alto nivel e um extremo de alto nivel... e depois preencher o plantel com alguns jovens ou emprestados como castro, gonçalo paciencia, etc.

"jesus teve condicoes nao sei que nao sei que mais..." epa, teve sim, mas outras inventou-as ele.

enzo perez era apenas um medio ala bonzito.

coentrao era um extremo a caminho do flop total.

di maria, aimar e cardozo estavam em sub-rendimento.

matic era um excedente do chelsea.

rodrigo era um excedente do real madrid.

fejsa era um dispensado do olympiakos.

andre gomes e andre almeida + cavaleiro, lançou-os no Benfica.

gaitan era 2º avançado brinca-na-areia, agora é o que é.

markovic era um 2º avançado a começar a carreira senior, de repente ja é medio ala a saber defender.

claro que defendeu no jogo do ano passado. um dado que falta referir nesse jogo, e que o Benfica partia para ele com muito mais jogos nas perrnas que o porto e mais dificil seria assumir o jogo, pressionar alto, etc.

Gandaia disse...

off-topic: Dieguito - http://www.record.xl.pt/multimedia/videos/interior.aspx?content_id=880235

Anónimo disse...

Ninguém gasta como o Benfica em Portugal e ainda vêm falar dos custos zero? Grande frete e grande treinador, que é só pedir e há 5 épocas. Um título à custa dos castigos do Ricardo Costa no CD e outro à custa de uma das piores épocas de sempre do Porto e com o CA no bolso. Aliás viu-se bem na Champions. Queira Deus que o JM continue a meter muitos milhões na Luz para o JJ continuar. Isto aqui sempre foi o blog oficial do JJ.

Anónimo disse...

Porque o Danilo, Alex Sandro, Mangala, Otamendi, Defour, Jackson, Falcão, James vieram todos a custo 0 e baratinhos....

Anónimo disse...

É preciso ver duas coisas, quem puxou os custos zero e quem ainda perdeu mais do que ganhou em 5 épocas.

zorg disse...

O Benfica tentou contratar vários jogadores que acabaram por ir para o porto (que me lembre, pelo menos Alex Sandro, Mangala, Falcão e James) e "perdeu-os" precisamente por não conseguir competir financeiramente.

E mesmo este ano o porto não investiu pouco, o problema é que houve uma série de contratações de vulto (Herrera, Reyes e Quintero) que acabaram por não render o que se esperava, mas estiveram longe de ser jogadores baratos.