quarta-feira, 14 de maio de 2014

Sevilha vence a Liga Europa

Um SL Benfica com demasiadas individualidades de pouca qualidade para tão avançada fase da prova poderia e deveria ainda assim ter vencido, pelas inúmeras oportunidades criadas.

Um melhor colectivo e controlo a não ser suficiente quando tantas individualidades estão tão longe de valerem uma final Europeia.

74 comentários:

Ricardo Perna disse...

Hoje "apenas" correu mal o facto de alguns jogadores falharem quando não deveriam. A estratégia estava montada, e bem. As oportunidades apareceram, mas não foram concretizadas. Infelizmente, hoje notou-se a falta de elementos melhores no plantel. A lesão do Sulejmani também foi imprevista, e ele até estava com vontade...

Apenas acho que o Cavaleiro poderia ter entrado mais cedo, o Nico há muito que tinha desligado os motores. O André Gomes raras vezes foi capaz de dar uma linha de passe ou ganhar um duelo, e só o Amorim no meio-campo é difícil....

Ah, e tantas más decisões do Rodrigo também não ajudaram...

Enfim, venha a Taça de Portugal para afogarmos estas mágoas :)

Laranja disse...

Sem Enzo, Salvio e Marko, até a 4ª opção para extremo se teve de lesionar, os penaltys por marcar, a nabice na finalização, quando mais precisamos de Nico (por não haver outro) este não conseguiu, Beto a defender o penalty 3m à frente... é incrivel o azar que tivemos hoje...

Laranja disse...

Temos mesmo de ir à bruxa...

João disse...

Pois é... Tal como esperado o Benfica conseguiu criar oportunidades suficientes para vencer. Mas não as concretizou.

Sentiu-se MUITO a falta do Enzo e Marko. E perder o Sulejmani logo aos 11 minutos foi muito mau.. André Almeida e Maxi? Péssima dupla.

Tomás F. disse...

Maxi Pereira foi, como sempre, menos um. Não acertou uma. Muito muito fraco. Não tem técnica (nunca teces), mas nestas duas épocas perdeu aquilo que fazia dele um bom jogador: velocidade e capacidade física. A nível de posicionamento esteve razoável, mas sempre que a bola lhe chegava aos pés, perdia ou então queimava o jogador que recebia. Muito fraco. Não sei como é possível continuar a insister nele. André Almeida não é brilhante também, mas dá muito mais do que este Maxi.

Anónimo disse...

por isso que digo precisamos de ponta lança mundial , tipo jackson, falcão , lisandro lopez como o porto tem.

Bernardo Pinheiro disse...

Nada me surprendeu, o Siqueira é mau demais com bola, ele deve pensar q é o fucking Ronaldinho. O André Gomes q já se tinha visto com a Juventus, q não pode jogar naquela posição, voltou a jogar e deu merda outra vez. O Gaitán e o Rodrigo más decisões são com eles.

Paolo Maldini disse...

é isso. o Benfica joga uma final europeia com um corredor direito de nível de 2a divisão. Aliás, Almeida e Gomes há um ano e meio atrás jogavam mm na 2a divisão. Este Benfica é mt mais treinador que jogadores. Alias, senti sp q bastava estar presente Enzo ou Markovic (nem era preciso os 2) para as coisas terem sido diferentes em termos de resultado. Mas, é só a minha opinião.

Roberto Baggio disse...

Hoje não consigo elogiar o Jesus

NSC disse...

Isto com os «titulares» tinha sido um passeio. Cada vez acredito mais na maldição.

Wishmaster disse...

Uma pena o Benfica ter ficado privado de tanto valor individual para a final. André Gomes, que desastre...

Anónimo disse...

Ficaram 3 penalties por marcar. Penalties claros e incompetência dos árbitros ou outra coisa qualquer.
A saída do Sulejmani foi planeada, nos primeiros 15 minutos houve uma autêntica caça ao homem, Siqueira (2 vezes) Gaitan (2 vezes) e por fim Sulejmani (2 vezes), à segunda foi de vez! Eles sabiam que não tínhamos alas direitos.
É pena ter de falar dos árbitros mas contra factos (vejam as imagens) não há argumentos.


Daniel Martins disse...

Bastava Enzo no lugar do André Gomes. Mais nada. Evitávamos 75% das bolas perdidas no nosso meio-campo e saímos com a bola controlada o dobro das vezes.

Anónimo disse...

Porquê? Ele foi o menos culpado. Tinha a equipa dizimada (Silejmani, Fejsa, Enzo, Marko, Salvio) o que podia fazer mais? Sem ovos não há omeletes.


Manuel Humberto disse...

Djaló fez muita falta também. Djaló e o troféu, que foi para Sevilha.

Paolo Maldini disse...

o djaló tinha lugar neste 11. Sem gozo. Melhor Maxi ou André + Djaló que Maxi + André

Anónimo disse...

mesmo assim, com 3 penalties por marcar que 2 deles davam expulsao, e beto a defender 2 metros a frente da linha. 9 lances de golo contra 3 em 120 minutos... estávamos dizimados e eles na maxima força...

os comentadores da sic,... epa parece um concurso para ver se conseguem ser piores que os da tvi

Pedro disse...

O André Gomes deve ter acertado um ou dois lances ofensivos. Não entendo, ou não quero entender, que o Jesus opte sempre por ele. Foi de tal maneira que os outros jogadores começaram a passar-lhe menos a bola.

De resto, foram tantos erros que nem sei por onde começar.

O problema não foi o corredor direito de 2ª, foi o elemento de meio campo de 3ª Maldini. Visão de total leigo em futebol (eu é mais basket), sem ter um meio campo capaz de circular a bola e fazer tabelas, não há muito a fazer.

Hugo disse...

André Gomes é mau demais. Um minuto do fim e perder a bola com uma revienga à frente da área demonstra bem a inteligência do jogador.

Também acho que Cavaleiro merecia ter entrado mais cedo para agitar a coisa.

Foi dos piores jogos do Benfica esta época, e muito por mérito do Sevilha. Obviamente o Enzo fez muita falta, mas a forma como o Benfica nunca foi capaz de jogar e segurar o meio campo e o Jesus não o mudou ditaram o empate. A certa altura pedia-se saída do Gomes pelo Cavaleiro, metendo Almeida no meio e de novo Maxi na ala. Tenho a certeza que o Almeida iria estabilizar o jogo muito melhor que o Gomes, reduzindo as perdas de bola.

Paolo Maldini disse...

sim. por isso disse q podia e devia ter ganho. é colectivamente tão superior que devia ter ganho! Mtas responsabilidades para tanta perdida. Já na final do ano anterior havia sido igual. O triplo das oportunidades... mas não marcam! Por isso falo em qualidades individuais. E olhava-se p o 11 do SLB quem era de nível Europeu? O Gaitán, o Garay e o Luisão. Sendo dois defesas...

Paolo Maldini disse...

Sim, por isso disse q fiquei c a sensação q bastaria Enzo e a coisa resolver-se-ia tranquilamente. O Sevilha a dar aquele espaço todo nas transições... se fossem conduzidas pelo Enzo...

Anónimo disse...

O Djalo nos lagartos actuais seria rei,tal como o Caveliro,do 11 lagarto nem um calçava no 11 benfiquista

jack_daniel disse...

Mas há 2 posts atrás já eram excelentes jogadores para a seleção...
Haja coerencia

Paolo Maldini disse...

what?

Manuel Humberto disse...

Djuricic podia talvez ter jogado de início. Sulejmani sempre que joga parece um jogador triste, "ausente". Já Djuricic mesmo que não esteja totalmente integrado no jogo da equipa tem muita classe e isso conta muito. Sulejmani de início e André Almeida aos 11, duas oportunidades algo perdidas com Djuricic no banco. Rodrigo hoje esteve péssimo, Gaitán apagado e A. Gomes que tem sérias dificuldades em ler o jogo.
Garay por outro lado foi enorme e não merecia ter perdido.

Ricardo Perna disse...

Hugo, discordo totalmente que o Sevilha tenha feito um jogo grande. O jogo foi todo do Benfica, e poucas oportunidades teve o Sevilha de se chegar à frente. Faltou ao Benfica fazer aquilo que sabe fazer. E sim, melhores jogadores para o fazer.

Quanto ao Jesus, só acho que o Cavaleiro poderia ter entrado mais cedo. Se não era para apostar no miúdo, não o punha a 2 mins do fim só para os penaltis (presumindo que tenha sido isso...). Hoje acho que o Jesus voltou a ter medo, talvez por causa das ausências, e não mexeu como poderia ter mexido...

Taco disse...

Estou para ver qual vai ser o próximo clube do Rakitic.

Pedro disse...

Acho que mesmo que fosse o Ruben Amorim a fazer as transições e o André Almeida a jogar mais recuado no meio, e também se tinha resolvido muito melhor.

João Silva disse...

Baggio nao podes lagar essa "bomba" e ir embora pah :P JJ acho eu pouco mais podia fazer. Talvez a abordagem com as substituiçoes mas é como diz o Maldini, com estes jogadores nao ha milagres. Acho que com esta mão de obra foi o possível. Cardozo é de facto uma unidade a menos e surpreendentemente Nico também o foi portanto acho que foi o possível muitos erros na transição ofensiva impressionante nunca se viu um Benfica assim, agora peço aos que comentem aqui (nao os autores) epa sejam coerentes e se aplaudiram o Cardozo nos últimos jogos na Luz (vcs sabem quem são) nao façam o homem bode expiatório, tentem arranjar explicação no jogo jogado também.

Cumps a todos

Anónimo disse...

Acho que nunca conseguirei olhar para este jogo de forma objectiva. Acho que podiamos ter ganho, tivemos oportunidades para isso, apesar de haver jogadores que são simplesmente maus demais. Com 11 normal talvez até fosse um passeio. Se o ano passado dada a qualidade dos jogadores da outra equipa não me custou assim tanto a derrota, apesar de ter sido como foi, hoje sinto-a profundamente. Sei que para o ano este plantel será desfeito. Que o mestre poderá também sair e com isso possam entrar no Benfica os rui vitorias e os socolaris. Assim a 'maldição' será mesmo por 100 anos uma vez que nos próximos 50 não chegaremos a finais e isso é o que custa mais.

Aguardo o Mundial para esquecer tudo isto.

Abraço a todos,

Top1

Rui disse...

Até à umas horas atrás eram os melhores do mundo, agora já não valem merda nenhuma??!! Sejam coerentes e acima de tudo honestos com vocês próprios. Não serve de desculpa mas não tinhamos Fejsa , Enzo, Salvio, Markovic e ficamos sem o Sulejmani, e para que conste não perdemos um jogo nesta liga europa!!! Domingo temos mais uma final, até já parece uma coisa normal, para jogar e tentar ganhar. Aos que agora criticam e à uma semana batiam palmas que se vão encher de moscas!!!

Roberto Baggio disse...

Porque espero um Jesus mais corajoso. Ficar a olhar para o que o jogo vai dar não é nada.
Todo o mérito que tem tido no SLB não está em causa. é Só este jogo.

Anónimo disse...

Sinceramente a nível de substituições acho que a única coisa que mudava era em vez do Cardozo o Cavaleiro. Nos penaltys esteve tudo bem. No mais importante...parece-me mais falta de qualidade dos Gomes desta vida.

Abraço,

Top1

Pedro disse...

Acho que vimos jogos diferentes. Se queremos apontar o dedo a jogadores está tudo a apontar aos jogadores errados mas enfim... JJ teve medo de mexer mais cedo, percebe-se. Queria refrescar o meio campo e não tinha ninguem, teve medo de por o Cavaleiro muito cedo, sobrava o Cardozo e o Djuricic. Optou pelo Cardozo, percebe-se. Desta vez sim, foram os jogadores que falharam e não o treinador mas não foram os que aqui estão a ser massacrados. Mais vale cair em graça...

MM disse...

Não foi um pouco por culpa do JJ a falta de minutos que o Andre Gomes teve durante a epoca, principalmente no inicio? Graças a deus que o enzo nao se lesionou durante a epoca, porque nunca procuraram prevenir a sua perda, quando ele proprio foi uma adaptaçao

Unknown disse...

Maldini, mas que queres tu? Super estrelas para suplentes? Tens de ver também que o stock de extremos esgotou!

El_Tigre disse...

É nestas alturas que se percebe a não aposta em jogadores de formação, hoje o André Gomes jogou como se estivesse num jogo de juniores ... aos 119 m tentar uma finta a frente da área não é o indicado, tal como não o era as outras 5 ou 6 vezes que o fez recorrentemente durante a 1 e 2 parte dos 90m.

Mas mesmo assim, o Lima e o Rodrigo falharam lances que não se entendem ... Este jogo serviu para marcar o fim do ciclo de Cardozo na luz, agora onde nos davam 15 milhões o ano passado este ano ainda paga-se para o levar da luz.

:P

Hugo disse...

Não disse que o Sevilha fez um grande jogo na medida em que tenha sido superior ou tenha tido muito mais ocasiões, mas sim pela forma como não deixou o Benfica jogar (ou, como dizes, "fazer aquilo que sabe fazer"). Pressionou sempre alto, e obrigou a muitas disputas de bola no meio campo, houve muitas segundas bolas, muito choque. Um pouco o que a Juventus tentou fazer, mas não conseguiu por falta de intensidade...o Benfica aí conseguiu por a bola no chão e jogar, hoje tinha sempre 2 em cima e foi muito complicado.

Emanuel Guerreiro disse...

A colocação do Maxi Pereira a médio direito com o Djuricic no banco revelou que o "génio" de jesus tinha só hibernado nos grandes momentos.
Colocar um jogador que não joga nessa posição há pelo menos 4 anos é de "génio".
Passo a vida a ler aqui no blog que chegar a tantas finais só pode ser do treinador, mas perder tantas finais não pode ser só azar.
Ele se quiser sair que diga já enquanto o avião vai no ar para ver se há tempo de ir buscar o do Estoril enquanto o Monaco anda a negociar o Jardim.
Aquele monstro do campeonato nacional que corre, esbraceja, pontapeia garrafas, na Europa nas finais parece uma múmia, não é preciso ser mestre da linguagem corporal para perceber como está condicionado mentalmente nestes momentos.
Se o Cavaleiro não conta não o leve para o banco até porque o Bernardo Silva a dormir é melhor que ele acordado, com a maioria dos jogos no campeonato em ritmo de passeio não aproveitar aquele talento da equipa B é no minimo criminoso.
Uma relação de cinco anos de contrato é o mesmo que um casamento, já ninguém engana ninguém, por isso o Benfica é o espelho do treinador, fortissimo tacticamente e fraquissimo psicologicamente.
Em cinco anos, nos momentos chaves tirando a taça da carica deve ter perdido mais de 80% dos jogos fulcrais em que devia ter ganho.
O futebol é um desporto bastante táctico mas a táctica no alto nível não é tudo, porque aí são quase todos muito bons tacticamente. O Mourinho com a equipa do Benfica a jogar apenas um momento do jogo tinha ganho tranquilamente ao Benfica, se continuarmos com a tese que os jogadores é que chutam e jogam se calhar é melhor colocarmos os treinadores das equipa das finais a comentar os jogos na televisão em directo e deixamos os moços a jogar livremente.

Anónimo disse...

O Maxi a médio direito deu 3 golos de bandeja aos colegas.
O Sevilha jogou bem, e apesar de ter alguns bons jogadores, a nível individual é inferior ao Benfica.
Na minha modesta opinião, o Gaitan e o Rodrigo são dois dos maiores flops que já vi. É incrivel como é que aqui neste blog se elogia o Gaitan quando ele é exactamente o oposto daquilo que aqui se defende.

Jorge Gaspar

António Lilaia disse...

Por muitas bolas que o André Gomes tenha perdido, não acho que a derrota se deva a isso. Chegaram muitas bolas lá à frente e os avançados não podem falhar tantos golos... E se o JJ não pusesse o AG o ano todo na 2ª liga talvez ele não achasse que consegue sempre jogar com calma e fintar...

A bug's life disse...

Devia ter jogado logo o Almeida e o ruben. Qd o sulejmani se lesionou devia ter entrado o Ivan. Qd o Gaitán estoirou, devia ter entrado o diuricic. Era limpinho

Pedro disse...

Maldini, sem quereres acabas por me dar tanta razão no que tenho dito ao longo destes anos. Falaremos outro dia, mais calmos...

Ricardo Perna disse...

Volto a discordar. Pressão alta? só aconteceu porque o Benfica não conseguiu ter ninguém que furasse linhas, como faz o Enzo. Aquela pressão, com o Enzo na equipa, ou alguém que pegasse na bola e furasse uma ou duas vezes, tinha caído por terra como um castelo de cartas. Não, hoje o que falhou foram os jogadores, que não foram o que era preciso que fossem, e eventualmente as substituições do JJ...

Rui Soares disse...

Para o inteligente que encontrou uma prova no jogo de ontem para não apostar nos jogadores da formação, deixo aqui a ideia contrária.

Temos jogadores com talento na formação: Bernardo Silva, Kevin Oliveira, Nuno Silva.

Ontem, faltou talento...

Paolo Maldini disse...

Pedro, ia jurar q tu axas q o Benfica é só craques... e eu defendo o contrário. Este 11 com outro treinador era para levar 10. mt fraquinho individualmente... salva-se um colectivo que os puxa para cima. Ou falas da questão Cardozo...?

Paolo Maldini disse...

tens a certeza q n foi o treinador q falhou aqueles 10 golos fáceis...Pedro...? ou q n foi o treinador que jogou a médio centro...?

Paolo Maldini disse...

O treinador do SLB em Espanha

http://www.elenganche.es/2014/05/europa-league-los-nombres-de-la-final-3.html

Jorge Jesús: Siento lástima. Supongo que más allá de festejar la alegría sevillista y española, la gran familia futbolística, respetuosa y hasta romántica, tendrá una sensación parecida. Sin entrar en la eterna maldición que convierte al Benfica en un club perdedor por decreto histórico tras sumar su octava final en blanco, la cita turinesa volvió a serle esquiva, a reírse de sus intenciones y a denostar sus ambiciones. Primero fue más atrevido que su rival, segundo acabó mejor ambas mitades, tercero sumó más acciones de peligro y cuarto, y más importante, tuvo un correctísimo engranaje colectivo que demostró ser un grupo trabajadísimo. Repliegue perfecto, dinamismo ofensivo, capacidad de peligro en acciones a balón parado y hasta atrevimiento final cuando llevó la batuta y la inercia vencedora a su lado en la prórroga. El míster, que seguramente estuvo ante su última cita de nivel internacional antes de cambiar de club, ejemplifica ese desaliento doloroso en la mente de todo benfiquista. Otra vez más no sirvió su receta ambiciosa, atrevida y atractiva. No desistáis, sois grandes.

André Pinto disse...

Para mim ficou claro que o Benfica não tem soluções de alto nível para substituir Enzo. André Gomes é um jogador preso, pouco clarividente e perigoso. O Benfica raras vezes foi perigoso em construção a partir do meio-campo, onde Rakitic foi dono e senhor. Foi-o sobretudo com lançamentos longos. Nas alas, acho que o Maxi foi bem superior ao Rodrigo na manobra atacante, mais acutilante e decidido.

Quanto aos penalties, há aí muito choradinho de vitória moral. Quando muito, o lance de Lima deixa dúvidas. O de Gaitan é precedido de mão na bola, e mal sente um ligeiro contacto, tenta cavar o penalty. As regras não proíbem o contacto, isto não é basquete. Era amarelo para Gaitan pela mão na bola e aviso por tentar cavar a penalidade. No caso de Carriço, não me façam rir... Os comentadores a dizerem que ele estendeu o braço à bola, perante as repetições, que mostram o rapazola com o braço flectido junto ao tronco, em queda, de olhos fechados, meio rodado - comentário, já agora, imprestável, com um asqueroso Nuno Pereira à cabeça. É completamente à queima, uma bojarda a 3 metros de distância. Há árbitros que marcam, mas erradamente. Naquela situação, não se vê qualquer intenção de jogar a bola com a mão, o braço está flectido junto ao corpo, no movimento natural da queda. Metia o braço onde? Entre as nalgas? Chegamos ao caso do Lima, que me parece, esse sim, para penalty. O defesa prende-lhe o pé de apoio. O árbitro não marca, porque Lima, ao não haver intensidade suficiente para o fazer cair, atira-se de forma estranha para o chão. Se me prendem o pé em movimento, com a inércia caio para a frente, mas o Lima deixou-se cair de cu. Pareceu teatro grosso.

Não vejo ninguém mencionar a incompetência de Jesus, relativamente à situação dos penalties. Foi óbvio para quem quis ver, que os jogadores não foram preparados em treino de forma aturada para essa possibilidade. O semblante de alguns jogadores quando se dirigiam para a marcação (ex. Rodrigo; estava borradinho), era o espelho da dúvida, do pânico interior. Os tipos do Sevilha, não obstante completamente rebentados, transpiravam confiança, não se lia dúvida naquelas caras. E marcaram com igual decisão, porque Emery os preparou para a eventualidade. Aposto singelo contra dobrado que Jesus nunca pensou chegar à marcação de penalties, dando de barato a sua superioridade (erro que já cometeu no passado) e não abordando a situação sistematicamente na preparação da final.

Pedro disse...

O Benfica não é só craques mas tem muita qualidade. O que eu digo é que quando os jogadores não resolvem o treinador nada consegue fazer para resolver. Digo isso desde sempre. Não há, nunca, um rasgo vindo do banco para resolver um jogo para o SLB. Não há nunca algo que o treinador faça para surpreender o adversário. Ele é fiel ao seu modelo e vai até ao fim com ele. Aconteça o que acontecer. Carradas de lesões e castigos e não muda nada, não altera nada. Para o bem e para o mal. Felizmente a qualidade individual dos jogadores é tão boa que permitiu resolver muitos problemas ao longo dos anos. Quando ela não resolve do banco não vem ajuda. Basicamente é isso. Mas não critico por ontem. O meu problema com JJ é muito antigo como tu sabes.

Paolo Maldini disse...

"Não vejo ninguém mencionar a incompetência de Jesus, relativamente à situação dos penalties. Foi óbvio para quem quis ver, que os jogadores não foram preparados em treino de forma aturada para essa possibilidade."

Consegues ver essas coisas nas caras? que talento. Talvez devas perguntar a quem seguiu de perto a planificação do treinador do slb se houve ou nao treino e preparar dessas situações. seria capaz de ser mais credível que olhares para as caras deles.

Já agora, se é para teorias malucas tb tenho a minha. Perdeu como ganhou no FCP. Quem aguenta e mete as fichas p ir aos penaltys, qd eles chegam está mt mais confiante. Tenho visto inumeros casos assim, o mais flagrante uma meia final de um europeu em q a itália com 9 x 11 holandeses resistiu e conseguiu levar para os penaltys o jogo.

Pedro disse...

Não é o melhor blog para comentar arbitragens até pq quem diz que há dúvidas no lance do Lima e que a mão de Carriço não é falta não permite grandes debates sobre o assunto.

Pedro disse...

Não puxes por mim, Maldini, hoje não puxes por mim. Ok?

Paolo Maldini disse...

ya...ontem eu tinha metido o paulo lopes a ponta e o jardel a extremo...

Miguel Barata disse...

"O de Gaitan é precedido de mão na bola, e mal sente um ligeiro contacto, tenta cavar o penalty. As regras não proíbem o contacto, isto não é basquete. Era amarelo para Gaitan pela mão na bola"

Fico a saber que um jogador dominar a bola com a mão (que não vi que dominasse mas siga) num ressalto em jogada ofensiva dá amarelo... e depois ainda tinha de ser expulso por simulação....sempre a aprender.

" Quando muito, o lance de Lima deixa dúvidas."

Dúvidas??

"Chegamos ao caso do Lima, que me parece, esse sim, para penalty."

Ah, afinal era mesmo penalty

"O defesa prende-lhe o pé de apoio. O árbitro não marca, porque Lima, ao não haver intensidade suficiente para o fazer cair, atira-se de forma estranha para o chão."

O defesa prende-lhe o pé de apoio, porém não há intensidade suficiente para o fazer cair... depreende-se que deveria continuar a correr arrastando o Moreno pela relva com ele.
Sempre esquecendo que havia um arbitro a 2 metros de frente para o lance.

"Não vejo ninguém mencionar a incompetência de Jesus, relativamente à situação dos penalties."

Pois, já tinhamos reparado que não prestas muita atenção em geral.


Mas de facto os penalties do Sevilla foram todos superiormente batidos







O do Lima diz que é duvidoso, depois já é penalty, mas caiu de forma estranha (se calhar ver a repetição do pé esquerdo dele a escorregar enquanto o direito é preso pelo defesa ajudava), mas sempre sem mencionar que havia um árbitro a 2 metros do lance de frente.para o Lima.

Schmeichel Jr. disse...

É normal.
Uma equipa que luta para ir a penaltys e consegue, tem um objectivo cumprido e já está mentalizado para ele à algum tempo.
A equipa que luta para ganhar jogando futebol "puro", sente que falhou um objectivo e tem mais dificuldade em se mentalizar para os penaltys.
Mas, a meu ver, um jogador completo tem que estar sedento pela vitória e concentrado em qualquer momento do jogo. Mesmo quando as coisas não correm de acordo com o plano A, B, C e D.

Pedro disse...

Podia ter feito o que ele quisesse como fez. Ontem não tinha opções, noutros jogos tinha e muitas. No final o resultado acaba por ser sempre o mesmo: não é por uma mexida dele que o Benfica ganha um jogo. Colectivo forte, muito trabalho durante a semana, tudo isso é inegável. Mas não é suficiente. É isso que tu teimas em não ver mas adiante.

Pedro Manuel Anastácio disse...

Não consigo elogiar JJ, mas consigo dizer o que esteve mal.....
1º foi a abordagem com 2 médio de contenção sem profundidade defensiva
2º foi a reação a lesão.....

1ª resposta: Almeida a titular ao invés de Gomes teria dado maior espaço e cobertura a Amorim.

2ª resposta: a reação à lesão deveria ter sido coerente com aquela que era a leitura inicial que era tentar com que o Sevilha utiliza-se os flancos e a melhor maneira teria sido uma dupla subsituição Almeida por Gomes e Cavaleiro por Sulejmani...
Mas aui até dou a mão à palmatória mesmo que JJ tivesse feito o que fez (tirar o sulejmani pelo Almeida) Almeida deveria ter entrado para trinco deixava-se então Gomes "na sua casa" a centro do terreno e ficava Amorim com a tarefa de dar profundidade à direita....penso que teria sido o mal menor... assim mantendo a dupla de meio campo deixou sempre a equipa a caminhar sobre brazas

Pedro Manuel Anastácio disse...

Ontem ao ver André Gomes lembrei-me de uma "estrela" passada do Benfica....Michael Thomas.......


Alguem diga ao Moço que ele não é o Zidane e nem sequer é semelhante

André Pinto disse...

Dizer que o Sevilha meteu as fichas para ir aos penalties é de se bradar! Como se tivesse passado o jogo todo na retranca! O SLB teve claríssimas ocasiões para marcar, mas o Sevilha também e do ponto de vista do domínio, só vi um meio-campo a dominar em posse, o do Sevilha, liderado por Rakitic. Se alguém contou com ovos em traseiros de galinha, esse não foi Emery... Devo ser de facto dotado, porque me pareceu que, quando se dirigiam para a marca da coisa, o Rodrigo estava borradinho e o Cardozo desejando estar noutro lugar. Também me pareceu que excluir Gaitan da marcação em detrimento de um Tacuara, foi de mestre e de quem, naturalmente, preparou as penalidades... Mas todos sabemos que Jesus não falha e que ali não mora a soberba :D

Entendo a interpretação enviesada dos tais lances, de pretensos penalties. Então o do Carriço... a conclusão a que chegamos é que teria de cair com as mãos atrás das costas, esbardalhando-se todo, ou então não se fazer ao lance, abrindo passagem qual valet, não interferindo na natural glória benfiquista. É o excesso de bílis no sangue, toldando cerebelos.
E sobre o do Gaitan, as regras dizem que um jogador que jogue deliberadamente com a mão deve ser admoestado com cartão amarelo. As imagens são claríssimas a mostrar a mãozinha marota; não é ressalto nenhum, como as lentes vermelhas mostram a certas visões. Se querem ver a diferença entre uma coisa e outra, vide lance do Carriço :D E também é notório que tenta cavar a penalidade. Aliás, Gaitán, cá entre nós, é um bocado para o piscineiro.

Torno a dizer que, a ser marcado penalty no lance de Lima, não estranharia. Mas, vejam bem o lance, o Lima já vai a iniciar a queda antes do toque final e em jogo corrido parece teatro. Até porque a bola se dirigia para a linha de fundo e o perigo passava, dando a sensação de que Lima estava a tentar sacar alguma coisa da perda. Aceita-se o erro, não minha opinião.

Foi uma final muito dividida, e o SLB teria sido também um justo vencedor. Agora, dizer-se que "não ganhou o melhor" (se não for com humilhação, JJ nunca aceita derrotas), martelar nos pretensos penaltes (quem é calimero :D?) é um bocadiiinho, mas só um bocadiiinho, tentar sacar vitória moral do que foi uma derrota meritória, mas em que o adversário também fez por merecer a vitória final.

André Pinto disse...

P.S: também ninguém na TV (estavam embevecidíssimos, no caso de Nuno Pereira até à estupidez), nem em comentários subsequentes se referiu à reacção de Gaitán quando lhe foi dada ordem de saída. Eu concordo com Gaitán, que se mostrou incrédulo. Os minutos de jogo corrido e a prestação na penalidade de Cardozo, vieram demonstrar o óbvio ululante. Gaitán tinha razão.

Pedro disse...

Portanto Gaitan toca com a mão propositadamente mas o Carriço nada podia fazer...ok

Paulo Guerreiro disse...

Ver aqui um conhecido adepto do Porto a comentar com evidente satisfação um jogo que não correu bem ao Benfica tentando dobrar a realidade, mentindo objectivamente até pelas imagens que existem para todos ver, para tentar aliviar a dor que sente pelas razões conhecidas, não pode constituir surpresa para ninguém.


André Pinto disse...

Pedro, ninguém está a falar no momento do ressalto, reveja as imagens. É na altura em que se desmarca e bola lhe chega desde cima. É vê-lo aconchegar a redonda. Isso obviamente não tem nada a ver com a bojarda quase à queima, com Carriço em queda.

M disse...

nem sei porque se discute arbitragem deste jogo, pelo menos,neste espaço...

árbitros não existem, não influenciam ( e digo isto na perspectiva de interveniente do jogo, não falo de conspirações e afins) os resultados com opções e tomadas de decisões....

aqui só ha bons e maus treinadores, bons e maus jogadores e boas e más tomadas de decisões.

Nunca aqui se escreveu que o treinador fez todas as boas opções, fez todas as devidas preparações e todos os jogadores tomaram as boas opções...e mesmo assim se perdeu porque o arbitro (ate porque ha sempre 2 equipas e 2 treinadores), essa figura inexistente, tomou, esse sim, uma decisao errada.

gosto muito deste espaço, tenho aprendido muito, vou continuar a ler sempre com muita atenção.....

Hélder disse...

Hoje é o dia mundial do cromo?

Tiago Beça disse...

Nem mais, o André Gomes não teve intensidade (nem sei se algum dia terá) para defrontar uma equipa destas.

Tiago Beça disse...

O grande ausente acaba por ser Enzo.
André Gomes nunca teve a intensidade necessária para o jogo, e no fim jogava a passo (compreensível).
Perdeu umas 15 bolas no próprio meio campo.
É simplesmente ridículo, digno apenas de um jogador de segunda divisão.
Não era jogador com perfil para um jogo contra uma equipa conhecida por ser aguerrida nos duelos individuais. Precisa de ser emprestado ou vendido a uma equipa da premier para ver o que é futebol.

Aquando da lesão de Sulejmani, eu teria optado por André Almeida para o centro e Ivan Cavaleiro para a direita.
É arriscado fazer duas substituições desta maneira logo naquela altura, mas JJ comprometeu, perdeu o meio campo e nunca o tentou ganhar.

O Lima falhou 2 ou 3 golos cantados, Gaitán foi uma nulidade quando deveria ter sido a nossa maior arma (o nosso melhor jogador disponível no 1x1), e o cumulo foi a exibição do André Gomes. O próprio Rodrigo fez uma exibição cinzenta.

E para ajudar temos o arbitro que foi bastante permissivo para com os jogadores do Sevilla em certos lances, como nos penalties não assinalados, no Beta a sair da baliza, e a falta que lesionou Sulejmani, que podia ter sido vermelho direto tal foi a dureza do lance.
Aliás fica a ideia que o Benfica nunca era para ter passado frente à Juve, os 2 extremos direitos impedidos de jogar a final, um deles sem razão nenhuma.

Não tivemos sorte, e ainda fomos empurrados para trás.
Não acredito minimamente em maldições e a sorte somos nós próprios que a fazemos, mas ontem não era claramente o nosso dia.

Com isto tudo era difícil.

Para a próxima época, assumindo que Rodrigo, Cardozo, e André Gomes se vão embora, gostava de ter uma opção válida ao Enzo, e de ver mais um avançado (um mesmo bom) chegar à luz. Não tenho acompanhado o Funes Mori, mas se ele for bom o suficiente, podia ser terceira opção.
Há aí alguém que tenha acompanhado o jogador ao longo desta temporada que possa dar a sua opinião?

Anónimo disse...

Hoje aprendi uma lei da fisica que desconhecia por completo: que se tiver um pe no ar e me pontapearem o gemeo, caio para a frente devido a inercia.
Relativamente ao jogo é levantar a cabeça que domingo (não é para o ano é domingo mesmo) há mais.

LUIS REIS disse...

Meu caro, a analise aos lançes é mesmo deliriante, até na TV espanhola num programa de grande audiência Tika Taka, todos os comentadores concordaram que o Benfica foi prejudicado nesses 3 lances... mas eu até acrescento mais alguns... Cartão amarelo a Siqueira? falta de coerência na acção disciplinar que só assim permitiu que os centrais do sevilha acabassem o jogo, 2 fiscais de baliza não viram que beto nitidamente dá 2-3 passos á frente, beto defende o remate de Cardozo praticamente em cima do limite da pequena área....

LUIS REIS disse...

Excelente analise, concordo na sua totalidade, acrescento que o Benfica começa a perder a final na meia final contra a Juventus.... Também concordo e não é de agora, que André Gomes é um jogador com potencial mas nunca passará da banalidade, falta-lhe objetividade, agressividade, pergunto-me como é que alguém pagou 15 milhões, ou como é possível estar nos 30 pré convocados de Paulo Bento.

Crente que Rodrigo possa continuar por mais uma época, contudo concordo na necessidade de se contratar mais um avançado (mesmo que Cardozo continue), acabamos de vender um avançado que têm crescido no Brasileirão e sendo um dos reservistas de Scolari, Kardec

Rumores dizem que Hugo Almeida pode ser reforço a custo zero, pessoalmente apostaria no mercado belga nomes como Michy Batshuayi (standart liege) ou Mitrovic (anderlech), também gosto de Mitroglou do Olympiakos

Também não colocaria de parte a hipótese de trazer de volta Nelson Oliveira embora pense que Nelson não progrediu e teria muito dificuldade em fazer parte dos 16 convocados por jogo

LUIS REIS disse...

Também me parece que o Benfica não estava preparado para a marcação das penalidades, aliás se o tivesse feito Oblack e com o tamanho que têm dando 2 3 passos á frente defenderia tudo... Mais a sério, continuo a não perceber o feitish de colocar Cardozo a marcar penalidades devia ser sempre o ultimo da lista....

Anónimo disse...

Estamos sempre a aprender...:) Não há tempo para chorar, até porque Jamor é no Domingo, com Enzo, Salvio, Markovic e quizá Fejsa a musica é outra

Carlos disse...

A "reaccao de Gaitán" é pelo facto de o árbitro nao lhe ter permitido sair pela linha lateral à qual estava encostado aquando do momento da substituicao. Fe-lo sair pelo lado oposto do campo.
Tanta atencao em alguns lances, e tao pouca noutros...?

As minhas desculpas pela deficiente acentuacao e falta de cedilhas - culpa do teclado, nao minha.