domingo, 15 de junho de 2014

Miúdos atrevidos

Saudades destes miúdos em Portugal.

23 comentários:

João Mira disse...

Carlos Mané.

Paolo Maldini disse...

verdade. mas, tão longe do que era um Nani, Quaresma, Figo, Ronaldo... ou do potencial do Sterling...

Isto dava para um grande texto. Já muito se falou disto por aqui. Fazem falta os miúdos de bairro que andam a levar porrada dos mais velhos se querem jogar à bola, nos clubes... agora já quase não lá chegam porque se paga para jogar... porque os horários dos pais não permitem...

artur semedo disse...

este miúdo ontem não "jogou", serpenteou enquanto lhe aguentaram as canetas...

artur semedo disse...

este miúdo ontem não "jogou", serpenteou enquanto lhe aguentaram as canetas...

Miguelao disse...

França a lembrar o FCP de Vitor Pereira? apesar do suposto 4x3x3 no papel, sempre 4 homens no corredor central (valbuena a vaguear para a posição 10) e Griezzman a juntar-se a Benzema na frente

Gostei muito desta França, acho qe podem surpreender, sobretudo pelo facto de não terem tanta pressão em cima como nos mundiais anteriores.

E qe dizer de Varane? alguem mais completo qe este menino?

Abraço e continuaçao de um excelente trabalho

Joao Rodrigues disse...

Aquela arrogancia que gostavamos tanto de ver

Luís Carvalho disse...

Caramba, o inglaterra está com uma geração fantástica de jovens jogadores: Sterling, Sturridge, Wilshire, Barkley,shaw, cholabah e um puto chamado baker que joga no chelsea B que tem muito talento. Não sei se concordam mas temos alguns jovens irreverentes, falta a aposta dos clubes e aquela conversa habitual do pouco espaço dos jovens. Maldini o que achas do Romario Baldé é dos jovens que me irrita mais, pode fazer coisas fantásticas, mas ser um individualista do pior e por vezes parece que pouco pensa o jogo. Mas depois temos muito talento e irreverencia: Renato Sanches, Mané, Rochinha, iuri medeiros, ivo rodrigues, helder costa, Chaby.

Ronaldinho disse...

Tu sabes que ainda os há, infelizmente não se aposta neles

Anónimo disse...

Bernardo Silva?

V disse...

Concordo! Arrogância mesmo, canalhice é o que está a faltar. Recordo o entusiasmo que foi para mim quando apareceram o Cristiano e o Quaresma. Que qualidade tinham aqueles dois e que confiança nas suas capacidades! Na época eram de longe os 2 teenagers mais talentosos do mundo. Depois, um viciou-se no golo e o outro não quis evoluir.

E sim, claro que é um orgulho saber que Cristiano irá ficar na história do futebol mundial, mas não da forma que eu perspectivei. Será recordado como um dos maiores, mas sempre naquela falsa noção do jogador robotico fruto do trabalho. E meus amigos, o talento que aquele puto tinha! Fazia o que queria da bola a uma velocidade parva.

Este Sterling tem tudo para ser um dos maiores nomes dos próximos anos. E ainda assim, tão longe dos putos Quaresma e Ronaldo(está mais para o puto Nani)

V disse...

O futebol mudou tanto. Os estereotipos perderam a validade.

Caramba, são os ingleses com grandes jogadores, com um talento mais latino que anglosaxónico. São os alemães tiki-takudos, uns italianos a massacrar com posse. E nós agora, é que somos grandes e brutos. E dou por mim, a sentir-me como um inglês dos anos 80.

Portugal-Alemanha, se sai um canto amanhã para Portugal, grito do meu sofá, igualando os decibeis de um hooligan do kick and rush, intuindo que estará ali a grande possibilidade para os nossos Brunos Alves, Pepes, Ronaldos, para a nossa massa bruta no ar que os alemães são franzinos. Porra! Está tudo invertido! Mas acho que ainda assim, preferia as vitórias morais...

Anónimo disse...

>que saudades destes miúdos atrevidos

>O Quaresma decide quase sempre mal
>o Hulk é jogador de futebol?

Lol

Malika disse...

Bruma...

LMGM disse...

Bruma...

Signori disse...

Bruma ;)

Anónimo disse...

Anónimo disse...
Bernardo Silva?

15 de Junho de 2014 às 22:46


a ultima vez que este rapaz esteve em portugal não levou boas recordações, mas bom bom é o bernardo silva e aqueles todos que ficaram em quarto lugar dos juvenis

Edson Arantes do Nascimento disse...

Adorei o Sterling... Acho que foi a melhor exibição individual que vi até agora.

E estou cada vez mais impressionado com a evolução do miúdo. Em 12 meses passou a jogar à bola como gente grande quando antes andava a treinar para fazer concorrência ao Usain Bolt - viva o Rodgers, viva!

Agora, meter aquele xoné do Henderson em vez do Wilshere. Motivo mais do que suficiente para uma noite na esquadra, em penitência, com os braços esticados, virado para a parede, Mr. Hodgson.

Paolo Maldini disse...

anónimo das 23.37, o Quaresma não foi sempre assim... já foi um puto irrequieto e traquina que partia tudo e jogava com a equipa em vez de chutar 400x do canto da área por jogo

Paolo Maldini disse...

"Caramba, são os ingleses com grandes jogadores, com um talento mais latino que anglosaxónico. São os alemães tiki-takudos, uns italianos a massacrar com posse. E nós agora, é que somos grandes e brutos. E dou por mim, a sentir-me como um inglês dos anos 80. "


pois...que pena mesmo...

Pedro Marques disse...

O Quaresma já foi pior... antes de de co andrianse era claramente pior. A diferença somos nós e os nossos olhos... qd vemos um miudo como o sterling os nossos olhos brilham com o potencial associado à idade e esquecemos as asneiras todas... qd chegar aos 23 ou 24 se jogar da mesma maneira.... já o consideramos um brinca na areia sem maturidade...

Paolo Maldini disse...

Pedro, nem lá perto. Este Quaresma que apareceu no FCP esta época não vale nem 1/5 do que outrora lá esteve. Ainda que esse também não cumprisse todo o potencial que tinha.

Nuno Rodrigues disse...

Gosto do Sterling, e da arrogância de um jogador assim que não tenha medo de enfrentar os adversários nos olhos.

Mas olhando ao ver o video fiz uma estatística de cabeça, e pelo menos dois terços das vezes que tocou na bola, ou a perdeu, ou fez algum tipo de passe que nada acrescentou à jogada que se estava a desenrolar.
Agora, no restante terço das intervenções é que se viu a qualidade individual: 2 remates perigosos, 4 cruzamentos para o sitio teoricamente certo, 3 passes mais directos e um deles na jogada do golo

zorg disse...

A Inglaterra tem um potencial individual incrível, com muitos putos que têm tudo para chegar longe. Sterling, Lallana, Shaw e Barkley têm todos talento a rodos.