quinta-feira, 10 de julho de 2014

Matic - Pogba - Fabregas

Stanford Bridge vai parecer tão pequeno para a passada daquele meio campo.

Em Londres constrói-se uma equipa (individualidades) para arrasar. Uma dimensão técnica, táctica, criativa e física num só sector a encontrar pouco paralelo em todos os campeonatos europeus.

Que a ideia não seja ter jogadores para destruir e outros para construir, nem uma equipa apenas para transições, mas que todos sejam preponderantes. Os jogadores e os momentos. Porque os problemas em organização ofensiva do Chelsea da temporada passada, que o levaram a perder mais de uma dezena de pontos "impossíveis" são colectivos e ter com enorme margem o melhor 11 da Premier não os resolverão.

22 comentários:

luis carvalho disse...

Pogba é apenas uma possibilidade. Duvido que venha. Mas individualmente está ali em construção uma grande equipa. Resta saber o que o mestre Mourinho vai querer fazer: jogar à bola e construir uma equipa para uns bons anos ou pensar apenas no resultado final é nos títulos.

João disse...

Mas o Pogba já assinou?

Paolo Maldini disse...

chegou hj a londres

Deco disse...

Isto seria, sem dúvida, um meio campo sem paralelo actualmente.

Cultura posicional, presença física e acima de tudo inteligência em ambos os momentos do jogo (defensivo e ofensivo).

Apesar de não ser o maior fã do Fàbregas, tenho de admitir que irá dar uma outra dimensão ao meio campo do Chelsea ... para muito melhor.

Agora vamos ver se o Mourinho volta a fazer-se homenzinho, ou se vamos desperdiçar talento só porque sim.

DC disse...

Vai aumentar a vertente física do jogo para encostar definitivamente o Óscar, é o que me parece.
E o Hazard que se ponha a pau porque com Matic, Tiago, Pogba, Fabregas e Ramires pode muito bem passar para o banco também.
Uma coisa é certa, matéria prima não falta.
Mourinho é provavelmente o único treinador que este ano está a ver satisfeitos todos os pedidos de jogadores.

Deco disse...

Parece-me que o Óscar vai continuar confinado aquele lugar de falso extremo (como o Hazard do lado contrário), tal como aconteceu no Brasil.

Mas vai haver mais danos colaterais. Assim de repente o Ramires e o Willian passam a peças secundárias.

A confirmar-se é um excelente reforço, até porque o Pogba é dos médios mais entusiasmantes que apareceu nos últimos anos.

Já agora ... e a bomba que o Arsenal comprou? Não resolve sozinho, mas ajuda a compor algumas coisas na frente. Agora é reforçar noutros sectores, nomeadamente 9, um 6 e alguns toques na defesa. Ah, e um guarda-redes minimamente decente ajudava.

Anónimo disse...

Mourinho is the best.

Anónimo disse...

Engraçado ver um post destes com o Pogba pelo meio neste blogue...

Roberto Baggio disse...

Melhor que Mikel e que Ramires. Voltará o losango?

Interior-Direito disse...

e o FC Porto a apostar forte na recuperação do título? http://futbol.as.com/futbol/2014/07/10/primera/1405028655_409640.html

Anónimo disse...

http://www.record.xl.pt/Futebol/Nacional/1a_liga/Porto/interior.aspx?content_id=893997


Têm alguma opinião fundamentada em relação ao Adrián?? É tão bom como o Jackson?


Cumprimentos.

Manel disse...

Não vejo a notícia em lado nenhum. Isto é mesmo verdade? Digam me que sim

Marco Morais disse...

Só falta o Falcao. Infelizmente parece-me que já optou mal para o lugar de PL. No entanto Mou parece muito convicto, conseguirá pôr Diego Costa a jogar de costas, a tabelar, em suma a ser útil sem ser para a bola nas costas ou o '1 para 1'?

Já Oscar ainda é peixe-miúdo e não pode fazer as despesas de uma equipa obrigada a ganhar.

Deco disse...

E ainda se fala no Khedira. Cada vez mais, especialmente depois de ter rejeitado a proposta de renovação do Real.

Deco disse...

E ainda se fala no Khedira. Cada vez mais, especialmente depois de ter rejeitado a proposta de renovação do Real.

Edson Arantes do Nascimento disse...

Não sei se gosto muito do Pogba. Tem vezes que sim. Tem vezes que não. Ele é um bocado burro e nada criativo. E isto complica o meu sistema.

No entanto, é um jogador cheio de potencial. É verdade. Mas, para mim, seria sempre na posição 6. Sei que teria de levar com as birras do menino, mas comigo jogava sempre ali.

Acontece que o Matic é um jogador fantástico. Portanto, vendo o Mourinho dos últimos anos, e olhando para o plantel que está a construir: o que queres fazer, Mou?

Estou curioso.

João Marinho disse...

e que acham da contratação do suarez para o barça? neymar e suarez não são peixes fora de agua num barcelona que se espera que volte a ter posse de bola e controlo dos jogos ?

Interior-Direito disse...

Vai ser algo do tipo: Busquets - Rakitic e Iniesta - Messi a 10 (meio-campo tipo losango) - Suarez e Neymar na frente.

Roberto Baggio disse...

Edson tenho a mesma opinião sobre o Pogba. Mas é melhor que Ramires e Mikel

Anónimo disse...

Pogba? A serio? Devo ter visto os jogos errados
Jorge gaspar

Anónimo disse...

aguardo para ver se o pogba assina mesmo.

pogba, fabregas e matic é muito interessante. e não implica totalmente o encosto do oscar. o oscar ate mostrou poder jogar descaido para a ala neste mundial.

mas o chelsea ainda tem o ramires. e muita fruta para ter no banco. agora espero que o mourinho tenha visto que no chelsea nao podia manter aquela logica que usou no real de "equipa de cavaloes varre tudo e chegar para ganhar"... e meta a equipa a jogar futebol.

Gonçalo Matos disse...

Edson, Baggio, Maldini e restantes,

Eu olho para Óscar, Hazard, Matic e Fabregas e vejo jogadores que conseguem acrescentar não só a criatividade e inteligencia que falaram anteriormente e mas que também jogam em espaços super curtos e pressionados e mantém as características acima descritas. Depois vejo o Pogba e vejo um gajo que ou impõe o seu fisico em todos os lances em espaços curtos, ou precisa de muito espaço para não se basear quase exclusivamente no seu poder físico.
E depois acho-o inconstante, sendo que parece mesmo que o problema é mental. É um gajo irascível e com tendencia pra perder a cabeça quando as coisas não correm muito bem.

Na Juventus já tinha essa sensação e neste mundial confirmei-a, principalmente no jogo contra a Alemanha. Pra já, ainda o acho longe do top