sexta-feira, 15 de agosto de 2014

No 2º golo do FC Porto, o trabalho de Lopetegui. Grande lance de Tello!

O que pode ser aproveitado das variações de corredor: quando o adversário estiver completamente basculado do lado da bola, ou balanceado na pressão na procura do golo. Assim mais facilmente conseguirá situações menos complexas (1x1, 2x2) para os jogadores que tem nas alas. Todos eles muito fortes a resolver esse tipo de lances. Tello, Quaresma, Brahimi, Quintero, Danilo e Alex Sandro. Todos com qualidade técnica acima da média, todos muito fortes no 1x1, todos com velocidade.
Contra equipas mais compactas, e quando for o FC Porto a procurar o resultado, ai torna-se mais complicado desequilibrar dessa forma.





26 comentários:

martin disse...

não ultima imagem, antes do passe o defesa ao centro que sai na bola não deveria ter aguentado e mantido aquela linha de 3?

Anónimo disse...

sdxx

Anónimo disse...

Se fosse o Quaresma nao decidia da mesma forma e perdia se mais uma vez um lance de perigo.

Roberto Baggio disse...

Para mim, o erro é colectivo. Uma vez que as distâncias entre os jogadores que compunham a linha defensiva é péssima. deveriam estar todos bem mais perto uns dos outros.

Ecosdodragão disse...

Coletivamente que acharam deste FCP?

Anónimo disse...

se ele não sai o passe nunca entrava

Marchisio'Otero disse...

Está muito gira a análise mas para próxima tente sem erros de português!

Roberto Baggio disse...

"Está muito gira a análise mas para próxima tente sem erros de português!"

Se quiser identificar e corrigir os erros agradeço :)
Se não...

Anónimo disse...


Eu não procurei se havia mais erros, mas na 1ª foto reparei na palavra "pribilegiada" na ultima frase. Talvez seja esse erro que ele se referiu...

Anónimo disse...

Ofensivamente vi algum trabalho na equipa do porto. Defensivamente pareceu-me estar muito mau. a linha do porto é muito facilmente desfeita. tanto o maicon como o indi não me parecem ter grandes noçoes posicionais e sao constantemente desposicionados porque se arrastam nas marcaçoes individuais.
no entanto tambem so vi a primeira parte e parte da segunda, alguem ficou com a mesma opiniao?

TiagoSCP

Roberto Baggio disse...

Ah nas fotos. Isso não interessa para nada. Até podia nem escrever nada lá que se percebia perfeitamente.

Obrigado anónimo

Luis Santos disse...

Martin, na minha opinião, esse jogador não errou. O tello passa pelo outro, alguém tem que sair na contenção. O ajuste é que não foi feito suficientemente rápido (/bem). Se ele não sai, o tello fica em posição frontal sem oposição e com 3/4 colegas a darem linhas de passe em profundidade.

Diogo Machado disse...

o erro esta na palavra "privilegiada" q esta mal escrita na descriçao da primeira foto.

exelente blog obrigado.XD

João Mota disse...

Reparei que, no ataque, quando a bola estava numa das laterais, o Porto dava largura através do extremo e do lateral contrários. Isto aconteceu do início ao fim do jogo, por isso vou assumir que é uma algo treinado. Qual a vossa opinião sobre isso? A mim parece-me que, colocando 2 jogadores no lado contrário, só a garantir largura, retira-os de participarem no imediato no processo ofensivo. Por outro lado, torna o Porto mais vulnerável no momento da perda de bola, porque os jogadores estão mais afastados. Não seria mais interessante ter o extremo a fazer movimentos interiores e deixar apenas o lateral a garantir largura? Ou será isto para criar situações de variações rápidas de flanco para jogar 1x1 ou 2x2 (com inclusão do lateral), dificultando coberturas defensivas (um pouco como neste lance que descrevem, apesar de aqui a bola vir do meio campo e não da lateral)?

Uma vez mais, post atrás de post, excelente trabalho que aqui se vai fazendo.

Anónimo disse...

Baggio, que achaste do miúdo Rúben Neves?

Pablo10Aimar

Anónimo disse...

É da tendência vê-se é só loas à tática banal.

Anónimo disse...

Vi o marítimo a fazer igual apenas não finalizou.

Diácono Remédios disse...

Vi o jogo

Diácono Remédios disse...

Vi o jogo e apesar de não ser especialista nem ter pretensões a tal achei o Porto uma manta de retalhos, tudo muito desligado, muitos passes falhados e a defesa um desastre. Nem vale a pena comparar com o ano passado, muito menos com o tempo do VP.
A melhor ocasião até foi do Marítimo, podia ter marcado dois golos, que tem uma equipa mais fraca do que no ano passado e a quem o Porto do PF ganhou 3-0.
Se não jogarem melhor não passam o Lille.

Edson Arantes do Nascimento disse...

No ataque e em posse o FCP mostrou algumas ideias interessantes (mesmo que com demasiada largura, na minha opinião), mas no resto teve momentos terríveis. Eu preciso de ver mais jogos para ter uma opinião concreta. Até agora é daquelas equipas que considero interessantes mas estranhas (fez-me lembrar o México, por exemplo). Vamos ver para onde isto vai caminhar.

Anónimo disse...

Não vi tudo (vi a primeira hora), mas gostei muito do Brahimi. Muito bom!! Quaresma, Herrera, Neves, Indi e talvez Fabiano (nem sei quem são os seus suplentes) ainda vão sair do 11 para tornar o Porto mais forte.

Abraço,
Top1

Casagrande disse...

Grande Lopetegui! A continuar assim ainda vai conseguir chegar às fortíssimas ligas das arábias como o VP! E depois passar a comentador desportivo. É o destino de quem treina ali...

Dennis Bergkamp disse...

Bom posicionamento ofensivo do FCP, com muita gente no corredor central e o Jackson a baixar muitas vezes.

Estranhei a quantidade elevada de passes longos e o nº de cruzamentos quando pensava que iam explorar mais o jogo interior.

Vi pouco tempo do jogo, mas gostei do que vi.

martin disse...

Obrigado pelas respostas

Márcio Guerra disse...

Boas. Eu achei o Marítimo extremamente soft, macio. Com muito espaço entre linhas. Não tentavam ganhar uma bola em antecipação com a bola a roçar os jogadores, preferindo não arriscar ganhar, a não ficarem desposicionados (??) coisa que achei que também era frequente estarem. Espero apanhar o Marítimo ainda assim neste nível, quando jogarem contra o Benfica, pois geralmente são uns leões contra nós. O Porto pareceu-me globalmente fraco, sendo mais um conjunto de bons jogadores, que irão ganhar muitos jogos por serem melhores do que por serem uma equipa melhor. Há margem para melhorar, mas desde a pré-época, apesar do Benfica ter sido notícia todos os dias, achei sempre macios também a defender, isto quando por exemplo golearam mas sofreram mais do que um golo, tendo sofrido até em quase todos os jogos se não me engano. Logo, se o Benfica jogar sempre, ou muito grande parte do campeonato como jogou, será campeão, depois da pior pré-época que há memória, o segundo lugar será do Porto, e o terceiro, provavelmente, do Sporting, mas podendo dar luta pelo segundo. Claro que isto é também "wishful thinking", "but hey, I'm just a fan!"

Cheers!

Márcio Guerra

António Martins disse...

Boas Baggio, mas o controlo da largura não se faz fechando os espaços interiores ? Com o lateral contrário a "dar" propositadamente o corredor lateral oposto ao da bola ?
Como "matar" esta jogada do Porto ?
Não ficam demasiados jogadores a dar largura ?

Obrigado, desde já, abraço.