segunda-feira, 18 de agosto de 2014

O que foste tu fazer Mourinho?

Quarenta e cinco minutos super entusiasmantes do ponto de vista ofensivo. Juntar Matic, Óscar e Hazard a Fabregas é uma benção para o futebol. Será que Mourinho percebeu, finalmente, que a sua grande lacuna estava na escolha da forma e dos executantes do ataque? Ou será apenas por ser o primeiro jogo do campeonato?
A chave está no meio campo, e Mourinho mostra um como há muito não se via. Todos os jogadores são criativos/inteligentes e têm bom toque de bola (Matic, Fabregas, Óscar).
Fica por perceber se a dinâmica criada é pelos jogadores que estão em campo, ou se trabalhada por Mourinho. De futuro, com o decorrer dos jogos veremos isso no pormenor.

Fabregas joga um futebol que nesta equipa poucos, muito poucos, percebem. Ainda assim, para que se continue a tirar o que de melhor ele tem é preciso que continue a ter opções de passe diversas (apoio, profundidade, cobertura) e ele conseguirá sempre encontrar um caminho. É também necessário que a equipa jogue compacta no meio campo adversário, sem pressa de chegar a frente, para que Fabregas tenha tempo de chegar as zonas de criação, nas melhores condições para dar seguimento ao lance.

O Burnley é fraquinho, fraquinho. Mas não me lembro de um jogo do Chelsea no ano anterior com esta dinâmica.
Veremos os próximos capítulos...

46 comentários:

Anónimo disse...

Isso é tudo muito bonito ms quem joga alia sério é apenas um jogador que é campeão Mundial! Esse sim esta muito acima da média!!!!

Alexander Sweden disse...

Há algum génio que continue a preferir o Postiga ao Diego Costa?

Fernando Redondo disse...

Baggio.. e na 2ª Parte, tudo o (medo do) Mourinho levou... comentadores a apoiarem as decisões"È assim msm garantir o resultado, Obi Mikel para contrapor as bolas k sejam despejadas para a área..", por essa altura os jogadores do Chelsea só corriam atras da bola, chutao para frente e defende.. k mau serviço ao futebol...

Anónimo disse...

Para dor de coto vossa o Diego costa la marcou mais um golito.

Roberto Baggio disse...

o Diego Costa fez um jogo patético. parecia um defesa do Burnley.

Redondo, fdc mesmo. ia adormecendo na segunda parte lol

B Cool disse...

com um guarda-redes, centrais e lateral esquerdo que se comportam na defesa como gajos do distritalão, que ou atrasam ou sai charuto, estou a falar pelo que vi na segunda parte, o chelsea não consegue ter posse de bola. Apesar de a posse de bola ter acabado 60-40, deduzo que tenha sido essencialmente pela primeira parte (só vi a segunda).
Matic está muito acima da defesa em termos de qualidade. Não entendo como é que o Chelsea não quis o Garay e tem lá aqueles 2 cepos que só têm altura e força. As substituições do Mourinho não indiciam o que disseste, pois meteu "músculo" para defender como disse o comentador.

Paolo Maldini disse...

Garay é lento a recuperar nas costas. É esta a av q os scouts dos grandes FA premier fizeram e q fecharam a premier ao argentino

Joao Rodrigues disse...

Como e possível o Barcelona deixar sair o Fabregas este ano e o Thiago Alcântara o ano passado?

Como e possível o Wenger não ter exercido a opção que tinha para ficar com o Fabregas?

Miguel Pinto disse...

Realmente não vai ser fácil ao Mourinho ser campeão, com uns scouts dessa qualidade...

DC disse...

Saúdo o teu optimismo, Baggio.

Já agora, ele disse isto em Dezembro de 2013. À primeira caem todos...

"The most difficult thing in football is to play the way we are playing. It's much more difficult to play offensive, creative, dynamic football. The easiest thing in football is to play defensively," he said.

"We have to score goals. You can say we scored two away and lost. I know. Because at the same time we are also conceding goals defensively.

"Maybe you'll laugh but, if we trained defensive corners against the dummies at the moment, maybe they would score. All the rebounds are going in.

"We are creating a lot. We have to score goals and kill off opponents. If we don't do that, we have to be very safe at the back.

"Am I going to change the style and play a more defensive style? No."

Roberto Baggio disse...

DC, não foi optimismo. Foi um retrato daquilo que foi a primeira parte. Mas posso fazer um post da segunda a dizer que foi miserável e futebol zero lolololololololololololololololol

Roberto Baggio disse...

Ah, eu fiz um post com isso, na altura. Com essas declarações

DC disse...

Eu não vi o jogo mas ouvi-lo a meter o Diego Costa e o Cesc "no mesmo saco" a mim cai-me muito mal. Acredito que mais depressa vai deixar cair o Cesc do que o pinheiro, se as coisas começarem a correr mal.

B Cool disse...

Maldini, compreendo isso, mas se a lógica é a rapidez e a força, mais vale o Jardel que aqueles 2 cepos. Que grandes pares de tijolos que têm. Já agora o Rio Ferdinand e o Vidic eram rápidos ? É que os Europeus de atletismo acabaram no domingo.

Roberto Baggio disse...

Inglaterra, B cool....

B Cool disse...

Inglaterra, onde a selecção tem um sucesso descomunal. Onde os clubes gastam muitos milhões e raramente chegam às fases finais das taças europeias. Inglaterra ? Se calhar já mudavam de paradigma, não ? Se calhar já trocavam de scouts ? Não sei, digo eu ... Não ter resultados e insistir em Schwepps é pura sandice, já dizia o Einstein...

Bernardo Pinheiro disse...

Confirmo, vi a 1ª parte e foi muito interessante. 2ª parte não vi. Fabregas esteve muito bem.

B Cool disse...

Óscar 1m80, fraco jogo de cabeça, Cesc 1m79, fraco jogo de cabeça, Hazard 1m73 jogo de cabeça inexistente, Schurle 1m84 mais alto, mas com fraco jogo de cabeça, Diego Costa 1m88 o único que consegue ter um jogo de cabeça razoável, mas mesmo assim farta-se de perder bolas. Qual a lógica de ter guarda-redes, centralões e laterais que primeiro procuram despachar em vez de tentarem sair a jogar se a equipa na zona ofensiva não tem jogadores para disputar as bolas ? Vou dar de barato que é um mau sistema, mas hoje perante uma equipa que vai lutar para não descer, na segunda parte vi-os ganhar menos de 10% dos balões que o Courtois, os centrais ou o Azpilicueta mandavam. Será que não é preferível ter outro tipo de centrais ? Se esse não é o caso, quer o Usain Bolt quer o Obikwelu são altos e bastante mais rápidos

Paolo Maldini disse...

N disse q era a opinião no Chelsea em especifico. E Tb n disse q concordo bcool, apenas disse q foi p isso q n foi tido como opção lá.

Anónimo disse...

Se jogarem como jogaram na segunda parte vão ter grandes problemas,o adversário era parecido com o penafiel.

Anónimo disse...

Discordo da opinião do Redondo e Baggio.

Sim, sem dúvida grandes 45min, em que a dinâmica foi diferente da época passada.

Na 2ª parte, à medida que o tempo ia avançando, cada vez mais defensivo e a segurar o resultado.

Mas eu pergunto: qual o problema?

Acho que o Mourinho é inteligente ao ponto de antecipar o que o Burnley iria fazer (e sim, o comentador tinha razão nisso): cada vez mais chuveirinho para tentar chegar ao 3-2. Então, toca a meter as estacas, os gajos para destruir, e um Drogba na frente para segurar os passes de 40/50m.

Numa Premier League sempre muito incerta, e a ganhar por 2 golos, a opção pareceu-me boa.

É fácil falar de que a qualidade do jogo diminuiu, e até aceito isso, mas deve ser fodido ter uma pressão enorme nos ombros para ganhar e não vacilar já na 1ª jornada.

Até poderia ter feito o que fez e ter ficado empate de 3-3, mas certamente que com as mexidas que fez isso tornou-se mais improvável.

Anónimo disse...

Discordo da opinião do Redondo e Baggio.

Sim, sem dúvida grandes 45min, em que a dinâmica foi diferente da época passada.

Na 2ª parte, à medida que o tempo ia avançando, cada vez mais defensivo e a segurar o resultado.

Mas eu pergunto: qual o problema?

Acho que o Mourinho é inteligente ao ponto de antecipar o que o Burnley iria fazer (e sim, o comentador tinha razão nisso): cada vez mais chuveirinho para tentar chegar ao 3-2. Então, toca a meter as estacas, os gajos para destruir, e um Drogba na frente para segurar os passes de 40/50m.

Numa Premier League sempre muito incerta, e a ganhar por 2 golos, a opção pareceu-me boa.

É fácil falar de que a qualidade do jogo diminuiu, e até aceito isso, mas deve ser fodido ter uma pressão enorme nos ombros para ganhar e não vacilar já na 1ª jornada.

Até poderia ter feito o que fez e ter ficado empate de 3-3, mas certamente que com as mexidas que fez isso tornou-se mais improvável.

Anónimo disse...

Discordo da opinião do Redondo e Baggio.

Sim, sem dúvida grandes 45min, em que a dinâmica foi diferente da época passada.

Na 2ª parte, à medida que o tempo ia avançando, cada vez mais defensivo e a segurar o resultado.

Mas eu pergunto: qual o problema?

Acho que o Mourinho é inteligente ao ponto de antecipar o que o Burnley iria fazer (e sim, o comentador tinha razão nisso): cada vez mais chuveirinho para tentar chegar ao 3-2. Então, toca a meter as estacas, os gajos para destruir, e um Drogba na frente para segurar os passes de 40/50m.

Numa Premier League sempre muito incerta, e a ganhar por 2 golos, a opção pareceu-me boa.

É fácil falar de que a qualidade do jogo diminuiu, e até aceito isso, mas deve ser fodido ter uma pressão enorme nos ombros para ganhar e não vacilar já na 1ª jornada.

Até poderia ter feito o que fez e ter ficado empate de 3-3, mas certamente que com as mexidas que fez isso tornou-se mais improvável.

Anónimo disse...

Discordo da opinião do Redondo e Baggio.

Sim, sem dúvida grandes 45min, em que a dinâmica foi diferente da época passada.

Na 2ª parte, à medida que o tempo ia avançando, cada vez mais defensivo e a segurar o resultado.

Mas eu pergunto: qual o problema?

Acho que o Mourinho é inteligente ao ponto de antecipar o que o Burnley iria fazer (e sim, o comentador tinha razão nisso): cada vez mais chuveirinho para tentar chegar ao 3-2. Então, toca a meter as estacas, os gajos para destruir, e um Drogba na frente para segurar os passes de 40/50m.

Numa Premier League sempre muito incerta, e a ganhar por 2 golos, a opção pareceu-me boa.

É fácil falar de que a qualidade do jogo diminuiu, e até aceito isso, mas deve ser fodido ter uma pressão enorme nos ombros para ganhar e não vacilar já na 1ª jornada.

Até poderia ter feito o que fez e ter ficado empate de 3-3, mas certamente que com as mexidas que fez isso tornou-se mais improvável.

Anónimo disse...

Discordo da opinião do Redondo e Baggio.

Sim, sem dúvida grandes 45min, em que a dinâmica foi diferente da época passada.

Na 2ª parte, à medida que o tempo ia avançando, cada vez mais defensivo e a segurar o resultado.

Mas eu pergunto: qual o problema?

Acho que o Mourinho é inteligente ao ponto de antecipar o que o Burnley iria fazer (e sim, o comentador tinha razão nisso): cada vez mais chuveirinho para tentar chegar ao 3-2. Então, toca a meter as estacas, os gajos para destruir, e um Drogba na frente para segurar os passes de 40/50m.

Numa Premier League sempre muito incerta, e a ganhar por 2 golos, a opção pareceu-me boa.

É fácil falar de que a qualidade do jogo diminuiu, e até aceito isso, mas deve ser fodido ter uma pressão enorme nos ombros para ganhar e não vacilar já na 1ª jornada.

Até poderia ter feito o que fez e ter ficado empate de 3-3, mas certamente que com as mexidas que fez isso tornou-se mais improvável.

Roberto Baggio disse...

Pá anónimo são visões diferentes. Eu, como treinador sofro muito. Mas sofro muito menos se a bola estiver no meio campo do adversário. Por isso independente do minuto de jogo e do resultado quero a bola na minha posse, no meio campo deles e se possível a procurar mais golos. Visões diferentes.

Anónimo disse...

Biagio, tu como treinador treinas quem? O Ramaldense? O Mourinho treina na premier, a pressão de ganhar é totalmente diferente.

Tywin Lannister disse...

O que o Mourinho realmente quer é colocar a equipa a jogar assim:

http://vader.joemonster.org/upload/qmu/1253363de1c3cdcfriday_gifdump_684_3.gif

Anónimo disse...

O Mourinho sempre foi calculista e defensivo qdo necessário. Compreendo alguma frustração para quem via mais...
Mais (ou tanto) que perceber de bola, Mourinho percebe de conflitos e faz dessa a sua maior arma mesmo mtas vezes ficando em situação difícil e já sem suficiente base de apoio.
Mourinho não quer saber do clube, dos adeptos ou dos jogadores, quer saber do seu ego, cujos caminhos para o sucesso por vezes e por coincidência até são comuns aos de outros intervenientes que passam a endeusar quem na realidade apenas os está a usar.

JON disse...

Lannister, esse gif está incrível! Ahaha! Que equipa é essa?

Fernando Redondo disse...

Pó anónimo (5 vezes lol), nao discordo que por vezes é preciso defender, mas não era contra o Bayern 10m na final da champions. Até os cepos do Burnley aos 80m até tavam a tentar jogar a redondinha pelo chao! E para perceberes o que quero dizer de mau serviço ao futebol, o William nessa altura fez um sprint da direita à lateral esquerda atras de um gajo qualquer, depois alguma luz acendeu-se no cerebro e ele percebeu k nao era um jogo de solteiros e casados e o gajo fez novo sprint para marcar o defesa esquerdo(lado oposto). Comportamento individual óbvio, mas axo que o medo incutido no "discurso/accoes" do treinador tem alguma coisa a ver com isto.

MMFCLP disse...

Há cerca de um mês vocês garantiram aqui (salvo erro foi o Maldini) que o Pogba estava em Londres para assinar pelo Chelsea... Mas afinal que fontes são as vossas?

Artur Semedo disse...

esse lance no gif é um exemplo espectacular do que são os "limites" dos treinadores...

Anónimo disse...

Estes donos do blog são mesmo anti-Mourinho!!!
Li alguns post(e)s e vejo que percebem muito pouco de futebol; comentar é uma coisa, treinar e organizar uma equipa para tentar ganhar a Premier outra bem diferente.
Já ouviram falar na qualidade de alguns treinadores portugueses? Não falo de egos falo de treinadores mesmo.

Roberto Baggio disse...

Anónimo sim. É uma pressão doida lol. Ele sabe que se não ganhar nunca mais treina nenhum clube na vida, e não vai ter o que dar de comer aos filhos. Lol. É com cada um, enfim.

Pedro disse...

"Mourinho não quer saber do clube, dos adeptos ou dos jogadores, quer saber do seu ego, cujos caminhos para o sucesso por vezes e por coincidência até são comuns aos de outros intervenientes que passam a endeusar quem na realidade apenas os está a usar."

Até posso concordar mas o ego de Mourinho só se enche vencendo. Para ele só interessa uma coisa: vencer.

Já outros ficam contentes com os quases. Ele não.

Anónimo disse...

Pedro, o ego do Mourinho tb se alimenta de conflitos e isso afecta o vencer. Depois mtas xs procura justificar os desaires qual Calimero.
Talvez ele não viva sem os conflitos, mas fico com clara ideia que estão lá a mais no que diz respeito ao objetivo de vencer - vidé a liga dos campeões ganha pelo Ancelotti com praticamente o mm plantel mas com uma postura mais tranquila criando toda uma atmosfera mais respirável.
Bem sei que mtos acham que os portugueses só ganham respeito ou só são levados a sério assim, mas eu discordo dessa teoria. Colhem-se as guerras semeadas.

Anónimo disse...

Baggio, o Mourinho é um dos melhores, tu ainda tens de comer MT sopa para la chegares, isto se aguentares a pressão...

Roberto Baggio disse...

os anónimos mudam rápido de ideias. afinal quem tem pressão sou eu kkkkkkkkkk
Adoro este blogue, for real. Love you all anónimos <3

Paolo Maldini disse...

Mmfcl fui eu q disse q ficava um grande meio campo. O pogba teve em Londres. N foi fonte foi um RT dr uma conta do twitter associada ao Chelsea. Se procuras aqui infos dessas melhor ir p outro lado. Aqui n sabemos de nada, apenas falamos de jogo lá dentro do relvado

Paolo Maldini disse...

Ah na altura pq foi um RT duma conta do Chelsea até cheguei s pensar era uma transf oficial

Johnny McCaco disse...

Adoro ler esta gente. A única opinião que aceitariam seria de Guardiola, Klopp, etc. E mesmo assim quando não concordassem com Guardiola diziam que Guardiola só tem sucesso no Barça, e que não é treinador de jeito. Se fosse com Klopp diziam que só é treinador de clube médio grande, e que num grande ia ser uma merda. E mesmo que fosse com Mourinho que não concordassem, diriam que Mourinho é uma merda, que levou 5 do Guardiola e levou baile, e é ultrapassado. Alguém duvida disto ?!

Anónimo disse...

Macacadas...

Gonçalo Matos disse...

Nem de propósito, estou a ler o livro 'mourinho, o porque de tantas vitorias'. Era interessante que mais gente lesse o livro pra perceberem que o que o Mou dizia ha 10 anos e o tornou grande, nao tem a ver com o discurso actual. Sobre o sistema da sua equipa, Mourinho dizia que nunca o alteraria, so em situações muito especificas. Perguntaram se iria defender o resultado contra a lazio e ele respondeu que nao, que nao abdicava do seu modelo e ideias em função do adversário. Isto foi ha 10 anos. Hoje em dia, ate o burnley o faz fazer algo que ha 10 anos era impensável fosse contra quem fosse.

Anónimo disse...

Toma la baggio. Pimba nesse ulhó

Tywin Lannister disse...

JON disse...

« Lannister, esse gif está incrível! Ahaha! Que equipa é essa?»

Hannover 96. Falhanço do Joselu diante do poderosíssimo Csakvar TK, da segunda divisão da Hungria:

http://www.hannover96.com/CDA/index.php?id=1096&tx_ttnews[tt_news]=54598&cHash=fcbf52564b8b53a7caffd64e010c4bb7