sábado, 13 de setembro de 2014

Se soubesses o quanto gosto...


Anda rapaz, estica a perna! Ela vai a passar ai tão pertinho!

Maravilhoso. Fácil, no meio das cinco milhões de outras assistências que rasgam sectores a que nos habituou. Mas são os seus passes a centímetros das botas dos adversários e a pararem no espaço e no tempo exacto (mais tarde, mais cedo, mais para fora, mais para dentro não daria) que mais me enchem o coração. 

"Messi hace cosas que no vi ni en Oliver y Benji" Luis Enrique

Nem em Maradona, Luis. Nem em Maradona.

10 comentários:

Roberto Baggio disse...

Fácil! Só grandes jogos este ano!

Dennis Bergkamp disse...

Passe a "mete nojo" =D

Lembro-me de a uns anos ter a oportunidade de jogar com um ex-profissional.

O gajo era um dos maiores cepos e caceteiros da história dos clubes grandes mas... ali no meio de nós parecia o Zidane.

A maioria das vezes era graças a momentos desses, em que parecia que ias conseguir chegar... mas já foste.

Recebia de uma maneira que parecia que a bola ia ficar ao teu alcance.. mas era só para te atrair para algum lado e te entalar logo depois.

Muito a frente para o comum dos mortais, tal como Messi é muito muito a frente para o "comum dos prós"

Jay disse...


Perdi a conta ao nº de passes para golo que fez neste jogo!

Brilhante e nem está a 50% do que ainda pode render, o faro pelo golo ainda está a apurar!

É um génio. Tão e só.

Anónimo disse...

Olás!

Para Quando uma analise vossa ao barça do Luis enrique?

Tenho muita curiosidade

Abraço

Xavier

PedroF disse...

Com bombons destes até eu parecia jogador de futebol.

Anónimo disse...

«Agora todos percebem porque esperámos por Diego Costa» - Mourinho

Será que já TODOS percebem?

Pedro disse...

Rui Costa era igual...
:)

Jay disse...


Um off-topic interessante...

Perguntaram ao Óliver Torres de quem gostava mais, Ronaldo, Messi, Diego Costa e Neymar.

Ele responde... Iniesta.

Como se fosse preciso mais para perceber que este miúdo vai longe.

Luis Santos disse...

Não sei se só viste os golos ou o resumo, mas para mim, há um passe ainda melhor: ao minuto 68 para o iniesta. E também há outro muito bom, mesmo na queima, aos 51/52 minutos

Edson Arantes do Nascimento disse...

Este fim-de-semana o passe e a jogada que mais gostei foi a do Miguel Rosa, na segunda-parte, em Alvalade, quando deixou o Deyverson 1x1 com o Patrício. Tudo perfeito.