quarta-feira, 15 de outubro de 2014

"De muletas..."

...e nem assim o apanham!

O melhor Central português da história, aos 36 anos de idade ainda é o melhor central português em actividade. É verdadeiramente impressionante a diferença de nível entre Carvalho e os outros.
Cumpre com todos os requisitos defensivos de um defesa moderno, e acrescenta qualidade com bola, na primeira linha, sem paralelo no futebol de Portugal.
A inteligência não tem idade, nem preço. A competência para jogar futebol também não. Hoje, tem de ser sempre Carvalho e mais três. E assim deverá continuar, enquanto for o melhor. E o amanhã? O amanhã logo se vê.

43 comentários:

Gonçalo Teixeira disse...

Ainda acham estranho que um jogador desta qualidade seja ultrapassado por Pepe e Alves e não se ponha a andar...

Gonçalo Vargas disse...

Inteiramente de acordo. Absolutamente impressionante aos 36 anos. Melhor que Pepe, Alves e Costa juntos. Que inteligência. Já se ganhou muito com a saída de Bento.

Gonçalo Matos disse...

Off-topic:
“I thought Jack Wilshere had two very good games for England during the last week.
I would go one step further than that and say that, at the moment, Wilshere is England’s best player.
The penny has dropped and he has added another dimension to his game. He has always been capable of that intricate passing game. Now he can play the ball long, too.”

Scholes sobre o Wilshere. E quando o Scholes fala, convêm ouvir

Gonçalo Mano disse...

Gonçalo(s),

Realmente trata-se de um fora-de-série, de um jogador estratosférico.

No entanto, nunca, mas nunca, uma pessoa pode tomar aquele tipo de atitude.

Podemos não concordar, fazer valer o nosso ponto de vista, etc, mas não daquela forma.

Isto sem esquecer aquela entrevista ridícula.

Paulo Bento esteve bem na decisão.

Agora, é óbvio, mudando o seleccionador, pode-se dar novas oportunidades e Ricardo Carvalho fez por merecer isso mesmo.

Quanto ao texto, claramente, para mim, o melhor central que já vi jogar. Ensinou Pepe, John Terry e muitos outros que o Hype acelerou precocemente a ascensão.

Pedro disse...

Sem dúvida um grande central.
Sobre o problema em q esteve envolvido na selecção: qual a verdade?

Miguel Sousa disse...

100% de acordo. De facto todos os outros centrais estão a anos-luz deste senhor

Anónimo disse...

ha ha ha
os comentarios que li neste blogue deixaram-me em lagrimas... :)

1º ponto
Isso de ser melhor é subjectivo, pois não considero o melhor defesa central de todos os tempos nem pouco mais ou menos, pois isso não existe e seria uma ofensa para tambem grandes nomes do nosso futebol.
2º ponto
Nem deveria estar a jogar novamente por Portugal, pois o que fez num passado recente é uma vergonha para um profissional de futebol e PESSIMO exemplo para os jovens futebolistas que aí vem!!
3º ponto
melhor do que Pepe e Bruno Alves juntos?? com que dados, e sistemas de comparação?? falar por um grande jogo que fez e num contexto favoravel (nivel motivacional, pois é a ultima grande oportunidade) não me parece ser o mais correcto, a ver vamos no futuro proximo... Nao tenho memoria curta, ja vi grandes jogos e exibiçoes tanto do Pepe como do Bruno Alves, como por exemplo no ultimo play-off contra a suécia onde secaram completamente o Ibraihomic, e tambem ja vi jogos muito pouco conseguidos (maus) do Ricardo Carvalho...

aprendam a ver futebol e não sejam tendenciosos por gostos pessoais apenas!!

Clarence Seedorf disse...

• Ja andava ha imenso tempo a ansiar o regresso do velhote e, citando-me a mim mesmo, " melhor central portugues". Ontem o jogo ainda revelou bastantes falhas, mas tambem mostrou otimos indicios de um futuro mais risonho..
O que tinha de ter acontecido ontem, acabou por acontecer. Tivemos um pouco de sorte e obtivemos uma vitoria importante, numa altura em q as vitorias sao importantissimas. Gostei das interacçoes danny/ronaldo. Achei que se entenderam bem.
Quaresma- serve para isto mesmo. Entrar e mudar alguma coisa. E do que percebi, dos ultimos dois jogos, fernando santos optou por alterar o esquema tatico, furtuitamente, c a entrada d quaresma. Acho, tambem, que com a presença d ronaldo, quaresma perde protagonismo e torna-se mais util na equipa por nao ter de decidir da mesma maneira. Até o proprio admite que e facil jogar com ronaldo. Nao deixo de achar que ele é, apenas, uma viavel substituiçao, e que este facto é q permite tê-lo a este nivel.
Cedric- ainda com muitas falhas, mas acredito que tem mais tecnica que joao pereira. Pode ser que marco silva seja uma boa influencia no seu "entender do jogo".

Agora interessa aguardar e ver as futuras decisões do mister e ver como os jogadores se comportam.

Anónimo disse...

Quanto ao ódio de estimação Quaresma ? Nem uma palavra ? Típico, depois admirem-se que este blog seja apelidado de parcial e faccioso...
Depois da elevação de Jesus ao altar.... Chegando ao ponto de menosprezar os resultados de Mourinho, porque o futebol que Jesus apresenta é mais atraente...
Então se é para analisar treinadores descurando os pormenores do Sucesso, convém analisar os treinadores no seu todo...
Jesus internacionalmente vale muito pouco, como pessoa se Mourinho é diabolizado e Jesus canonizado, só aqui atenção! ( Lá fora não é bem assim...)
Duvido que Jesus tivesse sucesso lá fora, aliás a verdadeira prova dos nove não é a treinar o campeonato Português... e aposto como Jesus nunca treinará nenhuma equipa de topo estrangeira...
Aliás os ilustres entendidos levaram um cheirinho da superioridade de Jesus contra Leverkussen e Zenit... mas continuem a acreditar na carochinha!
Um treinador que não adapta o seu modelo de jogo ao adversário que enfrenta, nunca pode ser considerado de Topo e Jesus não muda o chip...
Até no campeonato Português, a época está a correr melhor devido a outros factores... Relembro que o SLB enfrentou apenas o SCP como equipa equiparável...
Arouca, Moreirense e até o Boavista, bateram o pé ao Iluminado e só algumas decisões que lá fora não acontecem, permitem esta vantagem pontual cá!

Paulo Malheiro

Anónimo disse...

Quanto ao ódio de estimação Quaresma ? Nem uma palavra ? Típico, depois admirem-se que este blog seja apelidado de parcial e faccioso...
Depois da elevação de Jesus ao altar.... Chegando ao ponto de menosprezar os resultados de Mourinho, porque o futebol que Jesus apresenta é mais atraente...
Então se é para analisar treinadores descurando os pormenores do Sucesso, convém analisar os treinadores no seu todo...
Jesus internacionalmente vale muito pouco, como pessoa se Mourinho é diabolizado e Jesus canonizado, só aqui atenção! ( Lá fora não é bem assim...)
Duvido que Jesus tivesse sucesso lá fora, aliás a verdadeira prova dos nove não é a treinar o campeonato Português... e aposto como Jesus nunca treinará nenhuma equipa de topo estrangeira...
Aliás os ilustres entendidos levaram um cheirinho da superioridade de Jesus contra Leverkussen e Zenit... mas continuem a acreditar na carochinha!
Um treinador que não adapta o seu modelo de jogo ao adversário que enfrenta, nunca pode ser considerado de Topo e Jesus não muda o chip...
Até no campeonato Português, a época está a correr melhor devido a outros factores... Relembro que o SLB enfrentou apenas o SCP como equipa equiparável...
Arouca, Moreirense e até o Boavista, bateram o pé ao Iluminado e só algumas decisões que lá fora não acontecem, permitem esta vantagem pontual cá!

Paulo Malheiro

Gonçalo Teixeira disse...

Gonçalo Mano, percebo o que disseste mas a cabeça dum jogador de futebol não funciona assim.

Gito Bastos disse...

100% de acordo! Mais uma vez...
O que carvalho fez ontem... foi lindo :)

Anónimo disse...

Que caralho queremos saber dum puto ingles.. nem off-topic. A seleçao portuguesa é jogou.. caralho. Eu nao sou dono do blog nem dono da verdade mas, é irritante ver tipos a comentar e logo numa língua extrangeira.... Vai comentar para os blogs ingleses, ò meu.. Mas quem é esse Will?? Tou me cagando.. se ele é porreiro ou nao..

Jorge Carolo disse...

Paulo Malheiro, segue este link:

http://visaodemercado.blogspot.pt/

Vais ficar maravilhado...

Imagina que lá, todos pensam como tu!!

É um espetáculo..

E sim este blog é de facto parcial e faccioso no que a ideias generalizadas diz respeito, não gosta muito de seguir com a carneirada...

Gonçalo Mano disse...

Grande resposta Jorge Carolo! Mais um cliente satisfeito eh eh

Gonçalo Teixeira: Epa a cabeça de um jogador de futebol é como uma cabeça de um adolescente: ensina-se, à bruta ou de forma condescendente, mas ensina-se.

Ricardo Carvalho não estava, nunca esteve, habituado a ser suplente.
Eu entendo, sentiu-se injustiçado, mas daí a sair daquela forma do estágio e (muito pior) aquela entrevista.

Convenhamos, é burrice da pior.

Bruno Pinto disse...

Sem dúvida, um regresso que se saúda. Carvalho é o melhor central português de sempre. Mas foram 2 'burrinhos' que decidiram o jogo a favor de Portugal. Só para abanar algumas consciências.

:)

Ivo Almeida disse...

Ricardo Carvalho a Ministro da Defesa Nacional xD. Muito bom post, só não vê a qualidade quem não quer ver. Titular indiscutível na seleção e em qualquer clube português.

Anónimo disse...

Fodasse o Bruno Pinto consegue na mesma frase parecer que sabe alguma coisa sobre futebol e dizer daquelas coisas típicas dos bêbados com tremoços.

Bruno, consegues definir futebol? Sem ir ao Wikipédia hahahahahaha

Anónimo disse...

Grande verdade. Sendo justo, o Pepe também fez um grande jogo. A selecção enquanto todo é que nem tanto... mas enfim.

Quaresma - nunca disse que não tem grandes momentos. Quando o vi a correr para a linha de fundo, já com poucas hipóteses de cruzar sem ser interceptado, sabia que o Quaresma sabe naquela situação fazer um cruzamento largo e tenso. O problema dele... é o resto. Nas duas vezes anteriores que tocou na bola tentou dribles que podiam ter colocado a equipa em contrapé e perdeu-a.

Ronaldo - 6 lances perigosos da selecção - passaram todos por ele. 3 a finalizar e 3 a passar ou desiquilibrar. O tempo de salto no lance do golo é algo ao alcance de poucos atletas - a não ser talvez na NBA.

O dispositivo táctico não funciona. Ponto. A defender é o caos. Danny e Nani é onde calha. E depois culpam o Cedric e Eliseu, várias vezes em inferioridade numérica.

André Gomes merecia mais manter a titularidade que o Moutinho.

Gonçalo Matos disse...

Anónimo das 14:36
A análise é feita com base na capacidade do Carvalho jogar defesa zona. Ele consegue compreender melhor o que fazer para controlar largura, controlar cruzamentos, fazer cobertura, contenção etc. do que o pepe e alves.

Paulo Malheiro,
O gajo teve uma unica acção de jeito no jogo. Por isso passa a ser bom? Analisa as jogadas todas dele. Ou então vai mmo ao visão.

Anónimo das 16:16:
Sabes o que é um off-topic? alem disso, posso-me dar a esses luxos. ao contrário de muitos, tento acrescentar qquer coisa com os meus comentários. Ridiculo és tu. Este blog tem posts com excertos em ingles e que eu saiba o futebol joga-se em mais sitios que o nosso país.

Anónimo disse...

Ensinou o Pepe qdo? Ligava-lhe todos os dias de Londres?

Anónimo disse...

Contraargumentar é que está quieto não é Jorge Carolo...
Se Jorge Jesus é isso tudo porque leva chocolate lá fora?
Gostei da resposta, afagamento de Egos como fazem com o Jorge Jesus...
Adoro as vossas análises ao fraco Diego Costa...ao pouco inteligente Ronaldo e do ódiozinho a Quaresma!
Ontem deve ter sido complicado engolir em seco....
Depois nenhuma análise ao cheirete que o catedrático levou na Alemanha...
Um claro lapso dos iluminados...

Paulo Malheiro

Hélder disse...

You did nazi this comming...

Anónimo disse...

Cuidado com o Bruno Pinto...
Para bem da sanidade mental do pessoal que frequenta o blog, os seus comentários deveriam ser apagados.
"Quem avisa, teu amigo é"

Abraço
J. Silva

Benfiquista Tripeiro disse...

Desculpem lá, mas não havia aqui um post sobre o Jesus e o Mourinho? Foi apagado? Era muito bom!

TMAT disse...

"Até no campeonato Português, a época está a correr melhor devido a outros factores... Relembro que o SLB enfrentou apenas o SCP como equipa equiparável..."

Paulo,

O SCP não se equipara ao SLB, foi um péssimo resultado para o SLB.

Ah, e relembro-lhe que o SLB é vencedor em titulo de todas as competições nacionais: campeonato nacional, taça de Portugal, taça da liga e supertaça!

Ou seja, o JJ limpou tudo cá no burgo...feito inédito!

Se calhar são outros factores...

Cumpts


Jaime Pacheco disse...

"Quanto ao ódio de estimação Quaresma ? Nem uma palavra ? Típico, depois admirem-se que este blog seja apelidado de parcial e faccioso..."

Por ter tocado 5 vezes na bola e ter perdido 4? Fabuloso.

"Depois da elevação de Jesus ao altar.... Chegando ao ponto de menosprezar os resultados de Mourinho, porque o futebol que Jesus apresenta é mais atraente..."

Mais o quê? Mostra lá onde é que isso foi dito. Quero ver, e rir.

"Então se é para analisar treinadores descurando os pormenores do Sucesso, convém analisar os treinadores no seu todo..."

Que todo? Qual é o todo que tu conheces?

"Jesus internacionalmente vale muito pouco, como pessoa se Mourinho é diabolizado e Jesus canonizado, só aqui atenção! ( Lá fora não é bem assim...)"

És tu o avaliador de treinadores internacionais?

"Duvido que Jesus tivesse sucesso lá fora, aliás a verdadeira prova dos nove não é a treinar o campeonato Português... e aposto como Jesus nunca treinará nenhuma equipa de topo estrangeira..."

Não me digas que és seguidor da Maya? Para além de ler a sina, também resolves problemas de amor e saúde?

"Aliás os ilustres entendidos levaram um cheirinho da superioridade de Jesus contra Leverkussen e Zenit... mas continuem a acreditar na carochinha!"

Contra a equipa que aqui foi dita mais forte do grupo, ainda antes do jogo?

"Um treinador que não adapta o seu modelo de jogo ao adversário que enfrenta, nunca pode ser considerado de Topo e Jesus não muda o chip..."

Ah sim? Se Jesus começar a utilizar a Vodafone no lugar da MEO já é grande treinador?

"Até no campeonato Português, a época está a correr melhor devido a outros factores... Relembro que o SLB enfrentou apenas o SCP como equipa equiparável..."

Até porque o campeonato português sempre esteve cheio de equipas top.

"Arouca, Moreirense e até o Boavista, bateram o pé ao Iluminado e só algumas decisões que lá fora não acontecem, permitem esta vantagem pontual cá!"

E tu, és iluminado por quem? Por Deus? Ou pela parvoíce?

Arquivador disse...

Perante estes comentários, começo a compreender porque o Posse de Bola foi fechado.

Ricardo Carvalho errou quando abandonou o estágio da selecção nacional, ninguém duvida disso.
Como também ninguém devia duvidar, que o Ricardo Carvalho é o melhor central português.
Considero o Pepe um bom central, rápido, bom poder de desarme e forte no jogo aéreo, mas falha na linha defensiva e muitas vezes procura o atacante, abrindo espaço nas costas.
Quando dizem que o Bruno Alves e o Pepe secaram o Ibra, aconselho um site muito fixe: youtube.
Vejam o 1º golo da Suécia e logo falamos.

Árbitros e afins: este não é mesmo o site indicado.

Quaresma fez um cruzamento e Ronaldo fez golo. Ronaldo afirmou que tinha saudades de jogar com o Quaresma.
Logo, o Quaresma é um grande jogador.

Nem sempre 1+1=2.

Anónimo disse...

Nunca esperei ter um Jaime Pacheco a discutir o que é futebol atrativo...
Eu não disse que considerava Quaresma um grande jogador... Disse apenas que era um dos ódiozinhos de estimação aqui do blog...assim como Diego Costa é um avançado fraco,destas pérolas gosto de ler...confesso!
Já agora Tmat, não era equipa para ir longe na Lc? O famoso triplete inventado? Triplete é taça de Portugal, competição internacional e campeonato... ao alcance doutros clubes, mas facilmente esquecido!
Já que tantos levam a mal a minha opinião baseada em factos...
Jesus é um santo no Altar, o supra sumo da estratégia...No entanto leva chocolate dum tradutor, dum adjunto promovido a principal e dum como ele lhe chamou puto...Villas Boas!
Eu sou do tempo do guru Jesus insistir em David luiz a lateral, emerson, Roberto, Bruno César e ainda o fetiche Cortez...
Já para não falar da sua fixação por Artur...
Se calhar sonhei...mas deve ser outro Jesus! Para um predestinado é muita invenção...
Quanto as indignações sobre factos...
Neguem que Boavista,Moreirense e Arouca não deram lições ao mestre guru...


Paulo Malheiro

Gonçalo Matos disse...

Paulo malheiro, os modelos do Mourinho e AVB sao melhores que do JJ? Em que momentos do jogo?

astro lop y teco disse...

Não é odio de estimação ao Quaresma, é ver o futebol como ele é. São coisas diferentes que não estás a conseguir distinguir.
Quaresma tem uma percentagem de decisões erradas enormíssima, e foi isso que se disse do Quaresma.
Esta época até está menos mau nesse aspecto. Vê lá tu que neste jogo em que fez 10 minutos, conseguiu uma excelente média: em 6 vezes que teve bola teve duas boas decisões (olha que nem digo que sejam as melhores decisões, mas acertadas). Numa delas fez um passe para o meio, em vez de tentar mais uma finta junto à linha, noutra enfiou-se num beco apertado e conseguiu o cruzamento "de olhos fechados" que acabou no golo do Cristiano. Nas restantes foi o habitual - perda de bola.
Duas em seis dá 33%, é uma excelente percentagem de decisões correctas, parece-te bom? E mesmo assim é bem melhor que o habitual dele.

Tó Pereira disse...

gonçalo,

o problema é esse... n há modelos melhores! há modelos bem trabalhados, bem implementados e operacionalizados que os jogadores "compram" e que dão resultados... e há modelos que por um ou outro motivo n resultam e por isso é que todos os treinadores num ou noutro momento, num outro clube acabam por falhar.

há de facto modelos mais bonitos ou menos bonitos... mas até o bonito depende do gosto. eu partilho do vosso gosto (lateral esquerdo e acólitos) o que n partilho é da visão que esse é necessariamente o melhor caminho para o sucesso. Eu tb gosto mais de ver o bayern que o chelsea... de ver o Montero a jogar que o Slimani... como gostava mais de ver o Domingos que o Jardel... mas o Jardel nos 5 anos em que esteve sóbrio em Portugal foi sempre campeão... graças em grande parte ao camião de golos que dava às suas equipas. O que dava tirando os golos? quase nada! Muito menos do que o Slimani, Diego Costa, ou Suarez (golos à parte!) dão às suas...

Mourinho e AVB n são melhores que o JJ em termos táticos... mas em termos estratégicos... quinje a jero! A única estratégia que o JJ tem que funciona bem é assumir-se como underdog e colocar a equipa em organização defensiva. Qd tenta discutir os jogos de igual para igual o seu desprezo pelo pormenor (aparente complexo de superioridade) leva que muitas equipas lhe criem problemas q com um pouco de análise do adversário seriam facilmente solucionados... mas parece-me q há aqui gente com uma secreta esperança que qd o Raul José ou Mário Monteiro se reformarem o JJ venha à pesca na blogosfera.

Roberto Baggio disse...

A comparação com o Jardel faz-me sempre muita graça. PorquÊ?
Porque nenhum dos citados a que se compara o mesmo consegue uma média de golos como Jardel conseguia. Jardel, ao nível de golos é como Ronaldo, ou Messi. Nas palavras de Ancelotti: Com Jardel o jogo começa 1-0.

Quando alguma vez alguns dos que se tenta comparar Jardel conseguir isso, poderei discutir. Até lá, com as médias dos outros posso eu bem. Entendam que Jardel é um fora de série. Não é para ser comparado com um qualquer, ou usado de qualquer forma para suportar qualquer um argumento.

Gonçalo Matos disse...

Tó Pereira,

"o problema é esse... n há modelos melhores!".
Tens dois modelos, um pede aos jogadores sucessivos 1x1, defensivos e ofensivos; outro pede criação de superioridade numérica na zona da bola, com ou sem ela. São os dois igualmente bons? Eu não acho. Vamos voltar a história do modelo ser uma coisa abstracta, quando para mim nao é.

QUanto ao gostar mais de ver, isso é subjectivo. Mas se eu gostasse de ver as equipas do josé Mota, não iria afirmar que teriam um bom modelo de jogo. O que a malta não percebe é que LE e acólitos gostam do modelo do Pep porque garante maiores probabilidades de vitória que os restantes. Não é por ter muita posse de bola. Também se elogia muito o Klopp e o modelo de jogo do Dortmund não tem muito a ver com o do Pep.

Anónimo disse...

Ò Gonçalo, que luxo saber inglês..soll ich mich mit dir auf deutsch unterhalten??? Ma si voy parliamo italiano.. or french if you want. Pois é, na verdade é melhor ficar por o português. Assim nos entendemos..

Anónimo disse...

o modelo do pep garante maior percentagem de vitórias se tivermos qualidade individual e nalguns contextos. sinceramente acham que o pep teria tido o mm sucesso no atlético madrid que o simeone, tendo em conta os respetivos modelos de jogo? quem n tem cão caça com gato... eu acho o pep um treinador fantástico... provavelmente o melhor mas deve ser quase o único treinador do mundo que em toda a carreira teve sempre cãozinho para caçar e do bom...

Gil Von Doellinger disse...

lateral-esquerdo falado aqui:

http://www.maisfutebol.iol.pt/dial-up-internacional-ranking-uefa/543eb3be0cf2bc6a90b934e0.html

Gonçalo Matos disse...

Anónimo,
O atlético tem jogadores extremamente criativos, com características que permitem assumir a bola durante o jogo. E com a agressividade que eles metem nos processos defensivos, o simeone ganharia se conseguisse que a equipa tivesse mais bola e mais homens próximos do portador

pitons na boca disse...

O "melhor central português de sempre" pode ser injusto para monstros sagrados de outros tempos.
Para mim é o melhor central português dos ultimos 30 anos, sem qualquer dúvida.

Tó Pereira disse...

Gonçalo,

Não me parece que haja apenas 2 modelos de jogo (1x1s e superiodades numéricas na zona da bola). E n me parece q na comparação entre JJ e AVB ou Mourinho ou entre Pep e Simeone haja assim tantas diferenças nomeadamente em organização defensiva (o AVB é o mais fraco dos 3 neste aspecto mas mm aí qd teve que privilegiar esse momento na Académica - ainda sem VP - a equipa passou a defender muito melhor e mais súbida - recomendo para vocês q têm tempo um visionamento da ida ao Dragão da AAC nesse ano). Por isso qd falo em modelos diferentes mas igualmente bons n sei sinceramente de q maus estás a falar.

Baggio,

Valia a pena jogar com o Jardel porque apesar de ser uma nulidade em quase todos os aspectos de jogo a equipa começava a ganhar por 1-0... concordo!

Mas para ti alguém com uma média de 0,6 ou 0,7 golos por jogo já n deve jogar uma vez que há jogadores com uma média de 0,2 ou 0,3 com mais qualidade e que oferecem outras coisas à equipa... onde é que tu traças as linha? nos 0,5? nos 0,8? nos 0,4?

Tu achas que os treinadores são burros mas n são... podem discordar de ti ou de mim... mas qd tomam opções é pq acham que essa é a melhor forma para ganhar... já alguém disse que se o mourinho mudou foi pq achou q essa mudança lhe permitiria ganhar mais... n foi pq tenha ficado preguiçoso ou burro... pode estar certo... ou pode estar errado mas faz aquilo em que acredita... esteticamente gostava mais do antigo mourinho como gosto bastante mais do mourinho desta época... mas a estética só vale a pena qd nos aproxima do sucesso e aí é uma análise muito subjetiva em que ng pode dizer seriamente q tem razão.

O Marco Silva qd põe o Slimani é pq os 0,2 ou 0,3 golos por jogo a mais q o Montero e a maior capacidade defensiva compensam a menor capacidade de se relacionar com a equipa no momento de organização ofensiva... é uma má opção estética... mas é uma decisão aceitável (para mim correta para ti incorreta!) para quem pretende ter sucesso.

Anónimo disse...

Primeira vez que comento neste blog.
Ricardo Carvalho é de facto um central de eleição, o melhor central português dos últimos 10 anos sem sombra de dúvida, embora o Pepe quando está motivado, tem exibições incríveis e faz algumas coisas que Ricardo Carvalho não faz.

Agora, por melhor que seja, por muito que doa ele não jogar, não merece ter aquela camisola vestida hoje em dia. Erros podem-se perdoar, mas um erro daqueles tem de ter consequências.

Gonçalo Matos disse...

Tó Pereira,

Certamente te deves lembrar do Ivanovic a jogar hxh o ano passado com o resto da equipa a jogar zona no Chelsea, ou a reacção à perda de bola que o Barça do Pep tinha, que foi a melhor que já vi. Ou a capacidade que a equipa do Benfica tem de controlar profundidade, largura ou por exemplo defender bolas paradas. Não são modelos bastante diferentes? Por jogarem zona não quer dizer que sejam todos iguais.
Resumidamente, para mim, um modelo é tanto melhor quanto mais vezes conseguir que a equipa esteja em superioridade na zona da bola. Com ou sem ela.
Se fores ver os modelos desses treinadores todos, verás que quer nas organizações, quer nas transições não são todos igualmente eficazes.
Se conseguisses uniformizar a qualidade ao nivel dos 11 titulares irias ver mais facilmente estas diferenças. Há coisas que os misters não controlam, e que mtas vezes camuflam a qualidade dos modelos de jogo (erros técnicos, jogadores com qualidade técnica superior, etc).

Gil Von Doellinger disse...

lateral-esquerdo em grande: além do artigo do maisfutebol, Daniel Oliveira, hoje, na sua crónica semanal no Record, escreve, como enquadramento para o artigo, que acompanha este blogue.