terça-feira, 21 de outubro de 2014

Na Liga dos Campeões...

...os erros são mais notados, porque a qualidade dos executantes é superior. Isso implica uma maior velocidade de jogo, e menos tempo para se executar (com ou sem bola) aquilo que se pretende. É um jogo de xadrez em contagem regressiva. Cada decisão pede menos tempo de processamento, o que exige que os jogadores sejam extremamente competentes dentro daquilo que o treinador lhes pede. Como se sabe, Maurício não sabe o que é defender zona, dentro de uma equipa que o tenta fazer (?). Se não existir nenhum adversário na sua zona, normalmente, ele cumpre com o posicionamento mais acertado. Se por algum acaso aparece um jogador com a camisola de uma cor que ele não reconhece, de imediato passa a funcionar como segurança privado perseguindo-o para todo lado. Isso resultará, na maior parte do tempo, em menos tempo para corrigir as alhadas em que demasiadas vezes coloca a equipa, que se notam mais pela pouca competência dos seus companheiros de sector. A falta de competência de alguns colegas é um dos factores que não está a permitir que William evolua no sentido certo ao nível do posicionamento, por se ver de forma constante a apagar fogos em todas as zonas do campo. Também por isso, o Sporting passará a Champions a sofrer: por ter uma linha defensiva que por vezes não o é, e quando o é não percebe demasiadas vezes a que distância deve estar da bola (controlo de profundidade).

Marco Silva terá muito trabalho, numa época onde se exige como nunca em anos recentes no Sporting e a qualidade continua a não ser assim tão superior.

29 comentários:

Dipeca disse...

No post colocas em questão se a equipa do SCP joga à zona. Realmente tb fico com esta dúvida.. É o segundo jogo que vejo do SCP (os que jogou contra o FCP) e várias vezes se vêem os centrais a acompanhar o homem. Tanto Maurício, como Oliveira neste último jogo... É que chega a estar um central encostado à linha e o outro no meio sozinho para 1 avançado.. Aqui pergunto se serão centrais ou Marco Silva a querer jogar assim... pelo menos contra o FCP..

Roberto Baggio disse...

O Oliveira bem menos que o Maurício, mas concordo...
Daí a minha interrogação. Noutros jogos parece-me zona clara. Nestes, parece-me uma adaptação ao adversário. Não quererá jogar zona sempre(?). Não sei. Já com o Diego Costa foi marcação implacável... Vamos ver com o Huntelaar...

PicaretaLeonina disse...

Bom post.

A equipa, pese esteja no bom caminho, ainda tem muito que evoluir(como o próprio Marco referiu ontem), especialmente defensivamente. Também não percebo exatamente se se quer jogar zona ou não, mas acho que é mais problema dos centrais(Maurício, claro, que o Paulo cai menos nessas referências) do que das ideias dele, visto que sempre jogou zona no Estoril.

Acho que existe qualidade no plantel. Mesmo na defesa. O problema é que não se aposta nela. Em que é que o Rosell, a central, seria pior que o Maurício? Por que é que não se manteve a aposta em Esgaio(ou, no limite, por que se levou o cepo do Miguel Lopes para o banco em vez dele?). O Jonathan ainda tem muito a evoluir mas é um upgrade ao Jefferson, tal como o Paulo em relação ao Sarr, só falta seguir esse exemplo noutras posições da defesa. Estou muito curioso para voltar a ver o Rabia, também, que me parece ter condições físicas e técnicas melhor que qualquer outro central(não me pareceu burro posicionalmente, mas para aferir isso preciso de ver mais jogos e a central).

Mas ao jogar com Maurícios não é fácil... No ano passado o modelo de jogo disfarçava muito bem as falhas dele, mas este ano é exigida outra capacidade interpretativa do jogo a todos os jogadores, centrais incluídos, e nisso Maurício é manifestamente mau. Pior, nem sequer consegue, como Rojo por vezes conseguia, atenuar essas enormes limitações através da velocidade(de pernas, não de raciocínio).

Honoris disse...

Talvez o Marco lhes peça mesmo para fazer HxH porque não confia neles para defender zona.

O que é mais eficaz? HxH ou defender zona sem saber o que estão a fazer?

Gonçalo Matos disse...

Eu diria que essa opção pelo hxh tem a ver com a dificuldade dos centrais perceberem o que é defender zona + a capacidade acima da média da realidade portuguesa dos pontas de lança em questão. O Marco deve achar que jogando zona, nesta fase, contra pontas que explorem bem os espaços à frente e nas costas da defesa tá lixado.
Espero é que isto seja apenas uma solução de recurso.

Já agora, não têm a sensação que o Marco consegue trabalhar bem melhor, defensivamente, o posicionamento dos avançados e médios que da linha defensiva? Já contra o Estoril tinha a sensação que os comportamentos colectivos da linha defensiva eram mais fracos que dos restantes sectores.

Gonçalo Mano disse...

Se fosse em todos os jogos concordaria com o Honoris...

Agora só joga HxH nos jogos mais dificeis?...

Preferia aturar as "paragens" do Tobias que do Maurício e Sarr...

Honoris disse...

Só nos jogos mais difíceis? Eu vejo o Mauricio sempre a fazer HxH

Edson Arantes do Nascimento disse...

Acho que ele quer zona. Bolas paradas - defende zona. O problema é que apresenta algumas falhas gritantes de coordenação (operacionalização? não sei) e, claro, tem artistas que são do pior que há.

Não percebo muito bem alguns elogios ao P. Oliveira, que me parece terrível. No Vitória até tinha outra ideia dele, pensava que tinha mais qualidade. E no início da época julgava que seria titular. Agora percebo porque não foi.

No jogo com o FCP para a taça o que é que lhe passou pela cabeça no golo do Jackson? Não faz ideia dos terrenos que pisa. Talvez o Marco Silva o ajude um bocadinho, mas o rapaz com a bola nos pés, esquece, posicionamentos, esquece, um-para-um, come-se, e no ar também. Mas não chega para um elogio, na minha opinião.

A liga portuguesa está arrasada em termos de defesas-centrais. Não há um que seja de qualidade indiscutível.

Saudações Desportivas! (estava com saudades, desculpa, Baggio)

Roberto Baggio disse...

Saudações Desportivas!!!!!

Tu desapareceste do Chat pá :P

Ias ser despedido do trabalho ou de casa?

xD

Miguel Pinto disse...

Concordo com o Edson, há uma gritante falta de qualidade nos centrais dos 3 grandes.
Vai ser giro ver Maurício/P. Oliveira vs Huntelaar/Prince.
Vamos ver se W. Carvalho consegue fechar as linhas de passe para os 2 avançados do Schalke e se os laterais fazem bem as coberturas aos centrais. Acho que o Jonathan Silva irá passar um mau bocado se a pressão sobre o portador da bola adversário exercida pelos médios/avançados do SCP não for bem feita. Eles jogam preferencialmente pelo lado esquerdo do SCP e usam muito o passe vertical para os 2 avançados promovendo a subida do lateral direito.
Acho que o SCP tem de dar prioridade ao jogo interior porque penso que eles dão muito espaço entre a linha defensiva e a linha média mas se jogar o Slimani a coisa vai ser mais complicada.
Abraços

JON disse...

Baggio, eu é de casa. A minha mulher diz que tenho outra, chamada Futebol!

Edson Arantes do Nascimento disse...

Kkkkkkkkkkkkkkkkkk

O chat está muito monopolizado por duas ou três pessoas, que na sua maioria têm dificuldade em brincar ou mesmo falar a sério sobre os seus clubes. (É sempre a mesma conversa, enfim, fazer como?)

Fartei-me um bocado. Mas de vez em quando vou lá e tento acompanhar as tuas dicas e as de mais um outro participante.

Mas não largo o osso do LE! Não se livram das minhas saudações desportivas! ahaahha

André Martins disse...

No scp, com os centrais que tem, o Jardel era um rei! No sábado, no golo do fcp, o Oliveira ia-se desmanchando, a tentativa de interceptar o passe para o Jackson é horrível. O "mochilas" Maurício é o que se sabe, ou seja, abaixo de vulgar.
Mas não concordo quando se atribuem a outros a não evolução do WC. Acho que o problema é mesmo dele, e que não dá mais do que aquilo. Há muitos jogadores que estagnam muito cedo, e o WC parece-me ser um deles.

Jorge Carolo disse...

Gonçalo Matos,

Estou totalmente de acordo com o que referes das dificuldades de jogar à zona na defesa mas no meio campo e ataque conseguir fazê-lo melhor...

É isso que tenho vindo a achar à medida que venho vendo os últimos jogos...

Não que ache os comportamentos defensivos do ataque e meio campo perfeitos mas nota-se claramente uma maior noção de zona do que na defesa!

Julgo que embora não seja percetível se o problema é a falta de inteligência dos jogadores da defesa se são dificuldades de operacionalização, tendo em conta que nos outros 2 setores usam zona não faria sentido Marco Silva não o fazer na defesa...

Anónimo disse...

Roberto Baggio é uma pessoa que não percebe de futebol num blog de futebol(?)

Edson Arantes do Nascimento disse...

O William tem estado a jogar muito bem. Muito bom jogador.

Anónimo disse...

Mais uma vez, é espantosa a análise aos defeitos do Sporting, ou dito de outra forma, o demérito do adversário.

A sensação que fica, é que o Mauricio é o responsável pelo resultado negativo, mas ... mas a perder por 3-1 o Sporting empatou e espante-se com menos um e a jogar fora contra uma equipa de merda, claro.

Tudo o que o Sporting fez de bom a jogar com 10 não conta para a análise, assim como não contou no jogo do Dragão, onde só houve demérito da equipa da casa.

Gosto muito deste blog, já aprendi bastante mas não há nada que a EQUIPA do Sportingh faça bem ?!

Ab, Pinnilla.

Anónimo disse...

Posso fazer uma pergunta fora de contexto?
Os jogadores profissionais treinam quantos dias por semana?
E os treinos são bidiários?

Gonçalo Matos disse...

Qual análise Pinnilla? Está aqui alguma mentira?

Anónimo disse...

Pinilla, o post foi publicado às 13:33.
Poderá ter sido premonição... ou então não!

Johnny McCaco disse...

Oh Pinilla, vê a hora em que foi publicado o post...

Anónimo disse...

Erro meu e por isso peço desculpa. Talvez tenha sido, mesmo, premonição.

Ainda assim, em parte, não deixo de manter a minha ideia relativamente ao que vou lendo nos post's.

Gosto bastante de ler futebol, por aqui.

Ab, Pinnilla.

Anónimo disse...

Gostaria de saber qual a vossa opinião sobre o golo do Quaresma...má decisão não foi? Não respeitou a tabela nem deixou enquadrado o Brahimi que tinha tudo para o golo. Mas fez ele o golo. Má decisão?

Anónimo disse...

O golo do Quaresma foi golo porque foi um ... frango do guarda redes. Não foi má decisão, foi péssima!

ps. E não tenho a ver com o blog!

Pedro Ferreira disse...

Baggio pa próxima podes fazer um post a dizer que o Maurício vai bisar com um golo de cabeça e um pontapé do meio da rua, numa exibição impecável em que defende a zona com tal qualidade que te fez lembrar um senhor chamado Nesta e que não fez cagada nenhuma??

Só numa de fezada já que pelos vistos acertas sempre em cheio e pelo meio inda me davas uma alegria e me fazias ganhar uns euros ahaha

Abraço

Anónimo disse...

a esta até eu respondo:

a má ou boa decisão não são um valor universal em si mesmo. dependem do contexto, embora a lógica da coisa seja mais ou menos esta: 3x3 é melhor é melhor que 3x4; 3x2 é melhor que 3x3 e assim sucessivamente, o que acaba por ser um universal dinâmico ou qq coisa que o valha.

agora a jogada:

num primeiro momento impunha-se a tabela de primeira - ou com dois toques, recepção-passe - pq o brahimi rasgava a linha defensiva adversária e fica 1x1 com o gr, logo má decisão.

num segundo momento, impunha-se o passe de ruptura pelas mesmas razões acima.

num terceiro momento o espaço está aberto para o remate quase como num 1x1. boa decisão. no entanto há que ressalvar que a bola entra pq o guarda-redes falha. porquê? nem esta boa decisão é óptima, se quisermos, pq pelo aglomerado de jogadores na área só há uma zona de tiro fácil, sem oposição que não o gr - e por isso o gr estava bem colocado.

solução que pode ter sido pior que a posição que brahimi teria recebendo o passe no primeiro ou segundo momentos. ficaria com o ângulo direito todo aberto e parte do esquerdo - mas aqui não recordo a distância da linha defensiva à baliza, por isso poderia dar-se o caso do brahimi só puder ir à linha cruzar. mas mm q assim fosse, tv colocasse a bola num jogador do porto em 1x0. mas bem, as últimas frases são suposições que não veremos resolvidas.

mas o que é interessante nisto - pelo menos a importância que atribuo a esta separação dos momentos - é que revela o jogador que é quaresma: a melhor decisão não é tomada à primeira; o jogo não flui da melhor maneira; a melhor solução é ele que a encontra sozinho muito mais tarde do que o tempo óptimo em que esta poderia ter sido encontrada colectivamente. de onde chegamos ao célebre problema da tomada de decisão do quaresma.

e a selecção? bem, foi o que foi. uma jogada feita pensada e protagonizada por quaresma. nisto é e sempre será bom, aliás, muito bom. um pouco como o salvio. a sucessão de más decisões é compensada por uma capacidade técnica - no sentido virtuoso, não no sentido da técnica em futebol de enciclopédia - muito acima da média.

anónimo das 14:08

jorge gaspar disse...

Quando era pequeno e perguntava:
Como é que sabes?
Diziam-me :
Tenho um dedo que adivinha
E mostravam-me o mindinho.
É óbvio que só me aldrabavam assim porque era pequeno e achava que aquilo pudesse ser de alguma forma possivel, mas afinal é mesmo. O baggio tem mesmo um mindinho que adivinha.

Em relação ao P.Oliveira, hoje vi um ou dois lances (enquanto alterava entre o Sporting e o Herrera + 10) em que a bola chega ao corredor lateral, o Cedric pressiona e o P.Oliveira fica exactamente na mesma posição que tinha quando a bola estava no corredor central. Também já tinha ficado com a ideia que não consegue controlar a profundidade mas ai puderia dever-se á acção dos colegas.
Ainda assim, vi muito pouco dele, e até fiquei com melhor ideia dele do que dos outros colegas de sector.

Pedro disse...

Pinnila, se há coisa que este blog faz é elogiar o scp e os jogadores do scp.
:)

Edson Arantes do Nascimento disse...

O Baggio e o Maldini são feiticeiros.