sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Madrid no Bernabéu.

Com esta proposta de jogo ofensivo, percebe-se bem o porquê do treinador campeão europeu achar que o Atlético é a equipa que melhor defende na Europa. Mas é o Atlético, e qualquer outra que enfie 8 jogadores dentro da área, e não deixe rematar de média distância. Como não nos cansamos de dizer, o Real Madrid é uma equipa com grandes individualidades, com as melhores do mundo. Mas colectivamente, nos momentos de organização ofensiva e defensiva, está longe de ser top. Ontem, Ronaldo não chegou. Atacar pelas "bandas" tão pouco. O que se seguirá, mister? Para onde vai evoluir o Madrid? Haverá evolução?




Sérgio Ramos. Um dos mais queridos meninos do futebol. A forma como oferece a bola, sem pressão, no primeiro e segundo golo de Torres, bem como a forma como coloca os apoios no primeiro, e não oferece cobertura a Pepe no segundo, diz tudo sobre o futebol de Ramos. 

Contenção, não Pepe?!

19 comentários:

DC disse...

Futebolzito, tiras o Isco e estás na Premier League a ver uma equipa do Redknapp.
Ainda para mais quando muitos jogadores já só participam numa fase do jogo.
Se voltarem a ganhar títulos é sinal de que algo vai muito mal no futebol europeu.

Ronaldinho disse...

Um treinador que diz que ainda não encontraram a formula para vencer o atletico, como se o problema da equipa fosse o atletico, está apresentado.
Se estas a espera de evoluçao então espera mais um bocadinho

Gito Bastos disse...

A escolha do 11 (Apesar de Varane) é o único mérito que reconheço a Ancelotti.
Principalmente quando penso que Mourinho chegou a jogar com Lass, Khedira e Alonso.

Gonçalo Matos disse...

O que me aborrece neste real é que podiam ter um futebol igualmente forte em org ofensiva, com os mesmos executantes. Deixaram se cair no facilitismo da transição supersónica e de vez em quando acontecem destas coisas. Já agora, griezmann é outro daqueles que sabe muito sobre fixar e soltar

Clarence Seedorf disse...

Sim. Espero nao estar enganado, mas acho que o real madrid de ancelotti foi bom enquanto tinha alguns traços de mourinho(com os rapidos contra-ataques e momentos ofensivos), aliados a um bom balneario, coisa que o treimador portugues nao tera tido ( graças ao dossier diego lopez e varane). Agora, é uma equipa facil de desmontar e travar com individualidades, incrivelmente, nao suficientes para fazer o serviço. Uma pena, mas o costume a q o real nos habituou.

Tiago Franco disse...

Despejar bolas à Big Sam é facilitar o jogo ao Godin kkkk

Uma só palavra para o melhor central de sempre (segundo um jornal desportivo devido ao palmarés que detém e a todas as menções individuais que recebe [medo])...Ridículo!

José Moreira disse...

Concordodando com o que é escrito, pergunto:

Mas como se desmonta um adversário que se nega a jogar futebol e se limita a enfiar, não raras vezes, 10 homens atrás da linha da bola e no corredor central?

Pedro disse...

Não deixa de ser engraçado que há uns tempos, não muito longínquos, foram muitos os elogios ao Real (para picar Mourinho, eu sei..)

:)

DC disse...

Pedro mas parece-me que o Real está a piorar. Não era tão mau no ano passado nem no início da época. Agora, talvez pela ausência de Modric, está muito mais limitado no processo ofensivo.

Roberto Baggio disse...

O Pedro tem de ir ler melhor esses elogios. Lembro-me de em todos eles dizer que o Real não era nada de especial colectivamente. Ele não, como sempre.

Roberto Baggio disse...

José Moreira. O Barcelona desmontou a mesma equipa há não menos de uma semana.

José Moreira disse...

Verdade Baggio, mas esse Barça contou com dois factores que ontem não existiram:

1 - Noite menos inspirada do colectivo Madridista, na minha opinião;

2 - A tentativa, ainda que pouco passasse disso, de jogar o momento ofensivo do jogo, na busca da vitória. Ontem o Atleti não precisava marcar, apenas não sofrer. O golo aos 50 segundos só lhes deu mais conforto e força defensiva.

Roberto Baggio disse...

Então mas sempre que os adversários aproveitam os erros vai ser menor inspiração do Atlético?
Ontem fizeram os mesmos erros. Diferença? O Real Madrid não sabe o que é jogo interior. Mesmo com Isco a mostrar o caminho não perceberam por onde deviam atacar.

Quando ao factor eliminatória, também o Real Madrid é muito difícil de parar quando em vantagem. Mas uma coisa é certa, se estás em desvantagem, e com o adversário fechado, se não sabes jogar ao ataque em organização ofensiva é que não ganhas de forma alguma.

José Moreira disse...

Não, apenas a quantidade de erros cometidos pelo Atletico em Camp Nou foi incomparavelmente maior, ou por outro lado, o Barça e a necessidade de marcar potenciaram muito mais erros.

Repara que não discordo de ti quando dizes que o Real tem muita dificuldade em explorar o jogo interior, para não dizer que praticamente ele não existe, apenas tento ressalvar a negação que o Atleti fez ao momento ofensivo.

Não sei se o Atletico é, como disse Ancelotti, a equipa que melhor defende na Europa (não tenho conhecimentos suficientes para o avaliar), mas que é a equipa top que mais defende na Europa, disso não tenho duvidas.

Unknown disse...

Baggio, parece que só viste esse jogo do Atlético e por sinal correu-lhes muito mal porque umas das coisas que eles fazem bem é o posicionamento defensivo nos últimos 30m.

Roberto Baggio disse...

E tas a falar de borla. Como muitos. Se há coisa que não faço é analisar equipas por um jogo.
E se há coisa que o Atlético faz mal, e não é de hoje, já o digo desde o ano passado é posicionar-se, e abusar das referências individuais!

Roberto Baggio disse...

Pois pá. Defender muito é diferente de defender bem. Assim de cor, digo-te 10 equipas que defendem melhor.

José Moreira disse...

Acredito Baggio, mas a minha questão é muito essa, a quantidade de defesa que eles fazem por jogo. E uma equipa, minimamente organizada, que defende com 10 gajos atrás da linha da bola (mesmo quando ela está nos últimos 30 metros) é sempre dificil de ser ultrapassada. O Real podia fazer mais? O Real devia ter mais e melhor jogo interior? Sim e sim. Mas não consigo criticar mais o Real que o Atletico, porque um ainda tentou jogar, o outro tentou apenas não deixar jogar.

P.S. acho que com Modric o jogo interior melhora um pouco, não tanto pela diferença qualitativa entre ele e Isco, mais pelo estatuto do Croata, que poderá funcionar a seu favor na hora de partilhar a bola, n sei.

Mr. Shankly disse...

Pensava que era só eu que não gostava do Ramos. Sobrevalorizadíssimo. Tem todos os ingredientes para ser um grande central, menos inteligência. Ou vontade de aprender, vá. Trocava-o pelo Varane sem pestanejar.