sábado, 23 de maio de 2015

JJ - Jonas e Jesus

Aquele que para nós foi o maior protagonista do campeonato, sobre aquele que para nós foi o melhor treinador a treinar em Portugal nesta época.

"Aprendi muito com Jorge Jesus e hoje, admito, tenho uma visão muito diferente do futebol. Acho que todos os jogadores deviam de ter a oportunidade de trabalhar com um treinador assim" 

Não há, para mim, maior forma de reconhecimento da qualidade de um treinador do que esta. O jogador perceber que o treinador o influenciou a perceber um pouco mais o jogo, que o influenciou a enquadrar melhor o que já sabia dentro do contexto onde se inseria. O jogador perceber que é fundamental para os jogadores passarem por essa experiência rica, é o maior aval que se pode dar à competência de um treinador. Jorge Jesus continua a impressionar jogadores pelo conhecimento que lhes transmite.

11 comentários:

Paulo Sérgio Portugal Malheiro disse...

Falta-lhe dar o salto no panorarma internacional!

Guilherme disse...

Falta mesmo? O Sacchi e até ver o Klopp nunca treinaram fora dos paises deles e não é por isso que não lhes foi ou é reconhecida competência....

Jà agora, é bonito de ver todo o benfiquistazinho dizer que o Jesus é um mau gestor de recursos humanos porque nao deu minutos ao terceiro guarda-redes do plantel.

Jonas, Aimar, Javi Garcia, Matic, Saviola andam a fumar coisas giras quando falam do quanto aprenderam com o JJ. Ou então são todos uns burros, esta mais que visto.

Benfiquista Primário disse...

Não falta, não...que seja o Ferguson do Benfica!

Embora a analogia não seja perfeita: Jesus começou a ganhar logo no primeiro ano...

Influência Arbitral disse...

Jonas e Jesus - Prazer para os adeptos de futebol.

Cada vez é mais raro vermos equipas a alinharem com segundos avançados de elevada qualidade no seu 11. Poucos treinadores no mundo sabem retirar o maximo proveito de jogadores com as caracteristicas do Jonas.

As caracteristicas do Jonas acentam que nem uma luva no esquema tatico tradicional das equipas comandadas pelo Jorge Jesus.


De todos os jogadores que o Jorge Jesus já utilizou como 2º avançado, Jonas e Saviola são de longe os mais capacitados tecnicamente/conhecimento do jogo para desempenhar essas funções.

A extraordinária veia goleadora do Jonas é ainda um ponto acrescido naquilo que é o rendimento exigível ao elemento que joga normalmente nessa posição de segundo avançado no 4-1-3-2 do Jorge Jesus.

Tivesse Jonas chegado as ordens do Jorge Jesus com menos de 27 anos e de certeza que no final da carreira se transformaria reconhecidamente num dos maiores idolos dos amantes de futebol-espetáculo.

Veremos durante quantas épocas será possível ao Jonas conservar as qualidades fisicas necessárias para a função de 2º avançado exigida nas equipas de Jorge Jesus. Não é o fisico que diferencia Jonas dos outros atletas mas no futuro com menos aptidão fisica tendencialmente fará menos diferença no jogo.

Com uma boa pré-época na proxima temporada, estarão reunidas as condições para em 2015/16 os amantes de futebol usufruirem de deliciosos espetáculos.

Maldini e Baggio, qual é a vossa opinião sobre quantos anos mais será possível ver Jonas no seu melhor?

Paulo Sérgio Portugal Malheiro disse...

Era necessário entrar Talisca?
Jj tem pouco tato! Até isso querem chutar para canto?
Estás a comparar Klopp a Jesus?
Muahaahahaha..
Falta-lhe sucesso internacional!
E o Bernardo Silva? Nolito? Também é burro...?
Endeusamento ridículo!

Guilherme disse...

Ridiculo é queres fazer desta caixa de comentarios o serbenfiquista.

Qual sucesso? Titulos nada valem para aferir da qualidade de um treinador, mas olha que o Klopp ja ganhou tanto como o JJ a nivel internacional (nada); e o JJ ja ganhou a nivel nacional mais que o Klopp.

O JJ sempre disse que queria que o Nolito continuasse, e o Nolito nunca se queixou do treinador, queixou-se de nao ter oportunidades. Mas imagino que tu e os demais benfiquistas aceitariam meter o Gaitan no banco para dar lugar ao Nolito uns anos atras.

Quanto ao Bernardo Silva, a mesma coisa, apenas se queixa da falta de oportunidades, nunca da qualidade do
JJ enquanto treinador.

João disse...

O Bernardo Silva ou Nolito alguma vez falaram mal de JJ sobre treino, táctica e afins?

É que já ouvimos críticas de jogadores a JJ, mas que ressalvavam essas áreas.

J. Saro

João disse...

Seria interessante ver noutros clubes pelas dúvidas que ainda me ficam. Por exemplo, darem uma equipa com condições de champions e perceber como monta estrategicamente nas eliminatórias.

Agora, não é por ser dentro ou fora de Portugal... Isso é como aquela treta que o Messi só prova que é realmente fora-de-série quando jogar fora do Barça. E é capaz de vir de adeptos que acham que os jogadores deviam jogar sempre nocaute do coração.

J. saro

Nuno disse...

O messi precisa de provar q é fora de serie???? Está boa essa!

João disse...

Nuno,

Ha muito ronaldete (e existe o inverse tambem) que acha que o Messi esta sobreestimado por jogar no Barcelona desde puto é porque tem Iniesta e Xavi. Que devia ir para outro campeonato para provar que è o melhor do mundo.

Nem me parece ser novidade, nalgum hrupo de portugueses vais encontrar disso.

Está discussão do JJ é parecida. Tal como VP gostava de ver lá fora também para ver noutras situações, mas não nessa de tira-teimas.

J. Saro

manelmadeira disse...

Reconheço mesmo muita qualidade no Jorge Jesus mas não peca um pouco na maneira como mexe na equipa durante os jogos?