quinta-feira, 16 de julho de 2015

Impressiona, Paulo Sousa.

"Despertou-me a curiosidade porque tem uma metodologia diferente da nossa. Quando aparece algo novo é bom estar actualizado. É gratificante vê-lo, e numa perspectiva futura, será bom continuar a acompanhá-lo"

"O que é novo? O método português que vamos estudar: Variações tácticas, pressão e muito trabalho com bola" Paolo Vanoli, treinador dos sub 19 da selecção italiana.

Nada que surpreenda nas declarações de Vanoli, depois de termos iniciado aqui uma "leitura" sobre o jogar de Paulo Sousa.

Ideias de treinador de grande, mesmo com uma equipa pequena na qualidade individual. 

A pressão e as variações tácticas que Vanoli refere, já haviam sido bem identificadas na série de posts alusivos ao trabalho do talentoso treinador português. O muito trabalho com bola, apanágio da nova onda de treinadores portugueses preocupados com a integração de todos os factores de rendimento num só exercício / jogo de treino. O físico, técnico e psicológico associado ao desenvolvimento táctico individual, em função de uma ideia global e colectiva. 

Paulo Sousa, um treinador cujas equipas têm identidade em todos os momentos do jogo. Muitas ideias e boas também em organização ofensiva! Onde tantos outros treinadores deixam ao critério das individualidades a resolução de problemas colectivos.

Há que segui-lo e torcer para que o futebol continue a premiar os melhores.

10 comentários:

José disse...

Para que é que o Vitor Pereira quer o Quaresma?

Vitor Gomes disse...

O Quaresma vai para o Besiktas, não para o Fenerbace.

De volta ao tema: quando entrou no Basileia, o currículo já chamava a atenção, ainda que sempre em ligas menores. É uma pena que quando sair do Fiorentina já vai ser demasiado grande para passar na porta da liga Portuguesa...

Joao disse...

ha uma entrevista com o p sousa, onde ele explica o seu percurso nomeadamente clubes como o videoton e maccabi. passar por clubes de ligas menores onde ele pode por o seu modelo em pratica, falhar, compreender e ter êxito.
da agora outro passo interessante na carreira, a fiorentina onde pode fazer algo muito engraçado la na italia.
boa sorte aos corajosos nao era ?

Bernardo Ferrão disse...

Fds Maldini roubaste-me o post q ia fazer lool

A par do Napoles de Sarri, são as duas equipas que muitas expectativas para este ano!

EK disse...

Não é o VP que quer o Quaresma. É o Besiktas, VP está no Fenerbahce.

Fraguito disse...

e como se trata de Itália:

audaces fortuna iuvat

David Cardoso disse...

P S é um dos mais promissores treinadores do futebol mundial, embora supreender em itália em termos de métodos de treino não deve ser dificil tendo em conta a porcaria que lá anda...

Dennis Bergkamp disse...

De vez em quando parece que se descobriu a pólvora.

O resto do mundo está a anos luz da qualidade e competência de alguns treinadores portugueses (e espanhóis, e alemães.. E mais alguns)

Principalmente no treino, a diferença é esmagadora para o que é normal noutros lados.

Ainda esta semana, a conversa com um italiano.. Parecia que tinha aprendido a fazer lume, quando a sinapse de "treinar com oposição e com situações que permitem transições" se criou.

Dennis Bergkamp disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dennis Bergkamp disse...
Este comentário foi removido pelo autor.