quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Paco e o ensino do jogo

«Tento aprender sempre e Paco sabe isso. Ele fala comigo e tenta explicar-me as coisas para que possa fazer bem o meu trabalho. Estou contente por estar preocupado comigo, pela forma como trabalho. Estou a melhorar a cada dia que passa», disse o português, em conferência de imprensa de antevisão do jogo com o Eibar. 

«Precisava de melhorar a interpretar o jogo. Agora tenho formação e penso que estou melhor do que estava. O treinador está a ajudar-me e vou continuar a melhorar com os treinos», acrescentou..

As entrevistas mostram imensa coisa sobre o que acontece nos treinos e o que os jogadores necessitam (ou querem) para crescer. 

A interpretação do jogo é importante na fase defensiva, mas é ainda mais importante quando a nossa equipa tem a bola. Que linhas de passe dar, para onde atrair o adversário, onde e como o desequilibrar para que a bola chegue nas melhores condições à zona de finalização.

Quando Bebe diz que agora tem formação, revela o que se passou em todos os anos que jogou futebol ate agora. Ou não lhe explicavam o que estava a fazer e qual o transfer para o jogo, ou ele não percebia...

Ou então, e mais provavelmente, o treino não tinha um transfer claro para o jogo.



Exemplos:

- Correr na mata, com mochilas dos marines as costas. Mesmo explicado... tem pouco transfer para o jogo. Pode servir como dinâmicas de grupo, pode servir para ganhos de condição física geral, mas a falta de especificidade gritante, impede que faça sentido. Seria como um atleta de Crossfit de repente vir jogar futebol. E óbvio que esta numa forma física impressionante, o Rich Fronning ]e visto como o homem em melhor condição física no mundo, ainda assim.... 10 minutos a jogar 6v6 em metade de um campo de futebol e se lhe tapassem a boca ele caia para o lado.

- Exercícios de finalização quaisquer, finta 2 manequins e finaliza. O jogador acredita que esta a trabalhar finalização, mas ainda assim a especificidade é muito reduzida porque não há necessidade de se relacionar com colegas e adversários, que influenciam todas as decisões que toma.

- Jogos com direcção, colegas e adversários, com um mínimo de 3v3 com 2 guarda redes.  O jogador não identifica directamente o transfer para o jogo, mas todas as acções que realizam estão dentro do centro de jogo e assim, decisivas para que ao domingo as coisas corram melhor. Um 4v4 em que cada vez que um jogador passa a bola deve desmarcar na direcção da baliza com os restantes jogadores a terem de se adaptar para manter a estrutura, pode parecer uma coisa parva, porque um jogador que joga a defesa central, raramente vai fazer uma desmarcação para a frente, mas passar por essas experiências vai melhorar o seu entendimento do jogo. 


Se melhora o entendimento do jogo, vai conseguir prever e antecipar situações a favor e contra, quando o jogo passa de 4v4 para 11v11. 

Um jogador que sente que o treinador se importa com ele, que o treinador lhe explica as coisas, está muito mais aberto a seguir o que o treinador lhe pede, mesmo que seja coisas diferentes do que lhe pediam ate agora.

Dificilmente um jogador com o perfil do Bebe vai fazer alguma vez na vida coisas como o Nolito. O perfil de decisão ]e radicalmente diferente. Mas vai de certeza, com o tempo e com algum sucesso nas acções, melhorar um bocadinho. E as vezes é tudo o que é preciso.

13 comentários:

Paolo Maldini disse...

fantástico. é sp preciso os jogadores tb quererem...

Dejan Savićević disse...

Aposto que o Froning não morria...o gajo é uma besta!!
Mais a sério, viram o Reportv da pré-epoca? Viram que treinador deu crossfit (literalmente, com burpees e tudo) aos seus atletas???

Bruno Pereira disse...

Parece-me que o Bébé quer. Conheço o seu responsável de quando era miúdo e diz q o Bébé sempre foi um bom menino e com vontade de aprender. Parece q até agora não apanhou ninguém q lhe ensinasse... com as características q tem, se aprende a decidir, para o ano é titular no SLB! E de preferência mantendo o treinador atual (dele) :)

Rafael Antunes disse...

Dejan,

Paneira... :D Eu vi isso... com direito a gritaria aos ouvidos e tudo... :D

Mas na pre-época há tempo para encher muito chouriço. e o Crossfit até é uma maneira da elevar rápidamente os níveis físicos após férias. Não sabemos em que micro ciclo da pre epoca ele fez aquilo... Os gajos da reportagem é que apenas pegaram no que acharam mais piada. Mas não é mau por si só. Também há por aí uns videos do Klopp, no Dortmund, a "brincar" com bolas de pilates.

Paco no SLB? Seria interessante!!!! :D

Telefonem ao Rui Costas, porque segundo o JJ é o único que seria capaz de lhe telefonar :D

R.B. NorTør disse...

"Ser criticado, para mim ou para qualquer treinador, faz parte. Procuro fazer o melhor trabalho possível, quero ajudar a que os jogadores sejam cada vez mais fortes. Estou tão focado que nada mais me perturba. Os grandes navegadores são conhecidos pelas tempestades que vão ultrapassando, de resto nada mais me move." Sem ir à procura, quem é o autor?

bio disse...

RV?

joao santos disse...

E será que Bebe ainda vai a tempo de aprender? Ou melhor, nunca é tarde para aprender, mas, até que ponto, a tomada de decisão, é algo que se possa melhorar significativamente depois dos 25?

PP disse...

Hmm... pelos vistos, o Jesus não ensinava nada.

DF disse...

Bergkamp, desculpa voltar a invadir, mas gostava mm da opinião do Maldini ou tua ou do Blessing...

Eu já nao tenho duvidas de que JJ era toda a estrutura do Benfica! O resto é um zero. Percebem zero de futebol e zero de como avaliar os jogadores... tal como o JJ afirmou! Vai lá ver os convocados do Benfica!

Como é que o Benfica faz 12 contratações e nenhuma presta?!?! Quem é o Tóne que anda a ver os jogadores?! E quem é o Tone que os aprova?! (Só Mitroglu e Raul é que vão tendo tempo). Contando com as dos anos anteriores que nenhum serve quase para entrar nas convocatórias como o Mukthar, Cristante, Djuricic, Ola John, etc...

O Benfica só voltará a ganhar quando mudar a direcção e esta contratar pessoas que percebam de futebol para tomar decisões relativas aos jogadores e treinadores a observar e a contratar!

Espero que Rui Costa pegue no Benfica e reformule os departamentos relacionados com futebol todos à volta (não os que trabalham no campo - Benfica Lab, departamento médico etc... mas os que observam e contratam jogadores e treinadores!)


Gostava de saber se estão tão pessimistas como eu!

Gonçalo Matos disse...

Principalmente a defender, PP! Tamojunto

R.B. NorTør disse...

bio, quem mais? O Vieira enganou-se, queria contratar o perito motivacional e deu-lhje o contrato de treinador...

DM disse...

O Paco que não gaste o latim que o Bebé por muitas palestras que ouça vai sempre preferir dar o seu "Crossing show" que jogar futebol :)

bio disse...

Mais valia ter ido buscar o Gustavo qualquer coisa, dos livros de auto ajuda...

Tanto treinador com ideias boas por aí. E se calhar não eram caros.