quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Aposta mais segura da semana - Bundesliga.


Prevê-se um Hamburg de linhas baixas. Defensivamente conseguem juntar sectores e encurtar espaços também intra-sectoriais. Todavia, a forma como controlam a profundidade, sem utilizar o guarda redes, baixando em demasia acaba por impedir a equipa alemã de conseguir sair em transição ofensiva. E é sempre complicado a que apenas se propõe defender ser feliz ao longo de todo um jogo.
Uma equipa com menos qualidade individual que o expectável para os seus pergaminhos tem tido no avançado Lasogga o seu jogador de maior rendimento. Muito curto ofensivamente o colectivo do Hamburgo, ainda assim.



O Dortmund de Tuchel é hoje uma das equipas mais encantadoras da Europa, a fazer lembrar o Barcelona de Guardiola. A primazia pela tomada de decisão, um meio campo cheio de criatividade e qualidade técnica em detrimento do físico. O muito jogo entre linhas adversárias e a pressão asfixiante na transição defensiva que lhe garante a bola o jogo todo.

Gundogan, o médio centro direito é na actualidade um dos jogadores europeus de maior rendimento e faz a equipa jogar. Mkhitaryan progride e define a grande velocidade e liga com enorme qualidade com Kagawa, o médio mais ofensivo, de volta ao seu rendimento habitual. O carrossel ofensivo de Tuchel não deixa ninguém indiferente e vai dizimando quem se lhe atravessa no caminho.


13 comentários:

R.B. NorTør disse...

Isto vai passar a ser rubrica habitual? =)

David Cardoso disse...

Não percebo como é que o Gundogan ainda joga no Dortmund , que jogador..., sai Klop entra Tuchel ...

Paolo Maldini disse...

RB, vai! mas continuando com tudo o resto tb!

Pedrooo317 disse...

Adoro.

Bernardo Ferrão disse...

Esqueceste-te só Junuzovic pá ... O gajo é craque ee não é pelo hattrick de cuecas q deu ao Sokratis :D

wipinho disse...

É de louvar a intencao, mas talvez nao seja uma aposta de valor. Digo eu... com os nervos

R.B. NorTør disse...

David,

O Gundogan ainda é uma incógnita na cabeça de muita gente. Não é um jogador barato pela qualidade que transmite ao jogo mas teve uma época horrorosa em termos físicos, devido à lesão grave, o que coloca muitos pontos de interrogação.

wipinho disse...

Há pormenores que faltam. e atencao nao levem isto como bota abaixo, sao apenas dados estatisticos que de alguma maneira justificam uma odd "alta" para tao claro favorito

O Dortmund nos ultimos 9 anos só ganhou uma vez em Hamburgo.

O Hamburgo nao sofre nenhum golo em casa há 3 jogos.

Para esta aposta ter valor temos de considerar que as chances do Dortmund ganhar sao de 90%. O que baseado no futebol jogado apenas pode ser bastante real (se bem que no futebol é preciso sempre cuidado), mas nao acredito so em "futebol jogado", há factores casa, momentos de forma, histórico, valores individuais, clima da noite de jogo.

Se considerarmos 90% como hipoteses reais entao sim a aposta tem valor, mas se considerarmos uma aposta com probabilidade de 80% (e eu pessoalmente até considero menos) entao esta aposta é uma ma aposta.

Nao porque nao ache que o Dortmund nao va ganhar a Hamburgo, mas porque o risco de isso nao acontecer nao justifica o ganho.

Se o Dortmund for capaz de ganhar 8 jogos em 10 com esta odd e se nas 10 apostas apostarmos sempre o mesmo (10 euros) no fim dos 10 jogos perdemos dinheiro.

João disse...

Caros,

Há algum site de apostas atualmente ativo em PT? os que usava foram todos bloqueados.

Obrigado

PicaretaLeonina disse...

Aproveito desde já para elogiar esta nova rúbrica. Apesar de nunca o ter dito, por achar que não tenho nada que mandar bitaites sobre a vossa política editorial, sempre achei que só tinham a ganhar se não se prendessem tanto ao nosso cantinho(Portugal) e aos jogos de equipas de topo noutros países(Barça-Real e companhia limitada).

Dos jogos da Premier, acho que o Norwich não é uma equipa tão inglesa como referes(e tens aqui uma boa análise do Bernardo sobre eles: http://futeboltactico24h.blogspot.pt/2015/08/alex-neil-e-os-seus-canarios.html), mas não me vou prender muito nesses jogos por não ser uma liga que me cative, dai não conhecer muito bem a maioria das equipas.

A Bundesliga, pelo contrário, é uma história completamente diferente. É uma liga muito mais interessante que a inglesa. Simplesmente tem a desvantagem de não ter tantos recursos financeiros e de não se conseguir "vender" tão bem ao exterior(embora estejam a fazer, e bem, cada vez mais esforços nesse sentido). Tem toda a competitividade que se elogia na Premier, mas com muito mais organização e ideias.

Para além disto, o Bremen é a minha "segunda equipa"(adaptando o que disse o João Pinto, a minha cor é o verde e branco! :) ), pelo que os conheço bastante bem, e começo por eles. Concordo com tudo o que dizes sobre a equipa defensivamente. Muitas referências individuais, em toda a equipa, reação à perda normalmente pouco agressiva; o que a torna muito fácil de manipular pelo adversário. Com bola é muito inconstante, tanto faz jogos em que jogam com alguma calma, fazem as coisas como deve ser e, por isso, atacam bem; como acham que isto é basket e que cada ataque só pode durar 24 segundos, acabando por não construir nada de jeito. Individualmente, dos 3 jogadores que destacaste é provável que 2 não joguem :) O Selassie está com uma concussão e não joga quase de certeza, e, embora não saiba a que García te referes(o Bremen tem 2, por coincidência ambos laterais esquerdos e ambos com sérios problemas defensivos), também estão ambos em dúvida para o jogo. Na vez do Selassie deve jogar o Zander, que é um lateral-direito fino, com boa técnica e muito boa capacidade de definição dos lances, embora algo frágil fisicamente; e na esquerda deve jogar o Sternberg, que não é nada de especial.

De resto, o GR é interessante(o do ano passado era um susto, grande melhoria aí), a dupla de centrais, agora que não joga o Lukimya(que faz o Maurício parecer um central de qualidade, só para se perceber), também não é nada má(embora o Vestergaard seja sobrevalorizado); o meio-campo tem alguma qualidade, visto que alterna elementos medianos como o Kroos e até o Bargfrede com o Fritz, que apesar da idade é interessante, Junuzovic, que é bastante bom e top5 a marcar livres no mundo; e o Grillitsch, caso esteja em condições, que é um jovem com muito potencial). Isto dos que têm sido opção ultimamente. Concordo com o teu destaque ao Ujah, tem de facto qualidade(fisicamente é um monstro, tecnicamente razoável e movimenta-se muito bem). Ao lado dele ou joga o Bartels, que é um autêntico 12º jogador(ou 13º, se considerarmos o 12º os adeptos :) ) ou o Pizarro, que todos conhecem e que, apesar dos 36 anos, continua a safar-se bem. Analisando racionalmente, no entanto, diria que o Wolfsburgo ganha o jogo sem grandes problemas. Pode ser que me engane...

No outro jogo, o que dizes do Dortmund está certíssimo(equipa absolutamente apaixonante, era capaz de os ver jogar durante horas e horas seguidas), mas não concordo que o Hamburgo tenha pouca qualidade individual. Falo no meio-campo, acima de tudo, que é dos melhores da Bundesliga. Díaz(para mim, o médio-defensivo mais subvalorizado do mundo)-Holtby-Hunt é um meio-campo super criativo e forte tecnicamente, capaz de resolver imensos problemas complicados de forma coletiva. O problema é muito mais coletivo que individual.

tl;dr: Bremen <3<3

R.B. NorTør disse...

Picareta, tomara eu contar com qualquer um do meio campo do Hamburgo para fazer companhia ao Samaris, mas a questão sobre os problemas complicados que têm pela frente é se conseguem resolver os problemas complicados que o meio campo do BVB lhes vai colocar.

O centro do BVB é «muita forte» e basta ver que mesmo na tareia que o Bayern lhes espetou quase todos os golos tiveram de ir às alas para furar a defesa. Aliás, nas alas é onde reside o problema da defesa do BVB. Aquilo é tão tracção à frente que nem «rodinhas de segurança» tem.

Quanto a mim, amarelo e preto me confesso, e pode ser por isso que discordo! ;)

R.B. NorTør disse...

Olha, ao intervalo peço imensas desculpas. Que jogo desastrado do miolo do Dortmund. E Holtby então está a ser rei. Quando quiseres partilhar mais sabedoria passa por aí! =)

Héber disse...

Granda HSV!