sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Bruno César para o onze. Jesus e a importância do treino.

O Sporting tem problemas individuais graves, na frente, por não jogar com jogadores com capacidade de desequilíbrio individual no último terço. Sabendo-se da dificuldade da equipa em marcar golos, Bruno César, saindo Carrillo, é o seu sucessor natural. Alia grande qualidade técnica à uma velocidade de execução tremenda. Inteligente na forma como procura o último passe, e veloz na passada como Jesus gosta. Fortíssimo na finalização. Poderá não estar nas melhores condições agora, mas estará de certeza em condições para entrar no onze assim que Jesus quiser. É a solução que o treinador procurava, a tal criatividade individual, tão necessária no seu modelo de jogo para partir equipas mais compactas. Sendo que não há muita qualidade na frente do Sporting, "Chuta-chuta" vai ser fundamental no desfecho do campeonato, e no sucesso que o Sporting possa ter. 

Percebe-se que para um treinador o mais importante é o treino, e o trabalho que ele desenvolve com os jogadores, bem como as relações que os jogadores desenvolvem entre si, quando opta por retirar Bruno César da competição até Janeiro, dando-lhe já tempo de trabalho dentro da sua ideia de jogo. Poderia, para alguns treinadores, pensar-se que o melhor seria o ritmo competitivo. Mas em competição, e para quem trabalha de forma tão específica, o mais importante é o ritmo de aquisição de comportamentos colectivos e o conhecimento das competências e do perfil dos colegas de equipa. É um grande golpe de Jesus ter Bruno César já, ainda que não jogue. Quando aparecer, estará muito mais preparado do que se estivesse a competir pelo Estoril. 

52 comentários:

Gonçalo Matos disse...

Onde achas que entra no 11? No lugar do Ruiz? No lugar do Teo? Ou tirar o Adrien, por João Mario no meio e tirar o capitão?

Pedrooo317 disse...

Não estava por aí além no Estoril...

O Sporting não tem qualidade individual no papel de extremos?

Então e o Gélson e o M.Pereira que vocês tanto falaram aqui?

Já são "verdinhos" agora?

Então e a aposta na qualidade independentemente da idade?

Bigodes disse...

Desconfio que o Adrien será vendido em Janeiro, só não foi em Agosto porque o William se lesionou.

William e João Mário no meio campo, Aquilani e Paulista como substitutos.

Hélder disse...

Não gostei dele, primeiro porque roubou minutos ao nolito, segundo porque acho que decidia que decidia mal (preferia o remate de longe à penetracao) e era um pouco calaceiro.

Parece me um jogador contratado pelos golos que pode marcar mais pelo que pode jogar (uma pouco como a aposta no talisca) e pelas bolas paradas.

O Sporting faz bom negócio, compra um jogador experiente e barato.

Hélder disse...

Por falar no nolito está a entrar agora... Na roja...

Bernardo Ferrão disse...

No dia em que chegou escrevi que era o melhor fora dos 3 grandes. Uns mesinhos depois ... :D

bio disse...

Concordo,

Muita qualidade no bruno.

Então neste modelo....

Gonçalo Mano

David Cardoso disse...

Não acredito que seja o B Cesar seja a solução ,mas convenhamos que tendo em conta q o sporting anda com o j mario na direita não vai ser assim tao dificil,jogar ; a falta de qualidade individual do scp è gritante , o jj afinal mesmo depois de se converter em Judas ainda anda a fazer milagres , realmente um treinador top

GV disse...

Não vi até hoje, no Benfica como no Estoril, tanta qualidade assim no Bruno César. Parece-me ser um jogador útil para o Sporting por ser voluntarioso e ter conhecimento do modelo do JJ.
As criticas que fez no passado lá ficaram e pode passar a ser um jogador muito útil para o JJ, pela vontade que aparenta ter de ser reconhecido.

cobra2 disse...

O que acham que falhou aquando da passagem do Chuta-chuta no Benfica com Jorge Jesus?
Nem se pode dizer que existiram jogadores melhores que lhe roubaram minutos, porque foi precisamente o contrário (ele é que roubou minutos ao Nolito).

m1950 disse...

William , Jmario , Ruiz , Matheus , Montero/Mané e Gutiérrez.

Dava a Ruiz o papel de Carrillo , no lado direito , tem remate , dribble , visão de jogo , e defende melhor que os laterais do Sporting.

A Matheus metia-o a jogar na esquerda , onde tem maior capacidade de explosão , e um dribble desconcertante.

Teo é um ponta de lança matador.

É só afinar as peças , não falta qualidade ao Sporting.

m1950 disse...

Bruno César é um jogador de qualidade que passou ao lado de uma carreira notável , não se entende muito bem porquê , mas ainda vai a tempo , mas suspeito que vem para jogar a 8. Vamos ver.

Rui Pinho disse...

Comissões. As mesmas que o levaram para as arábias. E esses miseráveis dos fundos, esses imundos. Só que não.

DM disse...

Blessing, diz-me uma coisa, o problema do Sporting na frente é falta de jogadores com capacidade de desiquilibrio individual ou é o treinador que prefere não optar por colocar esses jogadores e apostar em dar outra dimensão fisica à equipa? Se não, por motivo jogam Teo e Slimani enquanto Montero fica no banco? Porque motivo o Matheus Pereira não joga para ficar no lugar dele João Mário que devia estar a jogar na posição do Adrien? Porque motivo jogadores como o Gauld nem entram para o totobola? Bruno Cesar é um bom reforço para o Sporting e fico muito satisfeito com a sua vinda, principalmente pela experiência que trás consigo, mas se o objetivo é dar criatividade, qualidade técnica e capacidade de finalização aos flancos então não percebo porque é que um certo jogador basileiro que bisou em 2 jogos seguidos não teve oportunidade de manter essa sequência de jogos a titular.

Honoris disse...

É o b.cesar para 8 e o bosingwa para 10

Paulo Reis disse...

Não acredito neste post. Vocês têm mesmo a certeza que são treinadores de futebol? O Bruno César? Mas o rapaz lá é jogador? Sugiro, então que os rapazes do lumiar vão buscar o Derley, e estará um trem avançado do outro mundo!

Paulo Silva disse...

O bruno cesar, para mim esta equiparado a ayrton, kardec, eder luis, baiano, emerson... parace-me bom no brasil, ritmo baixo de jogo, a capacidade fisica muito pouco utilizada, trata- se de um flop como jogador do benfica.

Dennis Bergkamp disse...

Paulo Reis,

Certeza... certeza... nao temos.

RG disse...

"a falta de qualidade individual do scp è gritante"

Não podia estar mais de acordo! Agora é manter essa falta de qualidade individual até Maio e continuar à frente dos outros que estão cheios dela. Se possível manter ainda essa falta de qualidade durante os próximos anos...

Falando do Bruno, gostei de o ver esta época em Alvalade pelo Estoril.

Edson Arantes do Nascimento disse...

kkkkkkkkk

O Bruno César vai jogar nas alas do Sporting (na direita ou na esquerda). A oito? AHAHA!!

Blessing disse...

É pá... Kkkkkkkkkkkkkkkkkk, Edson e Honoris! Em uníssono por favor.

RG, quem tem treinadores de outro nível arrisca-se a isso.

DM, Montero não tem desequilíbrio individual.
Matheus começou agora, e Jesus prefere sempre quem tem mais tempo de trabalho com ele, exceptuando alguém que seja excepcional relativamente ao que dá ao jogo. Matheus e Gelson são bons jogadores, bons valores jovens, mas enquanto seniores, a competir contra seniores com ainda não são excepcionais de forma consistente no que podem dar ao jogo.
O Gauld, na minha opinião, também não tem desequilíbrio individual.
Bisou em dois jogos seguidos de que nível?!

Quando digo não têm desequilíbrio individual significa que sozinhos não partem o adversário. Precisam de colegas e combinações para o fazer. Precisam de um tipo de jogo e de um tipo de jogador que os entenda, que vá de encontro às melhores características deles, e que os faça trazer a sua qualidade.
Jesus não é esse treinador. Jesus é treinador do modelo de jogo dele, com o perfil dele de jogador. Há os que se adaptam, e há os que não. Há os que encaixam na perfeição, e há os que tendo qualidade não têm as fundamentais para o que ele quer.

O Olhar do Mister disse...

Bruno Cesar, jogador Técnico, no seu domínio de bola e Remate de curta e longa distância. Concentração média, com quebras médias e espirito de agressividade que se traduz na sua disponibilidade constante na recuperação da bola e bravura com a mesma. Estrutura forte e potência na execução, já a velocidade ainda tem que trabalhar para estar nos mínimos da forma aceitável, no actual ritmo de jogo.

É claro que não é um Celson ou um Mateus.P, são jogadores muito diferentes no contexto da tarefa de um extremo, na filosofia de jogo de J.J. Com tudo tem certas características que o fazem um jogador desequilibrador, não esquecendo e lembrado que existe vários tipos de jogadores de desequilíbrios ofensivos…

B.Cesar desequilibra no momento de rutura sem bola, forte no jogo aéreo em bolas paradas e no contexto do jogo interior, a onde a sua acção mais comum é o remate em potência.

Na minha opinião e conhecendo o estilo de jogo de J.J, o Bruno vem no objectivo de criar desequilíbrios ofensivos, não um titular, talvez em alguns jogos que peçam as suas características, mas no substituto capaz de criar aberturas defensivas, desequilibrar organizações regidas defensivas e criar lances de oportunidades de golo a partir de médias distâncias.

Uma boa escolha de J.J, como sempre, na forma de melhorar a filosofia de jogo dos leões.

DM disse...

Se concordo contigo no que dizes em relação ao Gelson e ao Montero (por diferentes motivos, claro), não posso concordar no que diz respeito ao Matheus e ao Gauld. O Matheus com uma sequência maior de jogos a titular, com menos ansiedade e maior liberdade em campo já será capaz de dar consistentemente esse desiquilibrio individual. Seja no 1x1, seja no passe, seja no remate. É um jogador com uma qualidade técnica tremenda e uma maturidade competitiva elevadissima (tanto que em meia dúzia de jogos na equipa B parecia que andava a jogar contra equipas de escalões inferiores tal a facilidade com que fazia acontecer). Pode e vai resolver muitos jogos sozinho. Podes dizer (e eu concordo) que ainda não tem a maturidade/experiência suficientes para ser excepcional durante 90 minutos, todas as semanas. Mas os jogadores que atingem esse patamar não param na Liga Portuguesa e quando param, rapidamente se vão embora. E eu prefiro ter o Matheus em campo ao Adrien, por exemplo.
O mesmo serve para o Gauld, que não sendo um fantasista como o Matheus tem a magia dos "10" à antiga. Pode não ser consistente 90 minutos por semana, mas tenho a certeza que seria muito mais regular a dar criatividade e inteligência ao ataque do Sporting que o Teo. Até porque o que está aqui em discussão é se estes jogadores não podiam dar aquilo que supostamente o Bruno Cesar vem trazer. E eu gosto do Bruno Cesar e acho uma excelente contratação, mas se o motivo da sua contratação é falta de "criatividade" ou "desiquilibrios individuais", eu acho que o JJ podia começar a resolver essa dificuldade já hoje dentro de portas.

Blessing disse...

Eu não acho. Acho que os que citas têm muito que andar, e o Bruno César não. Gelson é o que me parece individualmente mais forte, mas também me parece o mais inconsistente deles. Matheus é o que gosto mais, pelo que dizes, mas é muito diferente o jogo que Jesus quer que ele jogue agora, mais o facto de competir contra seniores de qualidade. Não digo que não deva ser aposta, mas acho que neste momento Bruno César garante melhor o que Jesus quer.
Gauld tem essa magia, mas não é o Aimar, e esse foi único com essas características em quem Jesus apostou. Portanto, repito, não encaixa no que JJ quer.

David Cardoso disse...

O Bruno sempre que jogou a 8 no SLB foi um fiasco . RG digo e repito a falta de qualidade no SCPè gritante , o que o SCp tem e faz toda a diferença é ter um treinador Top e os outros 2 grandes tem 2 melões como treinador, se os outros tem muita ...olha o meu SlB tem o gaitan jonas e olha q o salvio volta, para alem do nelson q è muito melhor q o jp para nao falar comparativamente em outros jogadores da tua equipa , vai è rezando para que o jj fique aí por muito tempo...quem sabe assim vcs tem alguma chance .)

YayayaToure disse...

"Se concordo contigo no que dizes em relação ao Gelson e ao Montero (por diferentes motivos, claro), não posso concordar no que diz respeito ao Matheus e ao Gauld. O Matheus com uma sequência maior de jogos a titular, com menos ansiedade e maior liberdade em campo já será capaz de dar consistentemente esse desiquilibrio individual. Seja no 1x1, seja no passe, seja no remate. É um jogador com uma qualidade técnica tremenda e uma maturidade competitiva elevadissima (tanto que em meia dúzia de jogos na equipa B parecia que andava a jogar contra equipas de escalões inferiores tal a facilidade com que fazia acontecer). Pode e vai resolver muitos jogos sozinho. Podes dizer (e eu concordo) que ainda não tem a maturidade/experiência suficientes para ser excepcional durante 90 minutos, todas as semanas. Mas os jogadores que atingem esse patamar não param na Liga Portuguesa e quando param, rapidamente se vão embora. E eu prefiro ter o Matheus em campo ao Adrien, por exemplo. "

Concordo na íntegra! O MAtheus Pereira, se fosse uma aposta mais regular por parte do JJ, elevaria certamente a qualidade do jogo ofensivo do Sporting para outro patamar! ACho o um jogador fabuloso!

m1950 disse...

Edson Arantes do Nascimento.

O Bruno César é um médio ofensivo , que Jesus meteu a jogar nas alas no Benfica.

Mesmo fosse adaptado teria mais características que Enzo ou Pizzi para jogar a meio campo.

Abraço.




DM disse...

@Blessing, eu não os estou a comparar com o Bruno porque citando o Bryan Ruiz, "a experiência não se pode comprar". O Bruno está, claramente, num patamar superior, e por isso é que o considero uma excelente adição ao plantel. Mas há problemas que podem ser resolvidos já e que não se justificam com a "falta de qualidade do plantel", nomeadamente a falta de criatividade ofensiva individual. Falo especialmente de Montero e Matheus Pereira a substituir Adrien e Teo/Slimani, que iriam aumentar substancialmente a nossa criatividade ofensiva. A mim custa-me entender como é que JJ se queixa de falta de qualidade técnica/criatividade na frente e depois aposta numa dupla com Teo e Slimani. Isto é falta de soluções do plantel ou insistência num determinado tipo de jogador? Neste caso, é o treinador que abdica de qualidade técnica/criatividade para ter jogadores mais fortes fisicamente em campo. Se há queixas a fazer, é ao modelo em si e não ao plantel pois criatividade/qualidade técnica no plantel como um todo não falta (falta é jogadores com estas caracteristicas e a experiência do Bryan).

@David Cardoso não sei se estás a falar a sério ou a brincar, mas caso estejas a falar a sério acho que tens de rever urgentemente as tuas opiniões acerca da qualidade individual dos jogadores. Se o Sporting tem uma falta de qualidade individual gritante, o que dizer do Benfica? O Benfica resume-se a Gaitan (principalmente) e Jonas. O resto são jogadores a roçar entre o mediano/mediocre/horrendo (atualmente, alguns têm potencial para vir a ser bons jogadores do futuro). Que já o eram o ano passado. Individualmente, o Benfica tem o plantel mais fraco dos 3, sendo o Porto o mais forte. A única parte lúcida é que a grande diferença do Sporting para o Porto está no treinador TOP.

Edson Arantes do Nascimento disse...

O David não está a brincar e até está coberto de razão.

Diz-me lá DM - o Patrício é melhor do que o JC? O J. Pereira é melhor do que o Nélson Semedo? O Jefferson é melhor do que o Eliseu? Em quê?

E no ataque? Achas que Montero e Slimani são melhores jogadores do que Jimenez e Mitroglou e Jonas?

Nas alas então nem é preciso falar... Os factos falam por si e tens de referir o Salvio. P. Oliveira-Naldo são melhores individualmente do que Luisão-Jardel? Em quê? Onde?

O único sector onde o Sporting ganha em termos de qualidade individual é no meio-campo, sobretudo a 8, onde tem um jogador fantástico chamado João Mário. E outro chamado William Carvalho - mas neste caso o Benfica tem Samaris.

David Cardoso disse...

@DM que anda a brincar és tu chamar Luisão , Samaris , N. Semedo , J cesar, Mitroglou, Salvio de mediano/mediocre/horrendo estamos converssados... tu é que deves andar muito lúcido... não sei nem se valia a pena responder...

Incrive/super/ maravilhoso deve ser o Naldo ,Paulo Oliveira, J pereira , Adrien , Mateus , Teo, Ruiz,Slimani, joão mário a jogar á direita e companhia, pelo amor da santa...

Foi com esse plantel que vencemos o ano passado ,o facto do SLB andar a depender de Gaitan e Jonas não tem a ver com a qualidade do plantel , tem sim a ver com a dificuldade que o SLB tem esta época de ter comportamentos coletivos dentro de um modelo de jogo onde se possa maximizar a qualidade dos seus jogadores e esconder as fraquezas, tal como era com JJ, e infelizmente não vimos isso ainda com o RV, e não sei se iremos ver infelizmente...

Blessing disse...

DM, tu não entendes o que é criatividade individual. É ter qualidades que permitam resolver o jogo sozinho. E por isso disse, que o mais criativo individualmente até era o Gelson. Daí a aposta de Jesus. Só que é inconsistente. Montero não tem nada disso. Matheus tem alguma coisa...
1x1, velocidade, finalização. É disso que Jesus fala.

Blessing disse...

Se o modelo tem falhas? Lógico. Mas qual é a novidade?!
Nenhum treinador é perfeito e Jesus é igual ao Jesus do Benfica.

Blessing disse...

Se o modelo tem falhas? Lógico. Mas qual é a novidade?!
Nenhum treinador é perfeito e Jesus é igual ao Jesus do Benfica.

GC disse...

Laterais,

Adoro-vos e agradeço tudo o que já aprendi aqui. Se vejo futebol com um mínimo de ideias sobre aquilo que para mim deve ser o jogar de uma equipa, a vocês o devo. Mas, desta vez, permitam-me perguntar: estamos a brincar ou que?

Montero, Ryan, Andre Martins, não tem 1x1,não tem rasgo individual? Ok, concedo. Mas que 1x1 é que o slimani ou o teo ou o Adrien tem? E mesmo ao nível da finalização, são estes superiores aqueles?

A única justificação que vejo (e que me deixa doente) é que o JJ gosta é de cavaloes e de gajos que sigam sempre para cima, mesmo que não tenham 1 pingo de qualidade. Só pode ser. De resto, não há 1 (1!) atributo que, pelo menos aos meus olhos, os titulares sejam melhores que os suplentes. 1!

Posto isto, adoro-vos na mesma. E tenho saudades das vossas análises aos jogos, mesmo que não tenha qualquer legitimidade para vos pedir o que quer que seja.

Abraço a todos

DM disse...

Blessing, para dizeres isso então não podes ter acompanhado a carreira do Gelson e do Matheus. O Matheus está muitos patamares acima do Gelson no que a "criatividade individual" diz respeito. O Matheus sim, tem capacidade para resolver jogos seja através do 1x1, passe, finalização, etc - é a larga distância o jovem com mais potencial em Portugal. O Gauld consegue criar sozinho várias situações de finalização simples para os colegas. Ok, ainda precisa que o Slimani descalce os tijolos e use umas chuteiras.

Não sei o que entendes por "criatividade individual", mas para dizeres que é o Gelson quem tem mais criatividade individual então só se estiveres a falar no 1x1. E mesmo aí, perde para o Matheus.

@Edson e David, eu acho que vocês é que andaram iludidos por terem Jesus. E não é por não terem Jesus que os jogadores não têm qualidade. Jesus é que os fazia parecer melhores do que realmente eram. Luisão e Jardel são 2 toscos que tiveram a sorte de encontrar Jesus nas suas carreiras (comparados com o antecessor Garay então a diferença é estratosférica). Vou-me abster de comentar o Eliseu e o Nelson Semedo, ou tentar explicar que entre Mitroglu e Slimani a diferença é se querem um tronco com ou sem barbicha. Quando o Rui Vitória se for embora e os jogadores continuarem a não prestar, a culpa vai ser sempre do Jesus. Benfica neste momento é Gaitan e Jonas. Só. Acabou aqui a qualidade individual do Benfica. O que em comparação com uma época em que tiveram Matic, Enzo, Garay, Markovic, Gaitan, etc, etc, etc é uma pobreza. Jesus o ano passado ganhou apesar da qualidade individual do plantel e não graças a ela. Acho que é isso que tem ficado complicado de interiorizar.

David Pereira disse...

Bom dia!

Podemos fazer uma troca de links entre blogues por favor? Podem adicionar o meu blogue à vossa lista de blogues sff?

O meu é: http://davidjosepereira.blogspot.pt/

Muito Obrigado!

Depois passem pelo meu a confirmar a troca, para eu também adicionar o vosso blogue aos meus links.

B Cool disse...

O Jesus tem um modelo em que privilegia as capacidades físicas e técnicas das individualidades dentro do colectivo e dos princípios que tem o seu modelo. Por isso, muitos dos jogadores, que são e foram elogiados pelas suas qualidades, não se enquadram no modelo do treinador.

Quanto ao Bruno César, nunca gostei dele no Benfica pois sempre achei que dava muito menos que o Nolito, em especial numa altura em que o Benfica tinha Aimar, Saviola e Cardozo. Mas se olharmos para o plantel do Sporting e para o nível de futebol apresentado, excepção feita ao jogo na Luz, talvez isso devesse ser um alerta para os responsáveis do Benfica, B. César tem muito para acrescentar, sendo previsível que seja o substituto do Carrillo, rodando com o Ruiz e o João Mário.

Quanto à qualidade do plantel do Benfica, digo o seguinte, com o JJ, o Benfica era o mais sério candidato a ser campeão. Assim, pode ser que o Braga seja inconstante...

David Cardoso disse...

Grande post Edson Arantes e o Blessing como sempre perfeito , cmpts

m1950 disse...

DM é verdade , confirmo , Matheus tem mais capacidade para resolver um jogo num lance que Gelson.



m1950 disse...

David Cardoso entendo o seu ponto de vista mas está a exagerar , como dizia o Otto Glória não se fazem omeletas sem ovos , os treinadores não fazem nada sozinhos , o plantel do Sporting tem qualidade semelhante ao Benfica , sendo que é ligeiramente superior por ser mais homogéneo.

O Benfica tem mais excelentes jogadores que o Sporting , mas depois os outros são de facto medianos e mediocres como disse o DM.

Se formos dar notas aos jogadores do 11 veja.

5 - William , Jonas , Gaitán , Salvio.
4 - João Mário , Ruiz , Paulo Oliveira , Júlio César , Patrício , Gutiérrez , Ewerton.
3 - Luisão , Jardel , Jefferson , Semedo , Slimani , Samaris.
2- João Pereira , Eliseu , Jimenez , Adrien , Talisca.

O banco do Sporting , Aquilani , Esgaio , Montero , Matheus , Naldo , Gelson , Mané , André Martins , é muito superior ao banco do Benfica...

Mesmo que análise seja subjetiva , não poderá fugir muito disto , o Sporting tem mais bons jogadores que o Benfica e menos medianos e medíocres , sendo que o banco do Sporting garante rendimento , a maioria destes 8 jogadores podia estar no 11 do Sporting sem que a equipa perdesse rendimento , e para mim alguns até aumentavam a qualidade da equipa , mas isso é com o Jesus.

Blessing disse...

GC, o modelo do Jesus é o modelo dele. Não é o nosso. E dentro do modelo dele, a ferocidade é um atributo chave, não é novidade, e todos sabemos. Dentro disso, qual é a dúvida sobre a valia dos que citaste para JJ?!

DM, se o dizes... Mas não é nada disso que vejo. Vejo Gelson muito mais forte individualmente que os outros, e Matheus como Gauld, a precisarem de se envolver para resolver. Veremos nos próximos jogos.

DM disse...

Essa é uma aposta fácil de ganhar, visto que Jesus tem no Gelson o seu "pet project" e vai dar-lhe mais oportunidades que ao Matheus :P

Não sei desde quando é que acompanhas a carreira de ambos, mas já vejo Matheus e Gelson a jogar desde 2013 quando jogavam juntos na equipa de juniores e apesar de gostar muito do Gelson (e incluo também o Podence) era o Matheus de longe o mais talentoso. O que marcava mais golos e fazia mais assistências. O que produzia mais lances "Uau!". No 1x1 então, que ainda não mostrou no pouco que se exibiu na A, é fortissimo. O Matheus já devia estar a treinar regularmente com a equipa A desde a época passada (teve foi os problemas que se sabe da renovação)! Não quero dar uma de professor Chibanga, mas vai ser o próximo grande craque a sair de Alcochete. E não estou com isto a desvalorizar o Gelson, longe disso :)

R.B. NorTør disse...

m, essas notas são um bocado... esquisitas!

A título de exemplo, deixas de fora o Mitroglou, que nunca poderá ter menos do que Teo (e duvido que o Teo o ano passado fosse 4); se Patrício é 4, JC é 5; Sálvio dificilmente é 5, mesmo em pico de forma; Se Eliseu é 2, João Pereira é 1 ou mesmo 0; não percebo em que é que a dupla Paulo Oliveira/Ewerton perde para a dupla Luisão/Jardel, daí achar que nunca a diferença individual será de um 4/4 para um 3/3, enfim.

O facto de as escolhas do Sporting serem mais homogéneas não faz com que a qualidade à disposição do treinador, ou aquela que ele quer usar, seja melhor. Como alguém já disse, não sei se aqui se noutro blog, tirando o centro do terreno, onde o único benfiquista bem acima da média é Samaris (e que merecia na minha opinião um 4, nunca um 3), em todos os outros sectores o Benfica não perde para o Sporting na qualidade individual.

Claro que a malta sportinguista anda tão mal habituada que agora parecem todos bons. Não se preocupem que também já passámos por isso! Olha, relê aquele post de Agosto sobre «agora até das individualidades se duvida».

GC disse...

Certo, mas aí estamos de acordo. Na cabeça do jj a ferocidade (para usar o mesmo termo) é essencial, mas isso não se traduz em valências técnicas. Traduz-se, talvez, em maior agressividade posicional e num assumir do risco ofensivo mesmo que em circunstâncias desfavoráveis e com pouca qualidade individual. Mas não passa, acho eu, pela maior capacidade de 1x1 ou finalização. Foi só isso que quis dizer. E não duvido que o jj, apesar de certos "amores" por jogadores que me tiram do sério, é o melhor treinador da história do Sporting. O homem faz milagres, e isso ninguém lhe pode tirar

GC disse...

Certo, mas aí estamos de acordo. Na cabeça do jj a ferocidade (para usar o mesmo termo) é essencial, mas isso não se traduz em valências técnicas. Traduz-se, talvez, em maior agressividade posicional e num assumir do risco ofensivo mesmo que em circunstâncias desfavoráveis e com pouca qualidade individual. Mas não passa, acho eu, pela maior capacidade de 1x1 ou finalização. Foi só isso que quis dizer. E não duvido que o jj, apesar de certos "amores" por jogadores que me tiram do sério, é o melhor treinador da história do Sporting. O homem faz milagres, e isso ninguém lhe pode tirar

Blessing disse...

GC, mas ele tem a ferocidade e queixa-se da falta de qualidade individual. Carrillo. Ele quer mais gajos desses. Para qualquer posição do ataque. Depois acho que tocas aí numa coisa fundamental, que é o que por exemplo me fez sempre pensar que ia afastar Mane do onze, e até agora tive razão - Assumir do risco ofensivo, mesmo que em circunstâncias desfavoráveis. E é sobretudo nisso, e talvez por isso que é aposta de Jesus, que Gelson está acima dos outros. Velocidade, 1x1, finalização. Assumir o risco.

Blessing disse...

DM, os juniores não são os seniores. Os juvenis não são os juniores. A passagem de escalão transforma jogadores. E faz com que procurem o sucesso das suas acções de forma diferente ao que estavam habituados. Se Matheus é assim, como dizes, então está a transformar-se. Talvez por perceber que não tem tanto sucesso nos seniores da mesma forma que tinha nos juniores. Pelo contrário, Gelson, é o mesmo. Mesmo ferocidade a ir pra cima e procurar a baliza. Isto é só uma suposição e pode ser que Matheus seja mais tímido e ainda se vá mostrar. Vamos lá ver como é que isso acaba.

DM disse...

Talvez porque o Matheus é inteligente o suficiente para optar por outros recursos que o façam ter mais sucesso onde realmente importa, na criação de oportunidades de golo. Mas não tenho duvidas que assim que se estabeleça com mais regularidade na equipa vamos poder ver toda a sua capacidade neste tipo de lances. Ainda o ano passado ele fazia isto contra os juniores do Porto (http://www.maisfutebol.iol.pt/sporting/fc-porto/video-a-magia-de-matheus-pereira-no-relvado-de-alvalade). Tenho mesmo muita esperança no Matheus e acho que é o jovem com mais potencial neste momento em Portugal. Mas eu não sou nenhum especialista, portanto isto pode sair completamente ao lado. Sempre acompanhei os juniores e há uns anos atrás se me dissessem que Mané ia estar nesta altura na sua 3ª época de sénior consecutiva na equipa A e o Iuri Medeiros emprestado ao Moreirense eu diria que era impossivel e que o Iuri por esta altura já andava era a ser disputado pelos tubarões. O fator "aposta no momento certo" também conta muito no futuro de um jogador.

@R.B. eu também não sou muito de dar "notas" as jogadores e não concordo plenamente com a análise do m1959. Mas é preciso ser justo nas análises. Eu tenho lentes verdes, tu tens vermelhas e como é óbvio é sempre complicado não darmos uma opinião enviesada. Eu acho que o tanto Benfica, como Porto e Sporting têm planteis de qualidade semelhante, sendo que coloco o Porto em 1º, o Sporting em 2º e o Benfica em último. Mas não estou a dizer que o plantel do Sporting é escadalosamente superior ao do Benfica como o do Benfica era em relação ao do Sporting em 2013/2014, por exemplo. São diferenças marginais. O Benfica esta época joga na lateral direita com Gonçalo Guedes e Nelson Semedo. Não estou a dizer que não têm qualidade, mas o ano passado, por exemplo, jogavam Maxi e Salvio. A diferença de qualidade atualmente é gritante (ok, o Salvio está lesionado e vai regressar em breve). Jogadores como o Luisão, Jardel, Paulo Oliveira, Naldo e afim são todos jogadores que individualmente roçam entre o mediocre e o bom. Não são excelentes como o Garay ou muito bons como Marcano e Ewerton. A diferença entre a dupla Paulo Oliveira/Ewerton para a dupla Luisão/Jardel o ano passado não era de qualidade individual. O Luisão tem dificuldades técnicas ao nível do Slimani, é lento e não é especialmente inteligente no seu jogo. Sempre as teve. Mas 6 anos com o Mestre a levar aquele estimulo diariamente fizeram-no parecer muito melhor do que realmente era. É preciso não esquecer que no pré-JJ o Luisão perdia lances de cabeça para o Liedson por estar mal posicionado. Que qualquer jogador mais dotado da 1ª liga fazia gato-sapato dele. Da mesma forma que hoje os adeptos que elogiam o Naldo no Sporting, se JJ sai do Sporting apanham o choque da vida deles quando se aperceberem da mediocridade do jogador. Este é um campeonato que vai ser decidido pela qualidade do treinador e não pela qualidade dos jogadores. Porque individualmente, é talvez dos mais equilibrados desde que tenho memória.

m1950 disse...

DM e @R.B. foi apenas um exemplo , onde quis mostrar que o plantel do Sporting tem menos excelentes jogadores mas é mais homogéneo e tem banco e na soma acaba por ser ligeiramente superior.

Falei apenas dos titulares e concordo que Júlio César é melhor que Patrício , mas não o considero um excelente jogador. 1 e 0 a jogadores de equipa grande também não fazia muito sentido.

O @R.B. acha que não faz a diferença ter um plantel homogéneo e discordo , principalmente no caso do Benfica , eu a última vez que vi o Benfica em Alvalade , disse-se que Jesus foi lá defender , o que eu vi é que aos 10min de jogo percebeu que não tinha qualidade para sair com a bola , do meio campo para trás ninguém tinha classe para segurar a bola e conduzir à excepção de Maxi. Com todo o respeito , do meio campo para trás o Benfica é uma equipa banal , tem sim excelentes avançados , agora se a bola não chega lá com qualidade nada se pode fazer.

Os centrais do Benfica só são superiores aos do Sporting no jogo aéreo , e para o Jardel em velocidade , de resto perdem em todos os parâmetros.

Na Luz JJ definiu muito bem as zonas de pressão e limitou-se a esperar que "o meio campo para trás" perdesse a bola , tal a falta de categoria dos mesmos com a bola no pé. Confesso que quando vi que o Semedo estava lesionado , já esperava que o Sporting ganhasse com relativa facilidade.

R.B. NorTør disse...

DM,

O teu remate é precisamente onde eu queria chegar quando fiz a minha «análise» às notas do m. A dupla de centrais é para mim um dos pontos fulcrais para se perceber que a diferença de qualidade dos plantéis é aproximada. Claro que depois entram as lentes e a única coisa que eu mudava era a ordem de Benfica e Sporting, por achar que os meus são melhores que os teus =P.

A questão da lateral direita, custa-me ver que o Nélson Semedo não vai poder evoluir com um treinador que tem algo para lhe ensinar. Acho que tem potencial e as falhas que demonstra são coisas que com o tipo de estímulo correcto podem ir ao sítio. Para já não sinto que seja inferior ao JP, aposta do JJ até chegar o «escroto» ;) e compensa o abaixo do João Mário que o GG está.

Enfim, para não me alongar muito, são diferenças marginais mas que dois nomes desequilibram para o lado da Luz de uma forma decisiva. Gaitán e Jonas juntos valem por tudo o que o Sporting tem à frente do William num dado momento. Mais ainda se o parceiro do Jonas for o Mitroglou. Com estes três o JJ dava 5 de avanço ao RV e ainda goleava no fim... ou então punha o Talisca para ser equilibrado.

RG disse...

"RG digo e repito a falta de qualidade no SCPè gritante , o que o SCp tem e faz toda a diferença é ter um treinador Top e os outros 2 grandes tem 2 melões como treinador, se os outros tem muita ...olha o meu SlB tem o gaitan jonas e olha q o salvio volta, para alem do nelson q è muito melhor q o jp para nao falar comparativamente em outros jogadores da tua equipa , vai è rezando para que o jj fique aí por muito tempo...quem sabe assim vcs tem alguma chance ."

Neste momento ( 21/11/2015 ) WC, Jefferson, Ruiz, João Mário, Naldo e Carrilo, que até não joga, seriam titulares no SLB. Logo nota-se bastante a falta de qualidade....
Actualmente só Jonas e Gaitan entrariam de caras no 11 do SCP.
Mais uma vez nota-se claramente a falta de qualidade....

Isto de achar que um jogador pode ser melhor que o outro é subjectivo, eu por exemplo acho que Esgaio é superior a qualquer um dos laterais de SCP e SLB que somaram mais tempo de jogo. No entanto, e como temos de falar de factos e não suposições, volto a repetir WC,Ruiz,João Mário, Jefferson, Naldo e Carrillo seriam titulares no SLB ao passo que apenas Gaitan e Jonas o seriam no 11 do SCP.

Mas para mais facilmente ter discernimento fica aqui os 11:
SCP: Patricio, Pereira,Oliveira,Naldo,Jefferson,WC,J.Mario,GAITAN,Ruiz,Jonas e Slimani
SLB: JC,Silvio,Luisão,NALDO,JEFFERSON,WILLIAM,JOÃO MÀRIO,RUIZ,GAITAN,CARRILLO,JONAS.

No entanto gosto muito de o ver explanar a teoria do vira casacas...a uns meses JJ não era nada de especial e nada do que por aqui se dizia dele, sendo que no SLB demonstrou demasiadas falhas para que se achasse que o SCP seria talvez o mais bem preparado para a nova época, de momento é o melhor e é ele que faz com que a falta de qualidade do SCP não se note....Caro David você decida-se!!

RG disse...

Blessing,

"RG, quem tem treinadores de outro nível arrisca-se a isso."

Obviamente que estou de acordo. Mas a qualidade não é assim tão diferente como se tenta fazer passar por aqui. Até dou de barato que num tudo, e sobretudo devido a qualidade de 2 ou 3, o Benfica seja um 9, mas o SCP será na pior das hipóteses um 8.

Tenho de concordar com o DM no seu último comentário...parece-me que esta ano será o treinador a decidir e aí, que me perdoem os que acham que Vitória é um talento escondido ou os fã do basco Lopes, mas o SCP tem o melhor dos últimos anos.