sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

"...porque não sabe como c#""#$% faz" Riquelme.

"Esto es como ir manejando en una autopista. Si hay un choque, ¿qué haces? ¿Seguís por ahí o vas por otro lado? Doblamos, ¿no? No vamos por donde está el choque. Iniesta hace lo mismo. Si hay mucha gente por acá, él va por allá y está solo", 


asegura, antes de entrar a fondo con Messi: "El único que se mete en el choque es Messi. Messi se mete ahí porque no sabe cómo carajo hace. Él sale, mete el gol y no se da cuenta. Se va a la casa y lo mira por la tele"




13 comentários:

PP disse...

«El único que se mete en el choque es Messi.» Mentira!

Se fosse verdade o Messi jamais seria um dos melhores jogadores do mundo e estaria ao nível de um Nani ou de um Quaresma.

O que faz o Messi ser aquilo que é, se calhar até não é aquilo que muita gente tanto admira, o seu drible curto, mas sim a sua inteligência de jogo.

O argentino passa a maioria do tempo que tem a bola nos pés a passar a bola para os colegas e a fugir exactamente a esses choques. Apenas quando sente que poderá ter hipóteses - quando as marcações a ele feitas estão mais macias, ou quando o grau de desorganização do adversário o permite - é que ele ataca forte e feio.

Mais raro do que o talento é a inteligência do jogador.

Paolo Maldini disse...

talvez o "choque" não seja literal........ já pensaste nisso?

Honoris disse...

O que ele quis dizer, na minha opinião, é que o Messi além de toda a inteligência (que Iniesta e o proprio também têm), tem a capacidade de se meter no meio da "confusão" e sair de lá com a bola no pézinho

Shield from Tyrrany disse...

O riquelme é um nabo e nao sabe o que diz. O q ele diz aqui simplesmemte é mentira. O Messi é o melhor do mundo, sim. Mto superior ao CR7, sim. Mas ele nao joga como riquelme aqui descreve

Paolo Maldini disse...

"confusão" sim. O choque que o Riquelme refere é isso.

PP disse...

"Choque", "confusão",... o que o Riquelme quis dizer é que ele é um jogador inteligente porque prefere trocar a bola como o Iniesta ao contrário do que o Messi faz que é, no sentido das palavras dele, partir cegamente para cima dos adversários.

E é por isso que escrevi que é uma MENTIRA. Se há algo que distingue imenso o Messi de todos os outros jogadores dotados tecnicamente é o seu critério. Ele pura e simplesmente não "fuça" constantemente. É preciso que estejam reunidas as condições ideias para ele arriscar na jogada individual. E é precisamente isso que o torna tão ímpar.

O que não falta no futebol são jogadores com a sua capacidade de drible. Mas, o que realmente escasseia no futebol é a sua inteligência de jogo.

hra disse...

A única coisa que me chocou foi o primeiro cometário:
Meter o quaresma e o nani no mesmo pote é sinal que o autor do mesmo está perdido fora do barco num vasto oceano

Riquelme tem toda a razão, messi é como a água não há muros que o parem.

Blessing disse...

PP a dar uma de esperto quando todos sabem que opinião ele tem do Messi em relação à todos os outros. É só mais um. Como ele há muitos. Não apanharam foi grandes treinadores. Riquelme, no que diz, refuta tudo isso. E dá-lhe grande mérito individual. Quando diz que não sabe como é que faz, só faz.

Marco Van Basten disse...

PP disse...
Eu acho que o Neymar é de outra centelha bem diferente da do Robinho, que muitos vaticinam que terá o mesmo caminho...

Agora, se num Barcelona com Guardiola quase que teria 100% certeza que o melhor do mundo no próximo ano já não seria o Messi, com este novo treinador será uma grande incógnita.


PP disse...
Teixeira,

O que leva-me a ter "quase 100%" de certeza é a qualidade e visão do modelo de jogo do Guardiola.

Acho que com ele o Neymar atingiria seguramente um nível idêntico ou superior ao Messi. O mesmo diria do Ronaldo.


PP disse...
Baggio,

As vossas certezas tem muito que se lhe diga...

"Messi, é o Messi. Não há nenhum igual na actualidade, nem vai haver!
Quem não percebe isto, está muito longe de perceber de futebol."

Poderias falar de qualquer outro jogador, pois são todos diferentes.

Para mais, nem sequer estou a falar que o Neymar ou o Ronaldo seriam novos Messis. Acredito sim que com Guardiola a treiná-los teriam um peso na manobra da equipa tão ou maior que Messi-Iniesta-Xavi.

O Messi é o Messi pelo Barcelona do Guardiola.

Há imensos jogadores com o talento técnico do Messi. Capazes de fazer o que ele faz em campo? Alguns. Mas, o que a meu ver faz toda a diferença é a sua interpretação do modelo de jogo do Barcelona.

Interpretação essa que Neymar e Ronaldo também poderiam fazê-lo e com isso atingir outro patamar, patamar esse que poderia muito bem ofuscar o Messi.

PP disse...
Baggio,

Já vi que o Messi é um tema sensível para ti.

O que eu escrevi não foi de todo minorar o Messi e todo o seu jogo. Também eu sou seu fan. Mas, também sei ser equidestante e ponderado nas avaliações.

O Guardiola dizer o que diz do Messi, falá-lo-ia de qualquer outro seu jogador, por isso é preciso separar um pouco o trigo do joio nessas declarações.

Falar de melhor do mundo num desporto colectivo como o futebol é, para mim, das maiores estupidez que existe. Não tem qualquer fundamento. O máximo seria criar um prémio para a melhor equipa, ou o melhor onze.

Penso que naquela posição de "9.5", um Agüero era capaz de performance semelhante se fosse enquadrado na filosofia de jogo do Barcelona. Talento não lhe falta.

É óbvio que as pessoas não são computadores, mas quando olho para o tridente atacante do Barcelona, não me é difícil imaginar um Neymar-Messi-Ronaldo, com o brasileiro e o português enquadrados na filosofia de jogo, a dar que falar...

Há tanto, mas tanto, mas tanto talento no mundo do futebol... concordo contigo, quando referes que a inteligência do jogador é muito importante, mas também não menos importante é o tipo de ensino que os atletas têm. E por ensino, falo dos "mestres" que os jogadores vão tendo ao longo das suas carreiras.

Podes questionar-me se mesmo assim eles seriam mais importantes do que Messi, ao qual eu respondo-te com uma incógnita. O que eu sei é que, no mínimo, os aproximaria e muito do nível do camisola 10 argentino. E, agora uma provocaçãozinha: se o Ronaldo já está muito próximo desse nível sozinho, imagina o que seria trabalhar com um "mestre" como o Guardiola. Emoji wink

Dizer que quem não ache o Messi o melhor do mundo de sempre é fugir à verdade... diria que é um bocadinho exagerado não?!

E para mais, nem sequer é a minha intenção estar aqui a ter discussões efémeras sobre quem é o melhor, pois já referi que isso é um dos prémios mais estúpidos que existe, tendo em conta a modalidade... É um prémio que visa os egocêntricos e não promove o espírito de equipa.

A ideia que quero debater é a importância dos bons treinadores nos jogadores talentosos e na sua capacidade de atingir o potencial de cada um deles.

Eu acho que o Messi já atingiu todo o seu potencial. Não há muito mais para ele ultrapassar (a não ser ele próprio). Agora com o Agüero, com o Neymar, com o Ronaldo, com o Ribery, e com muitos outros, parece que o limite deles ainda não foi atingido.

E não é atingido porque lhes falta os mestres certos para tal.

Marco Van Basten disse...


PP disse...
Teixeira,

Porque tenho de ser eu a estar errado quanto a avaliação de potencial?

Porque não poderás ser tu? Ou todos os outros?

A verdade é que neste momento, o Messi está numa posição bastante beneficiada. E, pelo que tenho visto dele, penso que é o modelo do Barcelona que lhe dá o factor X que ele parece possuir a mais do que os outros.

Colocaste aí videos de vários jogadores a fazer malabarismos... será que o faziam com o Guardiola? Se calhar até sim. Mas, será que fariam com maior rendimento? Penso que sim. É a minha opinião.


PP disse...
Teixeira,

1 - Espero que não fiques triste com a resposta a...

«existe algum jogador que já tenhas visto jogar com a relação com a bola que tem o Messi?»

Existem vários no mundo!


2 - Porque é que estão sempre com medo do Ronaldo? A capacidade futebolística do Ronaldo e do Messi, em termos de potencial, devem ser equiparáveis. Assim como de outros jogadores de top que vejo jogar.

A questão não está em saber se um domina melhor, ou o outro cabeceia melhor. Todas essas características são importantes numa equipa de futebol.

Por isso, é que acho que um Guardiola retiraria o máximo dos máximos de todos esses atletas, ajudando-os a atingir outro potencial.

E aí, essa tal discussão parva do "melhor do mundo", seria mesmo parva, tal a subjectividade evidente das opiniões.

Moral da história: se fores um jogador de futebol talentoso, com enorme capacidade de trabalho, esperto e inteligente, então deverás sempre optar por uma equipa cujo treinador tenha grandes competências e que queira ajudar-te a elevar o teu nível. Assim terás uma carreira recheada de sucesso.

Por fim, onde escrevi que metia o Ronaldo na posição do Messi? O que escrevi foi que com um treinador visionário como o Guardiola tanto Ronaldo, como Agüero e outros jogadores de enorme potencial iriam certamente atingir-lo totalmente, da mesma forma como o Messi atingiu.

Perguntaste-me se «podes meter o Messi a fazer de Ronaldo no Madrid?» Ao qual vou-te responder com o seguinte, com Rijkaard o Messi era extremo direito. Se não tivesse aparecido o Guardiola na vida do argentino, em que posição é que achas que ele estaria a jogar neste momento?

Ainda por cima quando a maioria dos treinadores de topo mundiais, convencionaram que um #9 tem de ser um ponta-de-lança forte fisicamente... alguma vez algum teria a coragem de meter o Messi na posição que ele agora revolucionou? É essa a importância de um grande treinador na vida dos jogadores. Então nos grandes jogadores é a diferença entre ser muito bom e excelente.

Marco Van Basten disse...

compilação de Pêpêzadas que chegou ao mail

PP, quando falas de futebol o futebol morre mais um bocadinho!!!!!!!

agora vai lá comparar o Messi com o Quaresma junto dos teus amigos...

m1950 disse...

PP, dribble também é inteligência se houver objetividade e benefício para a equipa , e a finta curta de Messi é perfeita não só pelo magnífico controlo de bola que tem como pela capacidade de antecipar o movimento do corpo do adversário , daí o número de cuecas que dá quando quer e como quer.

De resto muita confusão para decifrar um simples castelhano.

"O Messi não tem problemas em partir para cima!"

Gonçalo Matos disse...

Há algum jogador do Mundo que fixe mais jogadores que o Messi? A minha interpretação do que diz o Riquelme é nesse sentido.
Ele não só se mete na confusão como a cria.